No último final de semana, os atletas Carlos Alberto Ribeiro e Wellington Gonçalves de Jesus Rezende, patrocinados pela FESP, disputaram a Copa Internacional Levorin de Mountain Bike em Araxá (MG) e conquistaram ótimos resultados. Competindo com 130 atletas, Wellington, mais conhecido como Índio, foi o vice-campeão da categoria sub-35, e Carlinho alcançou a quinta colocação, tendo concorrido com mais de 110 corredores na categoria sub-40.

"Foi uma disputa dura, larguei quase na última colocação e foi necessário imprimir um ritmo muito forte para alcançar os primeiros colocados. Cheguei a encostar no 1° colocado, mas a força que tive no início da prova faltou no final. Graças a Deus a missão foi cumprida. Quero agradecer ao apoio da FESP, que nos proporciona a oportunidade de estar competindo com os melhores atletas da America", declarou Índio.

Carlinho também comentou a prova e falou dos próximos planos. "Fiz uma boa largada, e já no início da prova um pelotão de cinco atletas fez uma fuga que se manteve até o final da corrida. O resultado foi definido nos metros finais. Fiquei satisfeito com o meu resultado e agora tenho que intensificar os treinamentos para a próxima etapa, que será realizada no mês de maio em São João Del Rei. Quero agradecer a FESP pelo apoio que têm nos dados ao longo destes anos. Sem este suporte não seria possível alcançar os resultados que temos conseguido".

A Copa Internacional Levorin de MTB confirma a força do ciclismo e do Mountain Bike em Minas Gerais. Nos três dias de competição, Araxá recebeu cerca de 1.200 atletas de todo Brasil e de outros países como Venezuela, Equador, Argentina e Chile. A CIMTB Levorin é a maior referência do Mountain Bike brasileiro e latino-americano, sendo considerada a melhor competição do segmento no Brasil. 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Nesta terça-feira (26), A Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP) realiza a entrega do prêmio Sucesso Empresarial 2013. A cerimônia acontece no Espaço Castelinho a partir das 20h, sendo um evento promovido em parceria com a Folha da Manhã e ACIP – Associação Comercial e Industrial de Passos.

O Selo Sucesso Empresarial é concedido anualmente, desde o ano de 2010, sendo resultado de uma extensa pesquisa social, procurando uma forma transparente de creditar às empresas a sua importância na sociedade de Passos. “Valores como seriedade, honestidade, lealdade, afinco e determinação são princípios que acompanham a FESP e fazem parte da sua missão. Promover conhecimento, formando cidadãos conscientes, profissionais competentes e empreendedores, viabilizando a construção de um futuro melhor é o nosso compromisso. Por isso premiamos a gestão das empresas e instituições que se destacaram no mercado passense, certificando a qualidade de seus produtos e serviços, além de suas práticas em relação às ações sociais, econômicas e ambientais, servindo como exemplo para todos os estabelecimentos da cidade”, defende o presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas.

As professoras Leila Maria Suhadolnik Oliveira de Andrade e Sílvia Maria Oliveira Soares Maia, coordenadoras do projeto, garantem que a cada ano o selo se torna cada vez mais um indicador de qualidade aos olhos dos consumidores. “Ainda teremos um prêmio especial de Responsabilidade Social”, completou Sílvia.

 O Presidente da ACIP, Carlos Renato Lima Reis, o Renatinho Ourives, ressalta a relevância de o aspecto social ser um diferencial na pontuação e também do valor que o selo vem agregar às empresas. “É um evento importante porque traz o reconhecimento para cada uma das empresas que se preocupam com a qualidade do que oferecem. É o momento de valorização do empenho, da dedicação na sua empresa e seu lado social. Nós da Associação ficamos muito satisfeitos com esta parceria. Os filiados ganham pontos e isso aumenta a nossa visibilidade e responsabilidade”, declara.

Neste ano serão 56 empresários homenageados pelo seu desempenho em 2013. A avaliação foi feita através do Instituto de Pesquisa da FESP (IPFESP) e do curso de Administração, sendo executada em duas fases: a primeira por meio de amostragem e votação popular nos bairros de Passos, para a escolha dos cinco melhores empreendimentos diferentes categorias empresariais; e a segunda, com a elaboração do diagnóstico das selecionadas. 

