O Auditório Professor Armando Righetto, Bloco 08 da FESP será, mais uma vez, o palco da noite de recital do Festival de Interpretação de Poesia. O evento, promovido pela FESP com a intenção de valorizar o estilo literário, vai acontecer nesta sexta-feira (22), a partir das 19 horas. 

Entre representantes de escolas públicas e particulares de Passos, estudantes irão recitar poemas em homenagem a Augusto dos Anjos, autor que comemora 100 anos de nascimento em 2014.

“O Festival de Poesia é um importante veículo impulsionado pela FESP para que a poesia brasileira e portuguesa seja destacada e valorizada. Em um mundo onde não temos muito tempo para ouvir e sentir, a união entre a fala e expressões, que combinadas soam com sonoridade, é uma excelente oportunidade de constatar que a nossa poesia vive nas escolas”, defende uma das coordenadoras do projeto, professora Leila Maria Suhadolnik Andrade.

Ainda segundo a organizadora do evento, o anexo 08 da FESP sempre fica lotado de estudantes, professores e familiares para assistir ao recital e torcer pelos participantes. “Todo o processo de preparação até chegar ao momento da apresentação é recheado de aprendizado e dedicação, por isso vemos tamanho sucesso deste Festival. Há um empenho maior em preparar os alunos para se apresentarem bem e valorizar os talentos natos que cada escola possui. Nem sempre é fácil fazer isto no cotidiano atribulado de aulas diárias. É preciso sensibilidade para buscar alunos que sentem necessidade de se expressar através da arte e destacá-los. As escolas que participam sabem fazer isto e o resultado surpreende!”, reforça.

De acordo com o regulamento oficial do Festival, o júri será composto por conhecedores de literatura, poesia e teatro, membros escolhidos pela comissão organizadora do evento. Serão concedidas medalhas e prêmio em dinheiro para os três primeiros colocados do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. 

A entrada é gratuita. O Auditório Professor Armando Righetto fica na Rua dos Funcionários, número 388.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


A quarta edição do Festival Hip Hop da Paz, realizado pela FESP, vai receber a participação do grafiteiro paulista Pack Toledo, que recentemente esteve em tour pelo sul do Brasil (Curitiba, Florianópolis, Criciúma, Porto Alegre e Santa Maria), pelo Uruguai (Montevideo) e Argentina (Buenos Aires). 

O artista estará no evento que acontece no dia 4 de abril, na quadra do DER, localizado na rua Dr. Carvalho, nº 1395, e não vai competir, sendo convidado a fazer um grafite especialmente para esta edição do Festival. Os interessados poderão acompanhar a apresentação das músicas, grupos de dança e artistas do grafite classificados. A entrada é gratuita.

As inscrições para a competição estão abertas até o dia 27 de março e podem ser feitas no Bloco 06 da Fundação. De acordo com as coordenadoras do evento, professoras Leila Maria Suhadolnik Oliveira de Padua Andrade e Silvia Maria Oliveira Soares Maia, o Festival de Hip Hop da Paz vem abrir as portas da FESP para que os jovens se sintam acolhidos no ambiente acadêmico.

A iniciativa conta com o apoio do Fundo Estadual de Cultura (FEC) e pretende estimular a criação de composições musicais no estilo rap, além de revelar novos talentos na dança e música, incentivar a arte do grafite e envolver a juventude em atividades que desenvolvam a autoestima e o companheirismo. 

Todos os participantes receberão troféu de participação no IV Festival FESP Hip Hop da Paz e os três melhores colocados em cada categoria receberão prêmios em dinheiro. Para consultar o regulamento entre no site da FESP e para mais detalhes faça contato pelo telefone 3529-6037 - falar com a Trícia.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


A FESP está com inscrições abertas para a quarta edição do Festival Hip Hop da Paz, que será realizado no dia 4 de abril, na quadra do DER, localizado na rua Dr. Carvalho, nº 1395. Os interessados devem comparecer ao Bloco 06 da Fundação, até o dia 27 de Março para se inscreverem.

A iniciativa conta com o apoio do Fundo Estadual de Cultura (FEC) e pretende estimular a criação de composições musicais no estilo rap, além de revelar novos talentos na dança e música, incentivar a arte do grafite e envolver a juventude em atividades que desenvolvam a autoestima e o companheirismo. 

De acordo com as coordenadoras do evento, professoras Leila Maria Suhadolnik Oliveira de Padua Andrade e Silvia Maria Oliveira Soares Maia, o Festival de Hip Hop da Paz também vem abrir as portas da FESP para que os jovens se sintam acolhidos no ambiente acadêmico.

Como previsto no regulamento do Festival, as inscrições serão aceitas seguindo os seguintes requisitos: as músicas deverão ser originais e inéditas; cada grupo de dança poderá se inscrever para apenas uma apresentação; e para o grafite a participação é individual e o tema é “paz”. Serão selecionadas três músicas entre as inscritas, as quais serão apresentadas. A divulgação das classificadas será feita no dia 1º de Abril no site oficial da FESP.

Todos os participantes receberão troféu de participação no IV Festival FESP Hip Hop da Paz e os três melhores colocados em cada categoria receberão prêmios em dinheiro. Para consultar o regulamento entre no site da FESP e para mais detalhes faça contato pelo telefone 3529-6037, falar com a Trícia.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


O presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fábio Pimenta Esper Kallas, e o Diretor Executivo da Fundação, Dácio Lemos Martins, foram até São João Batista do Glória, acompanhados do assessor Joanito Fonsaca, vereador da cidade, para fazerem o lançamento do DVD do 1º Canta FESP Gospel Thalles Roberto, realizado no dia 04 de Novembro deste ano no Parque de Exposições Abílio Soares.

