Com o intuito de buscar atualizações sobre as políticas que estão sendo discutidas e implementadas em outras instituições de ensino privado no país nas áreas de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, a Coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESP, Profª. Marisa da Silva Lemos, participou nos dias 29 e 30 de setembro do XV Encontro Nacional de Pós-graduação e Pesquisa das IES Particulares e IX Encontro Nacional do Fórum de Extensão-FOREXP no qual a mesma é vice-presidente representando a FESP/Passos. Os eventos foram realizados na Escola Bahiana de Medicina, em Salvador (BA). 

A programação contou com a presença de vários palestrantes de reconhecida experiência e tratou de temas relevantes para as IES particulares. Os participantes assistiram a várias palestras com os temas sobre o novo marco regulatório da pós-graduação lato sensu, fixação de doutores nas IES particulares e educação continuada baseada nas atividades de extensão universitária. O encontro propiciou aos participantes um olhar novo sobre os caminhos a serem seguidos no aperfeiçoamento e consolidação da Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão nas IES Particulares. Estiveram presentes 88 inscritos, de 43 IES diferentes, localizados em 28 municípios de 16 Estados brasileiros.

Na oportunidade o trabalho que a FESP realiza nesta área foi divulgado através da entrega de material de divulgação para os participantes do encontro como Informativo FESP INOVA/CPEX e ainda foi divulgado o IV Seminário de Pesquisa e Extensão e o II Congresso Sul Mineiro de Iniciação Científica.

A professora Marisa Lemos relata alguns pontos importantes apresentados no encontro; o primeiro foi realizado pelo reitor da FUMEC, professor Eduardo Martins Lima sobre a implementação na sua instituição de parcerias com órgãos públicos de Belo Horizonte para realização dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) da sua instituição, através da resolução de problemas e elaboração de projetos. É uma relação onde se ganham ambas as partes; o aluno por aprender desenvolvendo um trabalho prático e atendendo uma demanda real e necessária no local onde o aluno esta inserido e a comunidade por receber um atendimento de alto nível.  O potencial dos cursos da FESP para este tipo de resolução de problemas da comunidade da cidade de Passos é incalculável. Temos condições de atendimento em todas as áreas do conhecimento em nível de excelência para contribuir com o desenvolvimento regional. 

Outro ponto relevante relatado no evento foi que a extensão universitária esta sendo vista como o farol para iluminar as decisões acadêmicas das universidades. Isto em relação a várias ações como; a decisão de quais cursos serem ofertados a partir de demanda regional, realização de parcerias com as empresas locais para realização de curso de extensão, cursos lato sensu in company e também para a decisão da elaboração das guias curriculares para atendimento de disciplinas dos cursos que atendam demandas especificas regionais. 

Outro ponto observado que está em prática na maioria das universidades é implementação da Metodologia Ativa de Ensino-Aprendizagem onde as comunidades acadêmicas estão sendo capacitadas para implementação desta metodologia nos cursos de graduação.  Esta metodologia é um processo amplo e possui como principal característica a inserção do aluno como agente principal responsável pela sua aprendizagem comprometendo-se com seu aprendizado. Neste processo é dado forte estímulo ao reconhecimento dos problemas do mundo atual (tanto nacional quanto regional), tornando os alunos capazes de intervir e promover as transformações necessárias. O aluno torna-se protagonista no processo de construção de seu conhecimento, sendo responsável pela sua trajetória e pelo alcance de seus objetivos, no qual deve ser capaz de autogerenciar e autogovernar seu processo de formação.

Fonte: Coordenação de Pesquisa e Extensão – CPEX/FESP



A FESP está com inscrições abertas para a Pós-graduação em Musculação e Condicionamento Físico. Destinado aos graduados em Educação Física, Fisioterapia, Medicina, Biomedicina e áreas afins, o curso vai proporcionar conhecimentos teóricos e práticos que permitam uma compreensão crítica e reflexiva da atuação na temática proposta.

De acordo com a coordenadora Cláudia Arouca Queiroz, a formação tem seu foco no trabalho com atletas e não atletas no dia-a-dia. “Estes pós-graduados vão atuar durante treinos desportivos e em atividades físicas realizadas em clubes, academias, pátios, centros esportivos, praças públicas, academias ao ar livre e em outros locais selecionados. Vão adquirir habilidades e competências específicas para trabalharem de forma ética e especializada”, esclareceu a professora.

