A Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (UAITEC) de Passos, gestada pela FESP, em parceria com o SENAC-MG, vai oferecer cursos de qualificação profissional voltados para alunos que ainda freqüentam ou já tenham concluído a educação básica, e trabalhadores empregados ou desempregados.

As opções são: Balconista de Farmácia e Vendedor, que serão formados em períodos de 3 a 4 meses com aulas diárias e noturnas. O material utilizado é desenvolvido e implementado pelo SENAC e a FESP oferece sua infra estrutura de salas de aula e laboratórios para a realização do programa.

De acordo com o coordenador da UAITEC Passos, José de Paula Silva, o curso de Balconista de Farmácia irá abordar diversos temas como: o mercado e as relações de trabalho, o processo de trabalho em farmácia, a dispensação farmacêutica, técnicas de atendimento e vendas, primeiros socorros e técnicas básicas de aplicação de injeção, entre outros. “Já o curso de Vendedor aborda assuntos relativos à evolução do processo de vendas, clientes, à importância da comunicação no processo de vendas, estratégias e táticas de vendas e pós venda”, explicou.

A pré-inscrição poderá ser feita até o dia 20 de setembro (sexta-feira) na sede da Uaitec da FESP que fica na Av. Juca Stockler 1040 (Bloco 02). Serão 25 vagas disponibilizadas e para se candidatar o interessado deve possuir renda familiar per capita inferior a dois salários mínimos federais. A seleção acontece por ordem de chegada. As aulas começarão no final deste mês e o número de telefone de contato para mais informações é 3529-6031.

A UAITEC Passos já vem desenvolvendo nos últimos anos uma parceria com o SENAC que permitiu a realização do programa Jovem Aprendiz, o qual capacita jovens para o mercado de trabalho. Por meio deste vínculo é que foi realizada a implementação do programa SENAC de Gratuidade (PSG) em Passos, que vai formar profissionais nos níveis Inicial e Técnico.  

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Foi realizado no Centro Vocacional Tecnológico (CVT) da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) entre os dias 8 e 10 de maio o ciclo de capacitação sobre Direitos Humanos coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDESE). A capacitação teve uma grande procura e foi voltada para Conselheiros Tutelares e Conselheiros de Direito da Criança e Adolescente por meio dos CVTs .

Durante os três dias, participaram conselheiros de diversas cidades como São Pedro da União, São José da Barra, Vargem Bonita entre outras. A responsável pelo programa de capacitação Rachel Mendes Avelar, Pedagoga da Diretoria de Interiorização, Promoção e Educação em Direitos Humanos da SEDESE destacou, em um dos contados com o CVT da FESP, a grande procura que o programa de capacitação despertou.

A coordenadora ressaltou que o objetivo do programa de capacitação, através da SEDESE, foi informar, sensibilizar e capacitar servidores públicos, gestores, técnicos, conselheiros, educadores e sociedade civil para o conhecimento dos direitos humanos e reconhecimento das violações de direitos.

O CVT de Passos pertence à Rede Mineira de CVTs, cuja Gestora é a FESP, projeto do Governo de Minas, coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SECTES-MG), cujo objetivo é ampliar a capacitação local e regional; combater a exclusão digital e social; gerar emprego e renda; e contribuir para a melhoria de vida da população a partir da capacitação profissional. Para isso, três frentes de trabalho estão em atuação: alfabetização digital, inovação e formação e aperfeiçoamento profissional.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Começou hoje de manhã, na FESP, o curso de capacitação do projeto “O Caráter Conta”. Os educadores do Virginia Polytechnic Institute and State University – Virginia Tech, de Blacksburg, Estado da Virginia (EUA) Glenda Snyder, Brian Hairston, John Blakenship, Jocelyn Dailey e Jeremy Johnson vão capacitar cerca de 200 pessoas. As aulas começaram hoje e terminam amanhã, com palestra aberta ao público.

A abertura oficial foi feita no auditório Armando Righetto (bloco 08 da FESP) que ficou completamente lotado. Professores, estudantes e profissionais de diversas áreas participaram do primeiro dia de capacitação para o desenvolvimento do programa.

O projeto “O Caráter Conta” é uma proposta educacional que tem como fio condutor seis valores morais considerados fundamentais ao desenvolvimento humano: Sinceridade, Respeito, Responsabilidade, Zelo, Senso de Justiça e Cidadania. As aulas estão sendo ministradas no prédio principal da FESP em seis salas de aulas.

A FESP é parceira do projeto e vai contribuir com uma rica programação durante todo o decorrer do ano, com várias atividades educativas coordenadas pelo Professor Mestre Itamar Faria, através do curso de Serviço Social e com a participação de vários outros cursos. A Banca da Honestidade da FESP também foi incorporada ao programa americano e vai percorrer escolas e instituições de Passos.

A ONG Deus Proverá também é parceira no projeto e na promoção do curso de capacitação.Os professores capacitados serão responsáveis pela implantação do programa em seus locais de trabalho.

Nesta terça-feira (28) a professora Glenda Snyder, vai ministrar palestra aberta ao público a partir das 19h30, na Câmara Municipal de Passos. Quem quiser participar basta comparecer ao local (Avenida Perimetral, 151) levando um quilo de alimento não perecível.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Funcionários (as) participando do curso

Quarenta funcionários técnicos administrativos da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) iniciaram no dia 7 de junho o curso à distância “Atendendo com Qualidade” no Centro Vocacional Tecnológico da FESP. O curso, que também é aberto ao público, é destinado a todos os profissionais que percebem o atendimento como principal diferencial de uma empresa e que têm interesse em desenvolver habilidades para atender cada vez melhor um cliente.