Participaram da solenidade que aconteceu na Câmara Municipal, a prefeita Aparecida Nilva dos Santos; os 9 vereadores; os Pastores Renato Gama, da Igreja Batista; o Pastor Cosme Carvalho; secretários da prefeitura, e membros de Igrejas Evangélicas.

Foi exibido um teaser do DVD, produzido pelo Departamento de Comunicação da FESP, e o material foi bastante elogiado pela qualidade técnica e edição das imagens, além de seu conteúdo. “Gostamos muito! Esse DVD foi o registro, a maior prova viva do sucesso que foi o Festival. No DVD podemos ver a organização, a qualidade das músicas finalistas e o quanto a FESP se preocupou com os detalhes para que esse Festival superasse as expectativas. Nós sabemos da responsabilidade e da grandeza que será a próxima edição do evento e tudo que prepararmos em relação ao ano que vem, terá uma proporção,  no mínimo, 3 vezes maior. Já estamos nos reunindo  para discutirmos estratégias  que, com certeza, farão que com o Festival se torne ainda maior”, declarou Joanito.

O Festival Gospel Canta FESP Thalles é uma realização da FESP em parceria com o cantor Thalles Roberto e com a Prefeitura de São João Batista do Glória, tendo o objetivo de abrir mais espaço para a arte e cultura no cenário da região de Passos. Segundo o presidente do Conselho Curador da FESP, Fabio Pimenta Esper Kallas, o Festival já nasceu em terreno fértil e renderá bons frutos a cada edição. “Eu achei que foi uma grande e grata surpresa. Foi extraordinário! Este evento já nasceu forte e tocou o coração de muitas pessoas, inclusive o do Thalles que veio participar do corpo de jurados e deu um verdadeiro show. Esperamos que este evento se torne uma referência e continue dando oportunidade para estes artistas demonstrarem seu talento e começarem uma carreira de sucesso”, finalizou.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG

Confira as fotos clicando AQUI.



Na última quinta-feira (05), a FESP recebeu a estreia da nova produção da Trupe Ventania de Teatro, sob o comando de Maurílio Romão, o "Auto da Folia: Jesus, José e Maria", espetáculo popular, musical e regional, que segue o modelo dos autos medievais de teatro nos adros das igrejas.

A praça em frente ao prédio principal da Fundação acolheu o público que se emocionou com o nascimento de Cristo redesenhado pelo olhar do Congado, da Companhia de Reis e de Pastores, ideia nascida no seio da memória afetiva e do imaginário poético de tradições comuns desta terra. “Sempre ouvi o Congo chegando, os ternos louvando e isso sempre me fascinou”, conta Romão.

Veio de lá dos tempos médios a essência fundamental do itinerante e a Kombi da Trupe vem completar o conceito do “Auto da Folia”. Preenchido de cores, acordes, vozes e teatralidade afiados. Outros nove espaços da cidade receberão o espetáculo neste dezembro, incluindo Igrejas, a Avenida da Moda e Palácio da Cultura. Tantas datas dispostas no intuito de dar a chance à população de ver o estandarte carregado pelo “Auto da Folia” em homenagem póstuma ao Senhor Jerônimo dos Santos, Capitão do Terno da Coroa do Menino Jesus, grande motivo de exaltação da cultura popular em Passos. Para o diretor, significa um renascimento, aos olhos dessa nova geração, de uma tradição de mais de 150 anos. “Um pertencimento que está entranhado em nossa antropologia social. Temos que restaurar a alegria dessas manifestações populares e espontâneas”.

A peça é de personagens que não seguem um padrão naturalista e que, na rua, ganham multi dimensão, sendo mais exagerados, ora caricatos, ora ultrarromânticos. Apesar de seguir textos bíblicos, a dramaturgia viaja na contemporaneidade e ultrapassa a linha do tempo.   Depois de cinco meses de trabalho esmerado com oficinas de canto, instrumento e interpretação, a Trupe Ventania ganha as ruas e a plateia leva pra casa essa energia e beleza das serestas, louvores de reis e batidas de congo dentro de uma atmosfera lúdica, que dá um tom especial ao nascimento do menino Deus.

No elenco estão Juliana Mota, Thales Di Carmo, Valdony Amorim, Paulo Cardoso, Maria Beatriz Oliveira, Nelma Silva, Pedrão Dias, Talles Fraga, Rodrigo Oliveira, Guilherme Gomes, Lui Freitas, Thiago Rodrigues, Maria Angélica Freire e Viviane Di Marco. Os figurinos são de Luciana Silva e Clau Ribeiro e adereços de Viviane Di Marco, Thales Di Carmo, Valdony Amorim e Thiago Rodrigues. Os arranjos foram preparados por Talles Fraga que também fez a preparação vocal junto de Viviane Di Marco. A maquiagem é de Thales Di Carmo. O backstage a cargo de Fernanda Menezes e o designer gráfico é Allan Aldebram. Produção interna de Lucas Eduardo e Kívia Oliveira, também consultora em comunicação. Produção executiva realizada por Isabella Vieira e Vânia Ságio. Encenação, cenário, dramaturgia e direção de Maurílio Romão.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  outubro 2020  >>
seteququsedo
2829301234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930311
2345678