Em celebração ao “Dia do Amigo” a FESP levou o projeto “Escola Viva” para o Colégio Imaculada Conceição (CIC). Foram realizados mais de 3.000 atendimentos para as 600 crianças do Ensino Infantil e Fundamental da escola e convidados, que participaram do evento durante toda a manhã do dia 28 de Setembro.

Foram oferecidas diversas atividades como futebol de sabão, tobogã, pintura facial, xadrez gigante, jogos e brincadeiras. Segundo o coordenador do projeto, professor do curso de Educação Física da FESP, Itamar José de Oliveira Junior, os infláveis foram o destaque do evento. “O alpinismo foi a sensação do dia. O evento foi um sucesso! Atendemos as expectativas das crianças e seus convidados, proporcionando uma maior integração entre alunos, pais e professores da escola”, declara.

Para a orientadora educacional Glaucia Maria O. Zaparolli, este estreitamento entre família e escola é importante. “É uma oportunidade fantástica e é muito gratificante ver as crianças brincando e os pais interagindo com elas, brinquedos e brincadeiras. A parceria com a FESP enriqueceu ainda mais o nosso ‘Dia do Amigo’”, conta.

A bibliotecária Rosinei Júlia Siqueira Borges destacou a organização do evento e a chance de interação das crianças com colegas de outras turmas e de outras escolas, opinião igual também foi dada por Zhandra de Azambuja, mãe da Rafaela Azambuja do Minimaternal do CIC.

“Uma delícia, uma recreação diferenciada para toda a família”, relata Cláudia Chelala, mãe dos alunos Felipe, do 3 Beta, e Otávio, do Pré Alfa. Complementando a mãe dos alunos Gabriel, do Pré Beta, e da Valentina, do Maternal II Delta, diz que “foi ótimo aproveitar o final de semana na escola de uma forma bem divertida”.

O “Escola Viva” da FESP é um projeto de extensão que tem como foco a educação e lazer, proporcionando atividades lúdicas, recreação, brinquedos e jogos para alunos das Escolas Públicas e Particulares de Passos. 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



A Escola Estadual Professora Júlia Kubitschek, em Passos, recebeu no último sábado (26) o Projeto Escola Viva FESP. Com grande público formado por crianças e adolescentes, os acadêmicos do curso de Educação Física da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) realizaram um total de 1862 brincadeiras no período de 9h às 12h. Participaram 27 alunos de Educação Física que orientaram o total de 210 crianças e adolescentes presentes, na faixa etária de 5 a 14 anos.

Coordenado pelo Professor Itamar José de Oliveira Júnior o projeto é uma derivação do Praça Viva FESP, que leva alegria e diversão para as escolas de Passos e região. No Escola Viva, as atividades são preparadas pelos próprios estudantes do 3º período de Educação Física. A edição na Escola Estadual Profa. Júlia Kubitschek contou com o apoio do professor do curso de Educação Física, Hélvio Maia.

As brincadeiras foram desenvolvidas em 7 estações diferentes: escalada, cama elástica, recreação, oficinas de artes, tobogã (escorregador), jogos de mesa/xadrez gigante e mini-basquete. “O evento abrilhantou a comemoração dos 82 anos da Escola Estadual Profa. Júlia Kubitschek. Além dos brinquedos infláveis, dos jogos e brincadeiras criados e coordenados pelos acadêmicos do 3° período do curso de Educação Física, houve a participação dos docentes e da fanfarra da escola. Agradecemos o apoio da diretora da escola, Silvia Inês, que muito colaborou para o sucesso do projeto”, disse o professor Itamar.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



O último sábado (14) foi repleto de atividades na Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG). Um dos eventos que marcou o final de semana foi o Escola Viva FESP, realizado desta vez no Educandário Senhor Bom Jesus dos Passos. O projeto juntamente com o Praça Viva FESP já é tradição na cidade de Passos e na região. No Educandário foram atendidas as crianças do Programa Minas Olímpica – Geração Esporte e na oportunidade foi comemorado o Dia Especial de Boas Práticas no Esporte.