As primeiras turmas foram formadas por pessoal dos setores de Secretaria, Assuntos Acadêmicos, Telefonistas, Secretárias de direção e Biblioteca.

A expectativa segundo o coordenador do CVT, professor José de Paula Silva, é que as turmas concluam o primeiro curso nesta semana tendo a duração total de duas semanas e que cada funcionário possa fazer no mínimo três cursos dentre os oferecidos pela rede CVT. “A FESP é uma parceira importante da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SECTES) como gestora do CVT. Além da gestão do CVT, esse programa de capacitação dos funcionários demonstra a preocupação da FESP em aprimorar seu corpo técnico, promovendo os cursos de capacitação contínua”, disse o professor José de Paula.

As turmas funcionam às terças e quintas das 9 às 17 horas. Os funcionários que ainda não estão fazendo o curso poderão se matricular para as novas turmas a serem formadas.

O curso “Atendendo com Qualidade” é aberto à comunidade assim como os outros 48 cursos do CVT nas áreas de Agricultura e Pecuária; Primeiro Emprego; Informática; Cidadania; Empreendedorismo e Meio Ambiente. “O curso permitirá que os funcionários da FESP percebam o atendimento como principal diferencial desenvolvendo habilidades para atender cada vez melhor os nossos alunos e professores”, concluiu José de Paula

Fonte: Agência Escola




Capacitação dos Professores 

O Centro de Ciências da FESP aprovou, junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), projeto de capacitação de professores para a realização de Feiras de Ciências. O curso é oferecido pelo Centro Vocacional Tecnológico da FESP (CVT) e ensina a utilização do kit de ciências “Ciências em Mãos”, com material para experimentos didáticos.  O material, com cerca de 100 experimentos, é ofertado a cada escola participante do projeto.

O curso termina no dia 14 de abril. Depois disso, as idéias e práticas adquiridas serão passadas em sala de aula para os estudantes, por meio de experimentos.

A coordenação está a cargo da professora da FESP, Sônia Lucia Modesto Zampieron. O curso de capacitação é ministrado pelo professor facilitador e vice-coordenador do projeto Luciano Soares Pedroso. Depois de realizadas as feiras em cada escola participante, será promovida no final do ano, provavelmente no mês de outubro ou novembro, a I Feira de Ciências e Tecnologia de Passos.

Já aderiram ao projeto 11 escolas, sendo uma de zona rural (confira a lista). Os organizadores lembram, entretanto, que as escolas que ainda tiverem o interesse de participara podem procurar o Centro de Ciências da FESP, que fica no Bloco 13, à Avenida dos Expedicionários, 333. Diante da demanda de outras escolas para a participação, será oferecido novamente o curso de capacitação, em outra oportunidade.

Uma comissão avaliadora da FESP, constituída de professores da instituição, irá visitar a feira de cada escola para eleger dois ou três melhores trabalhos. Os escolhidos serão apresentados em um grande workshop. “Este evento proporcionará às escolas envolvidas a oportunidade de mostrarem as potencialidades e criatividade de seus alunos”, destaca Sônia.

Todas as escolas municipais, estaduais e particulares de ensino fundamental II (6º ao 9º ano), médio e técnico do município de Passos, tanto rural como urbana, foram convidadas. As interessadas assinam um termo de parceria, através do qual se comprometem a realizar, durante este ano, uma feira de Ciências dentro da escola, contando com o apoio de monitores e professores do Centro de Ciências.

A proposta é desenvolver nos alunos a experimentação investigativa, a interdisciplinaridade, a cooperação e a criatividade.  “O evento vai reunir e divulgar estas feiras à população passense. O caminho está em instrumentalizar todas as escolas e principalmente melhorar a formação dos professores atuantes na escola básica, para que sejam reais multiplicadores de formação intelectual, cultural e social de nossas crianças e adolescentes”, frisou Sônia.

De acordo com o professor José de Paula Silva, o CVT da FESP tem hoje três linhas de ações: a promoção dos cursos de capacitação na área de ciências, no laboratório vocacional (que possui equipamentos na área de química, física e biologia); aproveitar o potencial de geração de conhecimento da FESP, promovendo videoconferências para todo o estado, com professores e alunos da instituição e a terceira linha de ação é a inclusão digital e capacitação através de EAD. “Hoje temos cursos em áreas muito diversificadas, como meio ambiente, agricultura e pecuária, primeiro emprego e informática”, explica o professor que é coordenador do CVT da FESP. “A vocação do CVT da FESP é a Educação e a capacitação do professor, visando a melhoria da qualidade do ensino em nossa região”, avalia.

“A feira é uma maneira que a FESP tem de incentivar o espírito empreendedor, investigador e inovador dos alunos dos ensinos básicos. Será através da inovação e do empreendedorismo que faremos nossa cidade e região desenvolver com qualidade”, afirma o presidente do Conselho Curador da FESP e subsecretário de Ensino Superior da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SECTES) de Minas Gerais, professor Fábio Pimenta Esper Kallas.

Escolas que já aderiram ao projeto

Colégio Tiradentes
Colégio Status
Escola Estadual Nossa Senhora da Penha
Escola Estadual Tancredo de Almeida Neves
Escola Estadual Deputado Lourenço de Andrade
Colégio Del Rey
Colégio Objetivo
Colégio São Francisco
Escola Estadual São José
Escola Municipal Oilda Valéria Silveira Coelho
Escola Municipal Hilarino de Morais

Fonte: Agência Escola

 



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  novembro 2019  >>
seteququsedo
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829301
2345678