Vinte vagas estão disponíveis para a turma que tem previsão de início em maio deste ano. As aulas serão realizadas todas as sextas-feiras das 19h às 23h, e aos sábados, no período que veio das 07h até 17h, com uma hora de intervalo para almoço.

Os interessados devem procurar mais detalhes no setor de pós-graduação da FESP. O número de telefone para contato é (35)3521-4364.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Estão abertas até o dia 30 de setembro as inscrições para mais um curso de pós-graduação lato-sensu da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG). O curso de especialização em “Gestão Organizacional: pessoas e projetos sociais” vem suprir uma demanda da sociedade contemporânea que tem passado por constantes mudanças com grandes repercussões que envolvem o mundo, o setor produtivo e, consequentemente, as relações de trabalho, mudanças econômicas e políticas no contexto do mundo globalizado.

Uma das características principais dos cursos de pós-graduação da FESP é a interdisciplinaridade, sendo oferecidos para um público-alvo diversificado. A pós em Gestão Organizacional se destina a profissionais da área de Administração, Serviço Social, Psicologia, Pedagogia, Direito e para todos os profissionais ligados a área de gestão seja no setor público, no privado ou no terceiro setor. O objetivo principal do curso é a qualificação profissional por meio de reflexões e intervenções em gestão organizacional, com possibilidades de conhecer, planejar, organizar, coordenar e avaliar o trabalho desenvolvido ou que se pretende desenvolver.

Proposto pelo curso de Serviço Social da FESP e coordenado pela professora-doutora Andréia Aparecida Reis de Carvalho Liporoni o conteúdo programático contempla as linhas de pesquisa da gestão de pessoas, projetos, terceiro setor e políticas públicas. A professora Andréia informou que a grade curricular é dividida em três módulos trabalhados de maneira dinâmica e com muitos recursos para promover um aproveitamento global do pós-graduando. O primeiro módulo aborda desde os fundamentos da organização, gestão e cultura organizacional, a realidade sócio-econômica brasileira até a ética nas organizações. No segundo, discute-se o cenário político, as políticas públicas, o terceiro setor, a importância do desenvolvimento regional a partir dos indicadores sociais. “Serão estudados a territorialização, captação de recursos, e elaboração, monitoramento e avaliação de programas e projetos sociais”, observa Andréia. O terceiro e último módulo foca a gestão em pessoas com o estudo das competências gerencias em gestão de pessoas, negócios, políticas e estratégias, interdisciplinaridade, qualidade de vida no trabalho, governança e responsabilidade social, e gestão em projetos corporativos.

A carga horária é de 400 horas, sendo 120 horas/aula para cada módulo e 40 para a realização do trabalho de conclusão de curso. As aulas são quinzenais na sexta à noite e no sábado das 8h às 18h com horário de intervalo para almoço.

O início do curso está previsto para o mês de outubro e o término para março de 2013. “É uma boa oportunidade de estudos e aperfeiçoamento. O curso foi pensando com o intuito de promover a atualização e instrumentalização em métodos, técnicas e habilidades requeridas na atualidade contribuindo para que os profissionais atuem com desenvoltura, segurança, eficácia e resolutividade em suas atividades”, destaca Andréia.

As inscrições podem ser feitas no setor de pós-graduação da FESP no Bloco 13, Avenida dos Expedicionários, 333. Outras informações pelo telefone 3521 4364 e no site da FESP (www.fespmg.edu.br).

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Estão abertas até o dia 31 de agosto, as inscrições para o curso de pós-graduação lato sensu em Engenharia de Segurança do Trabalho, oferecido pela Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG). Com 25 vagas e carga horária de 600 horas/aula presenciais, exigidas pelo Ministério do Trabalho, Ministério da Educação, Conselho de Educação e CREA, o curso é coordenado pela professora Julia Maria Ajeje Oliveira. As aulas iniciam em setembro deste ano e têm término previsto para setembro de 2012. As aulas são semanais na sexta à noite e no sábado de manhã e à tarde.