Para a realização das atividades recreativas, com esportes adaptados e brinquedos infláveis, foram utilizados os pátios internos do Educandário que tem uma área espaçosa. Participaram do evento 150 crianças e seus familiares somando um total de 1.370 atendimentos. As crianças do Minas Olímpica convidaram os amigos e também houve a participação de alunos da Escola Municipal Profa. Francina de Andrade e Escola Estadual Abraão Lincoln, que foram convidados  pelo Professor Diego, um dos responsáveis pelo Programa.

O coordenador do Escola Viva FESP, Professor Esp. Itamar José de Oliveira Júnior, destacou que além de atender as expectativas das crianças e famílias, o evento teve boa aceitação por parte dos responsáveis pelo Educandário.  “O Padre Luizinho ficou muito satisfeito com as atividades proporcionadas e  já solicitou o retorno do projeto para o segundo semestre”, disse.

O Projeto Escola Viva FESP proporciona atividades diferentes voltadas para o lúdico e para a interação por meio da educação esportiva. Como no Educandário foi um dia especial para as crianças do Programa Minas Olímpica, foram levados todos os brinquedos que também são utilizados no Praça Viva FESP como cama elástica, escorregador, escalada, futebol de sabão, artes, jogos de mesa  e mini-basquete.  “Os acadêmicos do curso de Educação Física puderam colocar em práticas algumas brincadeiras preparadas durantes as aulas de recreação tais como perna de pau e chinelão, despertando o interesse dos participantes em brincar pela primeira vez com essas atividades”, contou o professor Itamar. 

Apoio

Os projetos educativos do curso de Educação Física tem recebido apoio de outros cursos promovendo um intercâmbio entre eles e a prástica da interdisciplinaridade. O curso de Nutrição da FESP vem participando ativamente atendendo ao pedido da coordenadora do curso de Educação Física, Professora MsC. Claudia Arouca Queiroz que esteve presente no evento no Educandário juntamente com o presidente do Conselho Curador da FESP, Professor Fabio Pimenta Esper Kallas e a coordenadora do curso de Nutrição, Professora MsC. Vivian Silveira.

No último dia 24 de março o curso de Nutrição participou do Praça Viva FESP realizado em São Sebastião do Paraíso durante as comemorações do “Dia do Cidadão Rural”, no Parque de Exposições da cidade. No Educandário, os estudantes de Nutrição promoveram mini-palestras com grupos de crianças sobre a Pirâmide Alimentar e desenvolveram diversas atividades educativas como desenhos, cruzadinhas e a construção de uma pirâmide que as crianças levaram para casa.

“É muito importante aproveitarmos este momento com as crianças e seus familiares para ensinarmos os princípios de uma alimentação saudável. Neste espaço estamos trabalhando com a prevenção. É um momento divertido em que a criança está mais aberta ao aprendizado, pois se encontra em um ambiente saudável, niguem está doente ou falando sobre doença como em uma unidade de saúde, por exemplo, e por isso há uma maior possibilidade de alcançarmos os resultados pretendidos”, comentou a coordenadora da Nutrição, Vivian Silveira. 

No próximo sábado (21) é dia da cidade de Piumhi, receber o projeto Praça Viva. No dia 5 de maio o evento será na Praça do Rosário, em Passos.

Confira as fotos do envento na nossa galeria de imagens do Portal FESP AQUI

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



A Escola Municipal Jalile Barbosa Calixto irá receber no próximo sábado (17) das 9 às 12h o projeto Escola Viva promovido pelo curso de Educação Física da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG).

O projeto leva a crianças e adolescentes, entretenimento e recreação promovendo o resgate de valores prezados pela sociedade tais como: relacionamento harmonioso, respeito, partilha, autonomia, autoconfiança, entre outros. Uma das principais característica do Escola Viva é promover a participação dos acadêmicos de Educação Física na construção e realização do evento.

