O curso de Direito da FESP realiza nesta quinta-feira (13) sua Aula Magna com palestra ministrada pelo Doutor Rodrigo Pacheco, advogado especialista em Direito Penal Econômico e Conselheiro Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O evento é aberto ao público e acontece às 19h30 no Espaço Absoluto.

Sob o tema "O exercício da advocacia – direitos e deveres do Advogado", o palestrante vai desenvolver uma visão geral do que é o profissional de Direito e ainda falar sobre a ética da advocacia. Para o professor Alisson Thales Moura Martins, responsável pelo evento, é com muita alegria que os alunos vão receber o convidado ilustre. “É uma boa oportunidade, pois existe a esperança de novos tempos em nosso curso”, defende.

Rodrigo Otávio Soares Pacheco é sócio do escritório Maurício Campos & Pacheco Sociedade de Advogados; é Presidente da Comissão Nacional de Apoio aos Advogados em Início de Carreira; também Coordenador em Minas Gerais do Projeto Eleições Limpas da OAB Federal. Auditor do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de Minas Gerais; ex-conselheiro estadual e ex-presidente da Comissão de Defesa Assistência e Prerrogativas da OAB/MG, além de ex-membro do Conselho de Criminologia e Política Criminal do Estado de Minas Gerais.

A palestra marca o início do plano de atividades do curso de Direito. Todos os estudantes da FESP e comunidade em geral estão convidados a participar. Não é preciso apresentação de carteira de estudantes e a entrada é gratuita.  

O curso de Direito da FESP realiza nesta quinta-feira (13) sua Aula Magna com palestra ministrada pelo Doutor Rodrigo Pacheco, advogado especialista em Direito Penal Econômico e Conselheiro Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O evento é aberto ao público e acontece às 19h30 no Espaço Absoluto.

Sob o tema "O exercício da advocacia – direitos e deveres do Advogado", o palestrante vai desenvolver uma visão geral do que é o profissional de Direito e ainda falar sobre a ética da advocacia. Para o professor Alisson Thales Moura Martins, responsável pelo evento, é com muita alegria que os alunos vão receber o convidado ilustre. “É uma boa oportunidade, pois existe a esperança de novos tempos em nosso curso”, defende.

Rodrigo Otávio Soares Pacheco é sócio do escritório Maurício Campos & Pacheco Sociedade de Advogados; é Presidente da Comissão Nacional de Apoio aos Advogados em Início de Carreira; também Coordenador em Minas Gerais do Projeto Eleições Limpas da OAB Federal. Auditor do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de Minas Gerais; ex-conselheiro estadual e ex-presidente da Comissão de Defesa Assistência e Prerrogativas da OAB/MG, além de ex-membro do Conselho de Criminologia e Política Criminal do Estado de Minas Gerais.

A palestra marca o início do plano de atividades do curso de Direito. Todos os estudantes da FESP e comunidade em geral estão convidados a participar. Não é preciso apresentação de carteira de estudantes e a entrada é gratuita.  

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Os cursos de Agronomia e Engenharia Ambiental da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) promovem na próxima terça (07) a aula magna de 2011 que irá debater o tema Manejo Integrado de Bacias Hidrográficas. O evento está marcado para as 19h no Auditório do Bloco 1 (Prédio Principal). O palestrante é o engenheiro agrônomo e professor Maurício Roberto Fernandes que é coordenador estadual de manejo de bacias hidrográficas da EMATER-MG e mestre em Ciências dos Solos. O palestrante possui uma especialização em Israel e outra na França e é autor de artigos e livros técnicos sobre o assunto.

De acordo com Maurício, o tema será abordado com enfoque no papel do espaço rural na disponibilização de água para todos os segmentos da sociedade. As bacias hidrográficas constituem as unidades básicas para uso sustentável dos recursos naturais com reflexos positivos na qualidade e quantidade das águas. “Com exceção da Bacia Amazônica, as principais bacias do Brasil são originadas no território mineiro beneficiando diversos estados da federação”, lembra Maurício destacando ainda que apesar da palestra ser direcionada para os cursos de Agronomia e Engenharia Ambiental a temática procura atingir diferentes modalidades profissionais uma vez que “as ações ambientais não constituem monopólio de nenhuma profissão específica e deve envolver participação interdisciplinar”.

O manejo integrado de bacias hidrográficas caracteriza-se por um elenco de ações e técnicas que variam acentuadamente de acordo com as características físicas e sociais de cada região. “Contudo todas as medidas têm como base o controle do ciclo hidrológico”, explica Na oportunidade Maurício lançará o livro “Manejo integrado de bacias hidrográficas: fundamentos e aplicações", patrocinado pelo CREA-MG.

Fonte: Agência Escola




Prof. Renato Flávio Marcão - ASCOM/MPBA

O professor mestre Renato Flávio Marcão, membro do Ministério Público de São Paulo, é o convidado da FADIPA para proferir a Aula Magna do curso de Direito da FESP na próxima terça-feira (22), marcando o início das atividades do ano letivo de 2011. O evento terá como tema "Garantias Constitucionais na Execução Penal" e será realizado no Plenário da Câmara Municipal de Passos a partir das 19h30.

A organização do evento ficou a cargo do Núcleo de Pesquisa e Extensão da Faculdade de Direito de Passos (NPEX/FADIPA) coordenado pela professora Tayara Talita Lemos e da diretoria da FADIPA que tem à frente a Professora Doutora Ana Paula de Fátima Coelho.

Renato Marcão é também Membro do Conselho Nacional de Política Criminal e Penintenciária (CNPCP), da Associação Internacional de Direito Penal (AIDP) e autor de diversos livros muitos deles publicados pela Editora Saraiva. Entre as publicações, está a obra "Curso de Execução Penal" (Editora Saraiva) que trata do tema que será abordado na Aula Magna.

A expectativa de público é de aproximadamente 400 pessoas. De acordo com Tayara, além de muito significativo aos alunos (do 1º ao 9º período) e a todos os membros da comunidade jurídica passense e regional, "o tema será de grande valia para todos os cidadãos que se preocupam com o exercício da cidadania e se importam em compreender como funciona o sistema punitivo, penal e constitucional democrático".

A escolha do tema se deve ao fato da importância de se compreender o que é a execução penal e como atua a Constituição Federal acerca do assunto. Segundo Tayara a execução penal é parte da função do Estado, no que se refere à atuação do Poder Judiciário na esfera penal e do Poder Executivo. Ela se desenvolve, portanto, de maneira conjunta, nos planos jurisdicional e administrativo, por meio de estabelecimentos penais. "Simplificando, é através da execução penal que o comando da sentença, que reconhece a condenação do réu, se cumpre. A Lei de Execução Penal (LEP) brasileira prevê em seu artigo 1º que 'a execução penal tem por objetivo efetivar as disposições de sentença ou decisão criminal e proporcionar condições para a harmônica integração social do condenado e do internado'. Para que esse cumprimento da sentença se dê de maneira justa, democrática e humana a Constituição Federal, nossa Lei Maior, prevê uma série de direitos e garantias, além dos já previstos pela LEP. É sobre tais garantias que a LEP, o Poder Judiciário e Poder Executivo (por meio da Administração nos estabelecimentos Penais) devem cumprir que o Professor Renato Marcão irá nos falar na Aula Magna", adiantou a professora.

A Aula Magna é uma prática pedagógica comum nas universidades e que geralmente é uma tradicional recepção dos alunos calouros envolvendo toda a comunidade acadêmica: alunos, professores e funcionários. A intenção é que o aluno iniciante se sinta parte desse novo universo e que os alunos veteranos o acolham e também aproveitem a oportunidade de aprender com os conhecimentos que serão transmitidos e interagir com os novos colegas. É por isso que em todo começo de semestre os cursos da FESP realizam eventos deste tipo.

Fonte: Agência Escola




Professor João Henrique

Calouros e veteranos da Faculdade de Comunicação Social de Passos (Facomp), unidade da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG), dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda, participaram da Aula Magna proferida pelo professor convidado João Henrique Moreira de Faria. O evento foi realizado na sexta-feira (11) na sala de multimídia da Biblioteca Engenheiro Oto Lopes de Figueiredo.

O palestrante fez uma apresentação das profissões de jornalista e publicitário, bem como do mercado de trabalho do setor e discutiu o novo momento pelo qual vem passando a Comunicação Social, com o advento das redes sociotécnicas, popularmente conhecidas como "redes sociais" na internet.

Graduado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Federal de Juiz de Fora, o professor João Henrique possui experiência profissional de 25 anos atuando em diversas áreas da comunicação e como professor universitário há 20 anos. Com ampla experiência no setor de Assessoria de Comunicação, Marketing Político e proprietário da Fator Consultoria, empresa sediada em Belo Horizonte, João Henrique é parceiro da FESP com serviços de consultoria junto ao Departamento de Comunicação e Marketing da Fundação.

A Aula Magna recebeu a presença dos novos estudantes da Facomp e dos veteranos que conheceram conceitos atuais da Comunicação Social e ao fim da apresentação fizeram perguntas ao palestrante que utilizou recursos práticos, como vídeos de campanhas, peças publicitárias e jornais institucionais como formas de exemplo para responder.

Fonte: Agência Escola




Aula Magna FACOMP

O momento principal da Aula Magna foi a discussão acerca das redes sociais e redes sociotécnicas na internet como ferramentas de comunicação. De acordo com o professor João Henrique, a hipermídia - conjunto das chamadas mídias on-line - possui o diferencial de oferecer uma gama enorme de formatos.

Ele citou o evento "Social Media Week" que aconteceu na semana do dia 8 de fevereiro em todo o mundo, com discussões de pessoas interessadas no assunto das redes sociotécnicas. "Tivemos três grandes transformações importantes na história da comunicação humana que foram: a invenção da escrita (século V a.C), a invenção do sistema de impressão de Gutenberg (século XVI) e o advento da internet e das redes tecnológicas (séculos XX e XXI). Com isso, a comunicação humana é transformada. O jornal impresso não vai deixar de existir, mas vai haver uma transformação em seu formato", destacou João Henrique.

As mídias online, segundo o professor, apesar de serem inovadoras são pautadas pelas mídias tradicionais, como rádio, TV e jornal. Mesmo havendo um grande espaço democrático de disseminação da informação, conforme pesquisas apresentadas por João Henrique, existem quatro grandes grupos em que se concentram a mídia on-line sendo eles: UOL, Terra, IG, Globo.com e Google.

"Parabenizo a Facomp por essa iniciativa da Aula Magna e sempre fui e sempre serei um parceiro da instituição. Debater as redes sociotécnicas em cursos de Jornalismo e Publicidade é de fundamental importância para que o aluno tenha contato com a nova realidade que vai trabalhar", avaliou o palestrante.

Os estudantes dos cursos de Jornalismo e Publicidade, que estão antenados com a nova realidade midiática, elogiaram a palestra e destacaram a boa escolha e relevância do tema proposto. "A palestra me trouxe uma nova análise sobre o uso das mídias sociotécnicas. Elas vão além de simples ferramentas de relacionamento, podem ser utilizadas para a divulgação, para disseminação de notícias", comentou o estudante do 5º período de Jornalismo Allan Thales que contou ainda que utiliza as redes para se informar sobre temas que considera interessantes e também como ferramenta de trabalho para publicar os materiais que produz.

O estudante do 3º período de Publicidade e Propaganda, Allan Françozo Dutra também considerou a palestra produtiva que informou claramente o que é estar presente tanto numa agência de publicidade como nos outros setores da profissão e comentou sobre a transformação que a Comunicação Social vem passando com o advento da cibermídia: "A evolução das mídias sociotécnicas pode ajudar muito na divulgação de trabalhos, é muito fácil você publicar um curta metragem de produção própria e fazer o mundo inteiro assistir pelo YouTube. Penso que futuramente as pessoas que utilizam das redes para mostrar trabalhos, ou até participar interativamente com empresas, podem ter uma certa admiração por usá-las profissionalmente e usar como um trabalho para a vida inteira".

Fonte: Agência Escola



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  março 2021  >>
seteququsedo
22232425262728
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930311234