O objetivo da especialização em Engenharia de Segurança do trabalho é introduzir a reflexão crítica sobre o processo social de produção de acidentes e doenças do trabalho e capacitar tecnicamente os participantes para a concepção e coordenação de programas de prevenção, assim como a elaboração de recomendações específicas, visando à melhoria das condições técnico-organizacionais do trabalho. O curso é destinado aos profissionais engenheiros, arquitetos e agrônomos.

A grade curricular aborda disciplinas introdutórias, sistemas de gestão em segurança e saúde ocupacional, prevenção e controle de riscos em máquinas, equipamentos e instalações e disciplinas ligadas à questão ambiental e tantas outras áreas.

A professora coordenadora do curso explica a diferença entre os trabalhos executados pelo técnico em segurança do trabalho e pelo engenheiro. “O técnico inspeciona os locais de trabalho avaliando atos e condições inseguras. Controla equipamentos de proteção individual (EPIs) e apoia a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA). O engenheiro de Segurança trabalha nos projetos de melhorias dos locais de trabalho. Elabora os Programas de Prevenção de Riscos Físicos, Químicos, Ergonômicos, Biológicos e de Acidentes e ministra treinamentos determinados pelas normas regulamentadoras”, observa Júlia.

De acordo com a professora, o grande benefício para quem cursa essa especialização é que ela dá direito a uma nova habilitação com o título de Engenheiro de Segurança do Trabalho. Ela é direcionada para todas as pessoas que trabalham com as questões de riscos de acidentes em ambientes de trabalho. “Além disso, é também uma exigência do Ministério do Trabalho que os profissionais que trabalham nessa área tenham essa especialização. Nosso intuito é formar profissionais bastante capacitados, visto que temos professores renomados de diversas cidades, como Passos, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Divinópolis, que têm experiência em empresas de grande porte como Furnas e Votorantim. Grande parte de nossos alunos já trabalham na área de segurança como técnicos em empresas de grande porte”, destaca Júlia.

A pós-graduação oferece estágios para os alunos que não trabalham na área e também visitas técnicas em empresas da região. O curso já é tradicional na FESP e já formaram cinco turmas de aproximadamente 30 alunos cada.

A secretaria de pós-graduação da FESP, onde podem ser feitas as inscrições fica no Bloco 13, à Avenida dos Expedicionários, 333. O telefone é (35) 3521 4364 e no site da FESP (www.fespmg.edu.br) também é possível acessar as informações.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Estão abertas até o dia 31 de agosto as inscrições para o curso de pós-graduação lato sensu em Metodologia e Didática do Ensino Superior oferecido pela Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG). Esta será a segunda turma a ser formada para essa especialização sendo que a primeira teve início em setembro do ano passado e término em junho deste ano. O curso é destinado aos portadores de diploma de nível superior, interessados em atuar na área acadêmica, que necessitam conhecer em profundidade as práticas e as técnicas didáticas indispensáveis para essa finalidade.

São oferecidas 50 vagas e a instituição se reserva o direito de iniciar o curso somente quando o número de alunos for igual ou superior a 25. As aulas acontecem nas sextas e aos sábados sendo nas sextas no horário de 19 às 23h e no sábado das 8 às 17h com intervalo para almoço. O período de realização da pós-graduação vai de setembro de 2011 a maio de 2012.

Com nove disciplinas, o currículo aborda a História da Educação no Brasil, Ética e Educação, Psicologia, Legislação e Avaliação de Ensino, Didática e Hipermídia e tantos outros conteúdos importantes para quem quer desenvolver habilidades requeridas para a prática didática em sala de aula.

De acordo com o coordenador desta especialização, professor José de Paula Silva, é uma boa oportunidade para quem quer conhecer as teorias, reflexões e procedimentos práticos para a docência no ensino superior. “A primeira turma teve grande quantidade de alunos e os professores qualificados e preparados para ministrar os módulos de conteúdo conferem credibilidade para o curso assim como a competência e a responsabilidade da FESP como instituição de ensino superior. A pós-graduação da FESP segue todos os parâmetros curriculares exigidos pela CAPES, autarquia do MEC que fiscaliza os cursos de pós-graduação no Brasil”, disse José de Paula.

As inscrições podem ser feitas na secretaria de Pós Graduação da FESP, que fica no Bloco 13, Avenida dos Expedicionários, 333. O telefone para contato é (35) 3521 4364.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  maio 2020  >>
seteququsedo
27282930123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
1234567