A Fundação de Ensino Superior de Passos começou a receber projetos dos interessados no primeiro Mestrado Profissional da Instituição. No final de 2013, a Fundação recebeu a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoa de Nível Superior (CAPES), que avaliou como adequada a proposta do Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente. Serão 15 vagas disponibilizadas para a turma que começa em Março deste ano, sendo concluída em 24 meses. O encaminhamento das propostas ocorre no período que vai de 27 de Janeiro a 21 de Fevereiro.

Na avaliação, os representantes da CAPES destacaram o comprometimento e a infraestrutura da FESP; a dimensão e regime de trabalho dos docentes com doutorado e experiência em orientação; e a alta produtividade em relação à pesquisa e extensão.

“O programa de Mestrado da FESP vem sendo trabalhado já há vários anos. Fortalecemos a questão da pós-graduação lato sensu, onde hoje nós podemos contar com 16 cursos oferecidos e em seguida foram destinadas equipes para trabalharem o Mestrado nas áreas Ambiental e da Saúde, sendo que o primeiro já passou pela avaliação positiva da CAPES. Dessa forma, nós passamos então a um status diferente de Universidade. Nós podemos considerar a FESP, pelo trabalho que ela faz em nível de graduação, de pesquisa, de extensão e agora de pós-graduação stricto sensu, como uma escola que tem todas as funções de Universidade. É mais uma meta vencida, mais um trabalho de sucesso realizado pelo nosso Núcleo de Pesquisa e Extensão, dirigido pelo professor Collares, e com certeza teremos uma turma completa nesse curso visto que a nossa região carece de cursos de Mestrado, especialmente na área proposta”, defendeu o presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas, que completou dizendo que o Mestrado na área de Saúde deve ser aprovado ainda este ano.

A coordenadora da nova modalidade disponibilizada na FESP, professora Dra. Rita de Cássia Ribeiro Carvalho, disse que o curso terá encontros semanais às sextas-feiras e sábados, e que será direcionado, principalmente, aos profissionais que já atuam na área, e querem se qualificar ainda mais na sua função. "Mas isso não impede que possamos atender outras demandas, desde que sejam consideradas relevantes e tenham ligação com o perfil do mestrado oferecido", explica a professora que também comemorou a conquista. "Vamos alcançar as perspectivas do município e região. Estamos vivendo um momento muito feliz em nossa FESP, pois, por meio de esforço de toda uma equipe, estamos superando desafios e conquistando um novo horizonte para nossos professores e profissionais da região, e a FESP caminhando para um Centro de Excelência na Educação. Eu só tenho a agradecer o apoio do professor Fábio e do professor Eduardo Collares, por confiarem a mim a coordenação dessa empreitada, coordenação essa dirigida por eles. Quanto aos docentes, meus colegas de trabalho, agradeço o apoio e empenho, por terem me atendido em todas as solicitações e pelas contribuições na preparação da proposta. Reforço que trabalhar em equipe é fundamental para o sucesso de todos".

De acordo com a ementa, o curso com titulação em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente tem o propósito de formar mestres com consciência crítica e capazes de compreender a relação entre ciência, sociedade, natureza e desenvolvimento econômico. Sendo estes profissionais capazes de elaborar, acompanhar e avaliar planos de gestão pública e privada com propósitos de desenvolvimento sustentável e de preservação ambiental, bem como realizar diagnósticos e prognósticos das inter-relações entre as atividades antrópicas e os meios físico e biótico. Deverão ser capazes, também, de desenvolver e aplicar técnicas agro-sustentáveis que contribuam para melhorias na produção agropecuária regional.

Como ainda detalhou o diretor Eduardo Collares, o Mestrado Profissional é exatamente igual ao Mestrado Acadêmico em relação à titulação. “A diferença é que o primeiro é mais direcionado aos profissionais que estão atuando no mercado. Este Mestrado tem por objetivo formar pessoas para trabalharem dentro das novas políticas públicas que estão em vigor no país, como o Estatuto da Cidade, a Política Nacional de Recursos Hídricos e, mais recentemente a Política Nacional de Saneamento de Resíduos e de Sólidos, por exemplo. Outro foco está voltado ao setor privado e envolve novas tecnologias para serem aplicadas no planejamento urbano e no desenvolvimento rural sustentável”, reforça.

Avaliação

Ainda segundo o professor Collares, o processo seletivo contempla três itens de avaliação: o currículo do candidato; um pré-projeto elaborado seguindo uma das duas linhas de pesquisa (Planejamento Municipal e Regional, e Desenvolvimento Rural); e uma entrevista. 

Para mais informações consulte o home oficial do Mestrado ou entre em contato com a Secretaria de Pós-graduação da FESP pelo número (35) 3521-4364.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



A Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP) recebeu quase 3.000 inscritos para o vestibular do 1º semestre de 2014, realizado no último domingo (1º de Dezembro). O número recorde de vestibulando lotou as salas dos Blocos 02 e 06, além do Prédio Principal da Fundação, com vestibulandos de Passos e região. Cerca de 250 pessoas foram envolvidas no processo seletivo, e índice de abstenção foi de 4,3%, sendo que o número comum é até 10%, o que comprova que os candidatos tem real interesse no ingresso na FESP.

