A Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP) inaugurou nesta semana o Laboratório Escola de Análises Clínicas, localizado no Bloco 07 da Instituição, e o Complexo de Laboratórios da Saúde, construído no Prédio Principal. As cerimônias aconteceram na segunda e terça-feira, recebendo professores, alunos, profissionais da área da saúde e autoridades.

Anfitrião, o presidente do Conselho Curador da FESP reforçou em seu discurso o esforço de toda a FESP em prol do avanço em direção à melhoria constante de suas estruturas e ferramentas de ensino. “Toda vez que nós inauguramos um ambiente, um espaço destinado ao ensino, nós sentimos que chega ao fim mais uma empreitada de toda família FESP. É um momento em que a gente sente que a missão de educar, de formar homens e mulheres, está sendo cumprida. Especialmente para a área da saúde, estamos ofertamos estes novos laboratórios e aguardamos a vinda da Medicina para melhor atendermos a demanda de profissionais médicos, que vai além da nossa região. Estamos felizes porque junto da criação do curso virá um melhor cenário do atendimento médico na nossa cidade e entorno. É com muita satisfação que entregamos estas obras finalizadas e vislumbramos as transformações que elas vão proporcionar à nossa comunidade em um futuro próximo”, frisou o professor Fabio Kallas.

Dando nome ao Complexo da Saúde, a diretora do Núcleo Acadêmico de Ciências Biomédicas e da Saúde, professora Tânia Maria Delfraro Carmo, agradeceu a homenagem e ainda parabenizou os colegas que também tiveram seus nomes emprestados às salas do espaço inaugurado. “Essa é mais uma vitória. A FESP, Passos e região ganham um complexo educacional dinâmico, inovador, interativo, com materiais e equipamentos de última geração. A comunidade deve estar feliz hoje porque vamos desenvolver o ensino, a pesquisa e também a prestação de serviço. Agradeço ao professor Fabio pelos desafios lançados e apoio incondicional. Estou satisfeita com os professores homenageados e eles recebem minhas congratulações. São merecedores e representantes de tantos outros que se dedicam à FESP. Acredito e defendo que A FESP está onde está e é o que é pelo esforço conjunto destas pessoas. Muito obrigada e parabéns a todos”, disse emocionada.

Também recebendo tributo, uma das primeiras enfermeiras de Passos e integrante do mais antigo corpo docente da FESP, a professora Brazilina de Abreu Freire destacou o avanço que a FESP teve nos últimos anos. “Temos atualmente uma estrutura muito boa na área da saúde. O curso de enfermagem é tradicional e há muitos anos forma grandes profissionais. Agora estamos esperando a Medicina vir complementar e agregar ainda mais. Vai ser um marco na história da nossa cidade e região. Quando eu dava aulas, eu sempre sonhava com um laboratório como este. Na época era difícil e ver esse espaço hoje é uma enorme satisfação”.

O Professor Dr. Pedro Messias da Silva defendeu ainda a importância dos novos laboratórios para a chegada do curso de Medicina. “Pra nós é um orgulho muito grande. Este complexo está entre os mais modernos do Brasil e vem pra concretizar o nosso sonho da escola de Medicina em Passos. Esse curso vem reforçar a potencialidade de educação e formação da nossa região”, declarou. A professora Drª Maria Paula Moraes Vasconcelos completou: “é uma felicidade imensa ver isso tudo pronto. Vamos viabilizar aqui um aprendizado com base naquilo que há de mais moderno e acima de tudo com respeito ao ser humano”.

O Complexo da Saúde possui área total de 800 metros quadrados e tem capacidade para acolher 330 discentes e docentes. Além do atendimento a todas as estruturas curriculares dos cursos do núcleo da saúde, os laboratórios estão equipado para o desenvolvimento de pesquisas fora do âmbito acadêmico, com espaços e equipamentos próprios, privativos para docentes pesquisadores, ou mesmo para o desenvolvimento de pesquisas por discentes, dentro do programa de iniciação científica.

De acordo com o professor Luiz Camilo Silveira Teodoro, o trabalho feito em conjunto pensou a estrutura se preocupando em fazer o melhor em cada detalhe. “Trabalhamos em equipe, visitamos grandes universidades e, a partir destas nossas pesquisas, nós planejamos a construção dos nossos laboratórios baseado naquilo que vimos de melhor e ainda obedecendo às exigências do MEC. Preparamos-nos para receber esses novos alunos que chegarão em breve e eles sairão daqui com uma formação de altíssima qualidade”.

Laboratório Escola de Análises Clínicas

O Laboratório Escola de Análises Clínicas atende a todos os requisitos exigidos pela Vigilância Sanitária e MEC. O espaço está equipado com aparelhos automáticos e semiautomáticos, servindo aos alunos o programa de estágio supervisionado, onde desenvolvem a rotina laboratorial – desde a coleta até a emissão e interpretação dos resultados.

Para a coordenadora do curso de Biomedicina da FESP, o laboratório é muito importante para na formação prática dos alunos. “Nossos estudantes vão sair do básico e vão colocar em prática tudo que aprendem em sala de aula. O aprendizado vai ser ainda mais completo pelo fato de que eles terão contato direto com o público fazendo o atendimento. Sem dúvida nossos futuros biomédicos estarão muito bem preparados para o trabalho em qualquer laboratório”, disse a professora Alessandra Bonacini Cheraim.

O Laboratório recebeu o nome do professor, farmacêutico e bioquímico, José de Paula Silva. “A homenagem é algo simples, passageiro. A gente tem certeza que este laboratório vai servir muito bem o curso e vai permitir a melhor formação possível para os nossos alunos. Isso é mais importante do que qualquer homenagem. A gente tem uma infraestrutura de curso de excelência e uma qualidade de ensino invejável. O nome é apenas um detalhe. A minha satisfação vai além disso”.

A FESP buscará convênios para oferecer serviços gratuitos e particulares no Laboratório Escola.  Ainda de acordo com a coordenadora Alessandra Cheraim, sua capacidade atual é de 400 exames por mês, mas esse número pode ser expandido para atender a demanda da comunidade.

Segundo a superintendente regional de saúde, Kátia Rita Gonçalves, parcerias públicas e privadas vão colaborar para suprir as necessidades da população. “Gostaria de parabenizar a FESP que está em ação, em movimento, dinâmica, crescente e comprometida em oferecer aos alunos uma série de instrumentos e equipamentos para fortalecer sua capacitação. Hoje o Sistema Único da Saúde (SUS) necessita de profissionais competentes, atentos e ligados e é esse profissional que está se formando aqui. Este laboratório vai poder atender uma demanda grande e isso é fantástico. A ideia é que possamos fazer uma parceria para que este espaço possa ser utilizado com 100% de sua capacidade, contribuindo muito na área da saúde”, destacou.

O Laboratório Escola de Análises Clínicas da FESP conta com uma equipe de profissionais dedicados e treinados, com qualidade dos serviços, sempre atualizado e modernizado em todos os seus setores.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG

Confira as fotos dos eventos clicando AQUI e AQUI.