As atividades recreativas são distribuídas em seis estações: Dança/Arte, Jogos com raquetes, Jogos/Brincadeiras, Construção de brinquedos, Esportes adaptados e Combate. Elas são preparadas durante as aulas práticas de “Recreação e Lazer”, ministradas pelo professor Itamar José de Oliveira Júnior para os alunos do 3º período. Em grupos, os estudantes são responsáveis pela elaboração das atividades e pela programação sob a orientação do professor. “Com esse projeto é possível que os alunos desenvolvam suas habilidades e competências. Com isso, o profissional que formamos estará mais bem preparado porque aliamos a teoria à prática. Por outro lado, há também a possibilidade de envolver crianças e adolescentes em atividades recreativas que muitas vezes não fazem parte do seu dia-a-dia. Por isso se trata de um evento inovador”, destaca Itamar lembrando que o público atendido é definido pela escola. “Algumas aproveitam um dia festivo para reunir a comunidade escolar: amigos dos alunos, familiares e vizinhança”.

De acordo com o professor, o Escola Viva se difere do Praça Viva, outro projeto que também é sucesso em Passos e região, já que os atendimentos são mais direcionados. O Praça Viva tem como objetivo principal levar lazer, através de brinquedos infláveis e jogos industrializados, às praças públicas de Passos e região. O acadêmico é apenas um monitor das atividades. A participação é livre, ou seja, qualquer criança de 3 a 15 anos poderá se divertir. Já o Escola Viva é realizado apenas em escolas e a participação dos acadêmicos é mais efetiva. “Além de monitores, eles são os construtores das atividades. Isso promove a integração entre professores e funcionários da escola que vivenciam as atividades com seus alunos e elas poderão fazer parte de seu planejamento escolar. São atividades interessantes e diversas tais como: confecção de máscaras de gesso, pintura facial, construção de brinquedos com materiais recicláveis, danças e outros”, destaca Itamar.

O projeto é uma oportunidade para a FESP de prestação de serviço à comunidade. Conforme ressalta Itamar “os espaços para lazer são raros e caros. Apenas uma pequena parcela da sociedade tem acesso a eles”. Com os projetos Praça Viva e Escola Viva a comunidade de uma forma abrangente tem acesso a uma recreação divertida e saudável já que conta com o monitoramento dos acadêmicos de Educação Física. “O projeto é uma preocupação da FESP em promover a responsabilidade social. Aí vai um alerta: como toda criança é especialista em brincar cabe à sociedade lhe fornecer os brinquedos. Criança feliz, sociedade saudável”, conclui o professor.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Uma das atrações do Escola Viva

O curso de Educação Física da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) com a participação de 22 acadêmicos promoveu uma manhã divertida e cheia de atividades dinâmicas em mais uma edição do Escola Viva FESP, desta vez no Colégio Del Rey, em Passos.

Foram contabilizadas 888 pessoas atendidas em atividades e brinquedos como os famosos infláveis, futebol de salão, xadrez, jogos de mesa e recreação, oficina de arte com pintura facial, desenho livre e máscara de gesso. O Escola Viva FESP aconteceu das 9h ao meio-dia.

Com a tradição dos projetos desenvolvidos pelo curso de Educação Física a comunidade é beneficiada e os universitários podem aplicar o conhecimento em contato com crianças e adolescentes e desenvolver a prática didática. “A atividade no Colégio Del Rey foi mais uma edição de sucesso do projeto. A expectativa é que cada vez mais as pessoas conheçam as atividades do Escola Viva e Praça Viva FESP e que esses eventos sejam realizados com maior freqüência”, disse o professor Itamar José de Oliveira Júnior um dos organizadores do evento.

As próximas edições serão em Delfinópolis no próximo fim de semana na praça central da cidade. Ao mesmo tempo no sábado em Passos estará acontecendo a Aldeia da Cidadania, que é um projeto em parceria com Furna.

 

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  setembro 2019  >>
seteququsedo
2627282930311
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30123456