“É uma vitória! Nós encerramos um ano de muitas ações vitoriosas, nós mantivemos todos os projetos nossos de extensão, ampliamos o trabalho com a pesquisa, fortalecemos o FESP Inova, que é o nosso maior evento científico que agrega todos os cursos dentro de um ambiente só, fizemos com que vários cursos fossem avaliados pelo MEC e tivemos notas extraordinárias, o curso novo de Estética e Cosmética foi 5, que é a nota máxima, a Engenharia Civil e a Moda com nota 4 na escala de 0 a 5, e tivemos a felicidade de conseguir construir uma estrutura para o núcleo de saúde que abrigará os cursos já existentes e o curso tão esperado de Medicina, que foi aprovado com nota 4. O sucesso desse vestibular é fruto do esforço de todos nós e vem coroar esse ano que foi muito bom dentro daquilo que nós nem havíamos planejado! Nós estamos cumprindo a nossa missão que é de fazer com que a nossa região se desenvolva, cresça e se fortaleça através da Educação de Ensino Superior”, defendeu o professor Fabio Pimenta Esper Kallar, presidente do Conselho Curador, que esteve presente durante a aplicação das provas.

Os cursos mais concorridos foram: Engenharia Civil, Direito, Engenharia de Produção, Engenharia Agronômica, Ciência Contábeis, Enfermagem, e o novo curso de Estética e Cosmética, liberado na última semana de divulgação do processo seletivo, tendo grande demanda. O resultado final classificatório estará disponível no site da FESP nesta quarta-feira (04) e as inscrições vão de 06 até 18 de Dezembro. 

Os dados citados foram divulgados pelo setor de Vestibular da FESP, coordenado por Sílvia Maria Rodrigues. “Considero os números expressivos deste vestibular FESP 1º semestre de 2014, venham do envolvimento e comprometimento de todos os colaboradores FESP. Conseguimos transmitir ao potencial candidato a qualidade dos cursos, a infraestrutura, qualificação do corpo docente, programas de incentivo para ingresso e conclusão da opção de curso do candidato. Ressalto a competência da gestão do professor Fabio Pimenta Esper Kallas, e do professor Dácio Lemos Martins, diretor executivo, como referências para melhores resultados em qualquer etapa de nossos processos. Destaco também a eficiência do Departamento de Comunicação, com a coordenação da professora Selma Tomé e sua equipe de trabalho; a equipe do Departamento de Assuntos Acadêmicos, Márcio Antônio Valadão (SAE, NAE, VESTIBULAR, Gestão documental, Secretaria de registros acadêmicos), a equipe de TI, professor Anderson Souza; e a todos que não só vestem a camisa, mas são capazes de tatuar FESP em seu coração”, pontua.

A coordenadora ainda informa que os candidatos que não conseguiram se inscrever para a prova podem fazer um cadastro para vagas remanescentes a partir do dia 10 de Janeiro, quando começa a 2ª etapa do processo seletivo que pode ser por meio de avaliação de redação ou nota do ENEM.

Mais informações e detalhes sobre o Vestibular da FESP pelo telefone (35)3529-6010.

Confira os depoimentos de alguns candidatos:

“É a única Universidade da região e eu já tinha essa vontade de estudar aqui.” Iane Soares, de Passos (MG), prestou vestibular para o curso de História.

“Escolhi a FESP porque eu vi pelo site que a Fundação é bem conceituada pelo MEC e que o curso que eu escolhi é muito bem avaliado. Eu estou um pouco nervosa!” Rafaela Prado, de Franca (SP), prestou vestibular para o curso de Engenharia Ambiental.

“É mais perto e eu posso trabalhar e estudar. Tenho amigos que estudam Na FESP e me falam que é muito bom!” Darlan de Assis Oliveira, de Alpinópolis (MG), prestou vestibular para o curso de Ciências Contábeis. 

“O curso está bem conceituado, é um dos melhores, e é perto de casa.” Bianca de Fátima Souza, São João Batista do Glória (MG), prestou vestibular para o curso de Nutrição.

“Escolhi a FESP porque é uma Faculdade com qualidade pelo que eu escuto pela população. Espero conseguir passar, garantir uma vaga. É muito concorrido!” Isabela Oliveira, de Piumhí (MG), prestou vestibular para o curso de Direito.

“Aqui tem um bom ensino, eu fico perto de casa e por isso resolvi vir pra cá.” Vanessa Duarte, de São Sebastião do Paraíso (MG), prestou vestibular para o curso de Moda.

“Eu vim por causa da infraestrutura. É uma boa faculdade!” Luan Pimenta Resende, de São Sebastião do Paraíso (MG), prestou vestibular para o curso de Engenharia de Produção.

