A Fundação de Ensino Superior de Passos participou, no último sábado, na Praça Monsenhor Messias Bragança, do lançamento da Campanha de Desarmamento Infantil “Troque uma arma de brinquedo por uma Revista”, realizada pela Editora Abril e implantada em Passos através de parceria entre FESP, Folha da Manhã e Radio Jovem Pan. A campanha terá duração de dois meses e já conta com a participação de estudantes de escolas públicas e particulares de Passos. 

A Campanha do Desarmamento Infantil é direcionada a crianças de seis a 12 anos de idade e será encerrada no dia 29 de junho. As trocas das armas de brinquedo por revistas da Editora Abril serão feitas em postos de coleta disponíveis nas escolas, no prédio principal da FESP, na recepção do Jornal Folha da Manhã e nas Bancas de Revistas localizadas na Praça Geraldo da Silva Maia e Praça Monsenhor Messias Bragança.

O distribuidor regional da Editora Abril, Aparecido Donizette Jacinto, ressaltou a importância da FESP, Folha da Manhã e Jovem Pan que prontamente aceitaram parceria. A Campanha da Editora Abril começou em junho de 2011, na cidade de Barueri, São Paulo, e já tirou de circulação mais de 75 mil armas de brinquedo. Segundo Donizette Jacinto, ao final da coleta em Passos o material recolhido será destinado para reciclagem. 

O presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas, acredita que as demonstrações de adesão à campanha, o comprometimento das escolas envolvidas e dos parceiros, durante o lançamento, indicam que a campanha vai superar as expectativas e mostrar para as crianças que só por meio da educação é que se pode prover a melhora da segurança pública. “Muito mais do que a simples troca, a iniciativa é uma ação em prol da educação. Quando lançamos a campanha temos o intuito de apontar o caminho certo. Participando, as crianças vão entender que a leitura é a única arma que eles vão usar contra a violência”, afirmou Fabio Kallas.

O evento contou com a participação do diretor do Núcleo Acadêmico de Ciências Humanas e Ciências Sociais Aplicadas, professor Vivaldo Silvério de Souza Filho; do diretor da Folha da Manhã, jornalista Carlos Antônio Alonso Parreira e do diretor da Jovem Pan Passos, Ney Bueno Júnior. 

A FESP promoveu uma edição do projeto “Praça Viva”, que leva recreação e lazer através do curso de Educação Física, especialmente para o lançamento da campanha. Além de trocar as armas de brinquedo por revistas, as crianças puderam se divertir com Escalada, Xadrez Gigante, Pula-Pula e muitas outras atrações, com acompanhamento de estudantes e professores.  

A primeira troca oficial foi feita pelo aluno do 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Francina de Andrade, Flávio Gabriel Garcia Oliveira que, após receber a Revista Recreio e posar para foto, disse que não gostava da sua “arminha” de brinquedo e que a troca é “bem-vinda, já que gosta muito de ler”.

A cerimônia também foi palco de apresentações de grupos de dança e de interpretação musical dos estudantes passenses, além do ato simbólico das meninas da Escola Municipal Professor Hilarino de Moraes, que soltaram balões com uma placa pedindo paz. “A gente precisa acreditar e ter esperança em um mundo melhor”, disse a pequena estudante Lívia Aparecida Ferreira. 

O mesmo apelo foi feito pela mãe de João Vitor, Kátia dos Santos. Segundo ela, seu filho, os irmãos e os amiguinhos “brincavam” de matar um ao outro com as armas de brinquedo. “Eu não acho isso interessante. Eu acho que a violência já está demais, então, basta!”. Frisou Kátia.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG