Julia Moraes - Estagiária da Assessoria de Comunicação UEMG Passos
Rafaela Medolago – Estudante de Jornalismo

 

Promovido neste ano de forma descentralizada, com programação própria em cada Unidade Acadêmica, o 21º Seminário de Pesquisa e Extensão (P&E) ocupou com suas atividades a UEMG Passos na última sexta-feira (08). Além dos discentes da Unidade, a atividade no Bloco 5 da Unidade, teve a participação de estudantes das Unidades Campanha e Poços de Caldas.

“É um intercâmbio entre as Unidades e, mais do que tudo, é uma divulgação da pesquisa, o que é importante nesse tempo em que vivemos, onde ela não é tão valorizada”, avaliou a professora do curso de História da Unidade Campanha, professora Débora Cazelato de Souza, uma das participantes do P&E na Unidade Passos.

O Seminário contou ainda com a presença dos pró-reitores de Extensão e de Pesquisa e Pós-Graduação, respectivamente, Prof. Moacyr e Profa. Magda Chamon, que compuseram a mesa de abertura do evento. Eles também realizaram visita à turma do Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, a convite da coordenadora do Programa, professora Rita de Cássia Carvalho, bem como às instalações da Unidade Passos, reunindo-se com a direção e coordenadores, a fim de discutir propostas para novos eventos e projetos. “Estamos aqui para mostrar o compromisso da Universidade com o desenvolvimento desses projetos, com a socialização dessas pesquisas”, afirmou Magda Chamon.

Foram apresentados por volta de 300 projetos de pesquisa e de extensão, nos períodos da manhã e da tarde, ao longo do Seminário. Os pôsteres foram divididos nas sessões de Engenharia, Humanas, Saúde, Agronomia, Biológicas, Exatas, Social e Educação.

A estudante do curso de Pedagogia, Cláudia Aparecida do Prado, da cidade de Poços de Caldas, apresentou o trabalho ‘A Perspectiva da Atuação do Pedagogo no Espaço não Escolar’, que visa a ampliar as possibilidades de atuação dos profissionais da área: “Esse evento é muito importante para nós, enquanto alunos realizadores de pesquisa, por dar credibilidade e divulgar nosso trabalho junto aos pares”, explica.

Aluna do 4º Período de Jornalismo da Unidade Passos, Agnes Fagundes Sales apresentou o trabalho ‘Linguagem, discurso e memória social: O caso da língua(gem) dos sapateiros na cidade de Passos’. Por meio de uma pesquisa de campo com base em entrevistas, a estudante irá produzir um site que vai divulgar de forma catalogada as informações captadas.

“Nossa produção em pesquisa e extensão é muito alta, temos projetos em várias áreas do conhecimento. É importante eventos como este, porque eles promovem visibilidade aos trabalhos desenvolvidos dentro da Universidade. Podemos ainda perceber melhor como esses projetos desenvolvem transformações nas áreas em que são aplicados”, afirma o diretor da Unidade Passos, professor Itamar Teodoro de Faria.



nov
06

UEMG Passos realiza SEAGRO

Por FESP | Tags:

Ana Caroline Diniz

Assessoria de Comunicação UEMG Passos

 

A semana acadêmica de Agronomia aconteceu na Unidade Passos entre os dias 21 e 24 de outubro, o evento contou com palestras e minicursos que abordaram temas atuais, com objetivo de contribuir para o aprendizado e a formação dos estudantes, além de promoverem uma visão das demandas profissionais e de como os estudantes devem se preparar para o mercado de trabalho.

“O evento é de grande importância para a comunidade acadêmica, a partir das palestras eles conseguem ter a visão real de como é o mercado do agronegócio, sendo uma forma de enriquecer o conhecimento dos futuros profissionais,” afirma o coordenador do curso de Agronomia Evandro Lemos.

Carreira profissional, mercado de trabalho, análises de solos, tecnologia de aplicação de defensivos agrotóxicos foram alguns dos temas abordados nas palestras e minicursos, os discentes tiveram a oportunidade de debater sobre os temas com os profissionais da área, enfatizando ainda mais a aprendizagem dos alunos.

“Conseguimos adquirir conhecimentos diferenciados, por se tratar de temas difíceis de obter muitas informações, já que não são abordadas com tanta frequência na grade curricular”, comenta o estudante e membro do Centro Acadêmico Renove, Leonardo Rodrigues.



Ana Caroline Diniz

Assessoria de Comunicação UEMG Passos

 

A Semana Acadêmica de Administração aconteceu entre os dias 21 e 25 de outubro na unidade Passos, as palestras abordaram temas atuais, e tiveram como intuito permitir aos estudantes uma interdisciplinaridade entre os conteúdos, contando com a contribuição prática que permitisse abranger as matérias contidas na grade curricular.

“É indiscutível o engrandecimento e a maturidade obtida com as palestras, podemos concluir que a diversidade das questões tratadas serviu para enriquecer nossos conceitos ministrados em sala de aula, com a participação dos empresários, expondo as metas e propostas para uma vida bem organizada”, afirma a coordenadora do curso de Administração Marise Bertolaccini.

O evento contou com temas como “A importância dos Núcleos de Pesquisa na Formação do Graduando”, “Empreendedorismo”, “Estatísticas, Métodos e modelos aplicados a Administração”, “Marketing para administradores”, entre outros, abordando outras temáticas do universo do mercado de trabalho e o atual cenário das empresas no Brasil.

“Escolhemos temas que estão em alta e que ainda não foi abordado, sendo um assunto inovador que possa nos ajudar na carreira, como ingressar e se manter no mercado de trabalho, sendo mais amplo na área de Administração foi uma boa experiência, acredito que os temas levou um interesse maior aos alunos na semana acadêmica”, comentou Ana Costa, estudante e integrante do Centro Acadêmico Steakholders.



Carol Dias – Estudante de Jornalismo

Fabiana Dias de Lima – Estudante de Jornalismo

Assessoria de Comunicação UEMG Passos

 

O II Encontro de Mulheres na UEMG aconteceu entre os dias 29 e 31 de outubro, o evento trouxe como proposta um estudo da luta das mulheres no Brasil, apresentando vários temas correlacionados, com o objetivo de aproximar a comunidade da luta. O espaço teve como objetivo incentivar os debates que problematizam o ser mulher, contando com rodas de conversa, mesas redondas e oficinas.

 “Debatemos o papel da mulher na sociedade, como o empoderamento das mulheres e suas lutas nas conquistas e quebra de tabus. Foi nos anos de 1960 a 1970 que as mulheres estavam chegando nas universidades de forma massiva e muitas dessas mulheres vieram dos movimentos estudantis, isso aqui (o encontro) tem muita importância para a historia.” Afirma a Professora Rosangela Ferreira Borges, uma das palestrantes do Encontro.

O evento produzido pelo Grupo de Estudos Feministas da Unidade Passos foi aberto a toda comunidade e teve a participação de várias estudantes. “Gostei mais da palestra sobre a violência contra a mulher, pude ver de três ângulos diferentes essa questão, de uma delegada, um psicóloga e uma medica. Isso amplia nossos horizontes sobre o tema e nos enriquece como mulheres. Devemos agora ampliar esse debate para fora dos muros da universidade e levar todo esse conteúdo a comunidade de Passos”, comenta a estudante do 4º Período de Jornalismo, Laura Antunes.  

Conheça o Grupo de Estudos Feministas (GEF)

O Grupo de Estudos Feministas surgiu no primeiro semestre de 2018, após a idealizadora Eduarda Sansão, estudante do 10° período de Direito na UEMG – Unidade Passos, perceber que as participantes do Coletivo Tarsilas, que exerceu atividades entre 2015 e 2017, sentiam a necessidade de ter uma formação política coletiva e debater alguns temas em grupo, com foco inicial na história das mulheres do Brasil. O GEF é organizado em encontros quinzenais e estuda referências bibliográficas pré-estabelecidas com temáticas sobre o quadro da mulher dentro da história brasileira e latino-americana.

“Nós temos construído uma linha do tempo desde o Brasil Colônia, passando por todo Período Colonial, Imperial e Republicano. A gente estuda a luta das mulheres na Ditadura e agora estamos passando por um processo de avaliação da luta das mulheres pós-Constituição de 1988, como luta das mulheres do MST, contra o assédio e contra pautas que são tidas como atuais no século XXI. Estudamos o feminismo e identificamos quais os desafios que temos pela frente”, afirma Eduarda.

“O grupo tem assumido um papel de resgate histórico. Nós buscamos os ideais de luta das mulheres que vieram antes de nós e olhamos para o nosso redor, tomando a experiência de luta de mulheres em nosso tempo a fim de construir um caminho possível para a nossa luta avance. O GEF tem se tornado também um espaço de acolhimento”, comenta Graziele Pereira, estudante do 4° período de Jornalismo, que faz parte do setor de comunicação do grupo.

Além dos encontros quinzenais, o GEF produziu um documentário no primeiro semestre deste ano com o título “Hoje Eu Sou”, a produção comenta sobre a luta das mulheres na Ditadura Militar a partir de estudos realizados pelo Grupo sobre o tema. O modelo do documentário proposto foi totalmente colaborativo, tendo participação efetiva das mulheres que fazem parte do grupo. Para facilitar o acesso ao documentário e democratizar o conhecimento sobre o assunto, os episódios foram publicados nos canais do Instagram e YouTube do GEF.

“Ainda em 2019, o GEF está estruturando uma cartilha sobre a luta feminista, onde a comunidade, participando ou não do grupo, pode ajudar na sua construção, através de pesquisa, redação, revisão ou do espaço artístico. A cartilha vai ser divulgada online”, explica Joyce Perissinotto Nóbrega, diretora de comunicação do GEF.



 

Julia Moraes – Estagiária da Assessoria de Comunicação UEMG Passos

Durante os dias 04 e 08 de novembro, a Universidade do Estado de Minas Gerais promove a Semana Jurídica. O evento organizado pelo Centro Acadêmico XIII de Fevereiro acontece no Bloco 05 da Unidade Passos, em comemoração aos 25 anos - Jubileu de Prata - do curso de Direito.

Em sua programação, a Semana conta com palestras, rodas de conversa e apresentações de trabalhos científicos dos estudantes, além de uma exposição da história e da trajetória do curso em Passos.

"A abertura foi bem legal, tivemos a presença de muitos alunos, inclusive, lotamos o auditório. Teve uma ótima participação, o pessoal gostou, fizeram várias perguntas, aconteceram debates pertinentes", pontua Guilherme Dias, presidente do Centro Acadêmico do curso de Direito.

 Na manhã desta terça-feira, 05, os estudantes contaram com a presença do Juiz de Direito da Vara Criminal de Passos, Ademir Bernardes de Araújo Filho. Ele abordou o tema “Acordo de Não Persecução Penal”, um instrumento novo da legislação brasileira que permite ao Ministério Público, em determinadas hipóteses, não oferecer denúncia contra a pessoa, realizando um procedimento de acordo.

"Acho que o evento é importantíssimo para que tenhamos um momento de reflexão na faculdade, no curso, momento para a gente se debruçar com mais profundidade a temas atuais do processo penal, podendo aliar a prática com o conhecimento acadêmico que eles estão recebendo", afirma o Juiz.

O Procurador Leonardo Matos Clement abordou a atuação da Procuradoria no Estado, a importância do trabalho desenvolvido para a população mineira e as prerrogativas processuais da Fazenda Pública em Juízo.

“As autoridades que ocupam cargos públicos importantes querem estar mais próximos dos alunos da Uemg, para dar uma experiência prática, para passar um pouco do nosso conhecimento", comenta o Procurador.



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  fevereiro 2020  >>
seteququsedo
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728291
2345678