Três estudantes da Fundação de Ensino Superior de Passos foram aprovados no Programa Ciência sem Fronteiras, do Governo Federal, para graduação “sanduíche” nos Estados Unidos, França e Hungria. Os estudantes são do Curso de Engenharia Civil e o início das atividades está previsto para os meses de junho e julho. Antes de iniciar os estudos no exterior, os alunos vão fazer um curso intensivo de inglês no país de destino. Os nomes selecionados são: Guilherme Bispo, que vai estudar na Colorado University, nos Estados Unidos; Túlio Silva Soares, que irá realizar graduação na Budapest University of Technology and Economics, na Hungria, e Gabriel Bernardes Costa que aguarda o direcionamento para uma universidade francesa. 

A Coordenadora do Programa Ciência sem Fronteiras da FESP e Coordenadora de Pesquisa e Extensão da instituição, Marisa da Silva Lemos, afirma que as universidades contempladas por estes alunos estão na lista das melhores do mundo na área de engenharia. Segundo ela, o programa vai disponibilizar um portal de estágio e empregos nas melhores empresas brasileiras para os alunos, quando retornarem ao Brasil.

Para o Diretor do Núcleo Acadêmico de Pós – Graduação, Pesquisa e Extensão da FESP, Eduardo Goulart Collares, a qualificação desses alunos dará uma grande contribuição para colocar o Brasil dentre os países de ponta em relação à pesquisa científica e inovação. Atualmente ocupamos o 13º lugar mundial em produção científica e temos potencial para melhorar esta posição.

O aluno selecionado para cursar graduação na Hungria, Túlio Silva Soares, afirma que a FESP e o mercado de trabalho transformaram sua maneira de ver o mundo e que colhe os frutos de uma dedicação que só quem esteve ao seu lado sabe como foi intenso e realizador. “Estudar e trabalhar no exterior em uma cidade fantástica como Budapeste será uma grande oportunidade. Só tenho que agradecer a Deus e expressar minha imensa gratidão à FESP e em especial a Marisa da Silva Lemos, Coordenadora do Programa Ciência sem Fronteiras da FESP e ao Jornalista/Assessor, Étory Zaghi, que em momento algum mediram esforços para me dar apoio e auxilio nos processos burocráticos de inscrição. Agradeço também aos professores do meu Curso de Inglês e, principalmente, à minha família, namorada e amigos que sempre acreditaram em mim e acompanharam minha dedicação”, disse.

O aluno, Gabriel Bernardes Costa, aprovado no edital para a França, também está animado. "A graduação sanduíche é um multiplicador de oportunidades. O aprimoramento do idioma francês é a chance de estudar em uma instituição com excelência internacional, será no mínimo incrível”, comenta.

Guilherme Thadeu Bispo, de 21 anos, esta concluindo o 9º semestre e está muito feliz com a oportunidade de estudar no exterior através do Programa Ciência sem Fronteiras, pois irá expandir seus conhecimentos e aperfeiçoar o idioma inglês. “Agradeço primeiramente a Deus, aos familiares e amigos que sempre o apoiaram, também a Coordenadora do Programa Ciência sem Fronteiras da FESP, Marisa da Silva Lemos, ao Jornalista/Assessor, Étory Zaghi e ao estudante intercambista do Programa Ciência sem Fronteiras que está nos Estados Unidos, Eridano Valim Maia. Agradeço também aos amigos Luiz Guilherme Pimenta Pereira, Daniele Paulino Donato e Maisa Silva Mariano que sempre o ajudaram e apoiaram durante o processo”, declara o estudante. 

O Programa Ciência sem Fronteiras prevê a disponibilização de até 101 mil bolsas em quatro anos para promover intercâmbio, de forma que os alunos de graduação e pós-graduação façam estágio no exterior, com a finalidade de manter contato com sistemas educacionais competitivos em relação à tecnologia e inovação. As bolsas de estudo no exterior têm como objetivo fortalecer e expandir as iniciativas em ciência, tecnologia, inovação e competitividade através da mobilidade internacional dos estudantes.

Os alunos interessados em estudar no exterior por meio do Programa Ciência sem Fronteiras / FESP, poderão obter orientações através da Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP, o CPEX, na Rua 3 de Maio, número 33, Centro de Passos – Telefone (35) 3529 – 8080. 

FONTE: Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP - CPEX.