“Pelo que ouço falar a FESP é uma Faculdade que tem uma estrutura boa e vai garantir o sucesso no nosso futuro!” Guilherme de Melo Antunes, de São Sebastião do Paraíso (MG), prestou vestibular para o curso de Agronomia.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG

Veja as fotos na Galeria de Imagens. CLIQUE AQUI.


A FESP realiza neste domingo (08) o vestibular especial para Engenharia Civil. O curso, que foi reconhecido com nota 4 em avaliação do Ministério da Educação (MEC), abre turma para 50 alunos ingressantes neste semestre. A prova acontece no Bloco 06 da FESP, localizado na Rua Dr. Carvalho, nº 1410. Os portões serão fechados às 13h e os candidatos são instruídos a chegarem com 30 minutos de antecedência trazendo o comprovante de pagamento (taxa) de inscrição e documento com foto.

Em cinco dias, a FESP fez 300 inscrições  e a média de candidatos por vaga na tarde de sexta-feira (6) estava em 6. O presidente do Conselho Curador da FESP, Fabio Pimenta Esper Kallas disse estar satisfeito com o número de inscritos e atribuiu a grande procura à qualidade de ensino da FESP e ao reconhecimento pelo MEC. “Nós estávamos esperando o resultado da avaliação do MEC e tivemos esta espetacular nota 4. Estamos com um número grande de inscrições e queremos logo ver esta nova turma em sala de aula”, declarou.

Sílvia Maria Rodrigues, coordenadora do vestibular da FESP disse que é grande a expectativa e a responsabilidade na aplicação da prova. “Temos muitos colaboradores da FESP envolvidos no processo e estamos trabalhando intensamente. Foram poucos dias de inscrição e a procura foi surpreendente. Isso só reforça a qualidade de ensino da FESP”, declarou.

O gabarito da prova será publicado a partir das 18h de domingo e o resultado do processo seletivo estará disponível na terça-feira (10) no site da FESP (www.fespmg.edu.br) e no Núcleo de Vestibular, que fica no Prédio Principal (Bloco 01). Em seguida, os aprovados poderão se matricular no Serviço de Atendimento ao Estudante (SAE) durante os dias 11 e 12 para começarem as aulas no dia 16 de Setembro.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


Terminam na segunda, dia 21 de novembro, as inscrições para o vestibular da FESP. As provas do processo seletivo para 1.200 vagas para 22 cursos acontecem no domingo (27).

O candidato que ainda não se inscreveu pode acessar o Portal FESP na Internet – www.fespmg.edu.br – onde também está o edital completo ou em caso de qualquer dúvida a inscrição pode ser feita no setor de vestibular à Avenida Juca Stoclker, 1130.

Conforme o registro dos três últimos vestibulares da instituição os cursos mais concorridos foram Engenharia Civil, Direito (noturno), Engenharia de Produção, Ciências Contábeis e Pedagogia. As provas serão realizadas no Bloco 1 (Prédio Principal).

Para a boa preparação do candidato a FESP lembra algumas dicas como a leitura atenta do edital do processo seletivo e o acompanhamento do programa de provas. No dia da prova o candidato deve chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência, com o comprovante de inscrição, documento com foto, lápis, borracha e caneta.

O resultado do exame estará disponível a partir do dia 30 de novembro, no site da FESP, no Bloco 1 e no Setor de Vestibular.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



A Fundação de Ensino Superior de Passos está com inscrições abertas para o vestibular de julho com vagas para os cursos de Administração de Empresas, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil e Tecnologia em Gestão Comercial, com 50 vagas cada e aulas no período noturno.

O prazo de inscrição é até o dia 29 de junho e as provas serão no dia 3 de julho.

O vestibular de julho tem como diferencial o curso de Gestão Comercial, com duração de dois anos que é oferecido somente neste processo seletivo e também o curso de Administração de Empresas no período noturno que é uma boa opção para quem trabalha durante o dia.

O vestibulando deve seguir as instruções do Manual do Candidato que se encontra disponível no site da FESP e também no Serviço de Atendimento aos Estudantes (SAE). “Nossa tradição com o vestibular faz com que o processo seletivo sempre aconteça de forma organizada. O site da FESP oferece um bom suporte com todas as informações necessárias”, lembra Sílvia Rodrigues coordenadora do setor de vestibular.

As inscrições podem ser feitas diretamente no Setor de Vestibular que fica em frente ao Bloco 1 (Prédio Principal) à Avenida Juca Stockler, 1.130 ou pela internet no site da FESP (www.fespmg.edu.br), onde é mantido um link permanente do vestibular.

Para se inscrever o candidato deve apresentar os documentos de CPF e RG e o comprovante do pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 70,00 que é fornecido no ato da inscrição.

As inscrições vão até o dia 29 de junho. Se houver vagas remanescentes a FESP abrirá o processo seletivo por Redação ou nota do Enem a partir do dia 14 de julho.

Confira um pouco de cada curso e o perfil profissional de cada área

Fonte: Agência Escola



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  dezembro 2020  >>
seteququsedo
30123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
45678910