Mais de 200 empresas foram classificadas por meio da opinião pública; 102 das que responderam o diagnóstico foram visitadas; 38 foram as mais lembradas e 4, nas categorias auto escola, academia, curso de línguas e loja de roupas íntimas tiveram pontuação máxima em gestão.

Confira abaixo a lista das categorias que serão premiadas:

ACADEMIA

ACESSÓRIOS E BIJUTERIAS

AGÊNCIA DE TURISMO

ÁGUA MINERAL

ARTIGOS DE CAMA, MESA E BANHO

ARTIGOS ESPORTIVOS

AUTOESCOLA

BAR

BRINQUEDOS

CALÇADOS

CARNES/AÇOUGUE

CASA DE FRIOS

COMPUTADORES E SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA

CONCESSIONÁRIA DE AUTOMÓVEIS

CONCESSIONÁRIA DE MOTOS

CONSTRUTORA

CURSO DE LÍNGUAS

DECORAÇÃO E PRESENTES

DISK CERVEJA

DROGARIA/FARMÁCIA

ENSINO TÉCNICO

ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PARTICULAR

ESCRITÓRIO DE CONTABILIDADE

ESTACIONAMENTO- VENDA DE CARROS USADOS

FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO E HOMEOPATIA

FLORICULTURA

GÁS

HOTEL

IMOBILIÁRIA

INDÚSTRIA DE CONFECÇÕES

INDÚSTRIA DE MÓVEIS

LABORATÓRIO DE ANÁLISES

LANCHONETE

LOJA DE MÓVEIS

LOJA DE ROUPAS ÍNTIMAS

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

MATERIAIS HIDRÁULICOS

MATERIAS ELÉTRICOS

ÓTICA

PADARIA

PAPELARIA

PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA CARROS

PET SHOP

POSTO DE COMBUSTÍVEL

PRODUTOS AGROPECUÁRIOS

RÁDIOS

RELOJOARIA

RESTAURANTE

ROUPA INFANTIL

ROUPAS MULTIMARCAS (BOUTIQUE)

SALÃO DE BELEZA

SERRALHERIA

SORVETERIA

SUPERMERCADO

TINTAS E MATERIAIS PARA PINTURA

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



A noite da última segunda-feira (04) foi de festa e muitas emoções durante o 1º Festival Gospel Canta FESP que leva o nome do cantor e compositor passense Thalles Roberto, considerado um dos maiores fenômenos da música Gospel da atualidade. O Parque de Exposições Abílio Soares, em São João Batista do Glória (MG), recebeu um público numeroso e entusiasmado que permaneceu no recinto até a divulgação final dos ganhadores. Entre mais de 60 composições inscritas dos quatro cantos do país e também do país vizinho Uruguai, 16 finalistas foram selecionados para se apresentarem no palco e serem avaliados pela plateia e o corpo de jurados que contou com a presença do patrono do Festival, Thalles Roberto. 

O 1º Festival Gospel Canta FESP Thalles é uma realização da FESP em parceria com o cantor e com a Prefeitura de São João Batista do Glória e vem para abrir mais espaço para a arte e cultura no cenário da região de Passos. Segundo o presidente do Conselho Curador da FESP, Fabio Pimenta Esper Kallas, o Festival já nasceu em terreno fértil e renderá bons frutos a cada edição. “Eu achei que foi uma grande e grata surpresa. Foi extraordinário! Este evento já nasceu forte e tocou o coração de muitas pessoas, inclusive o do Thalles que veio participar do corpo de jurados e deu um verdadeiro show. Esperamos que este evento se torne uma referência e continue dando oportunidade para estes artistas demonstrarem seu talento e começarem uma carreira de sucesso”, declarou o professor.

Aparecida Nilva dos Santos, prefeita de São João Batista do Glória mostrou satisfação em receber o evento na cidade. "Ficamos muito satisfeitos nesta parceria entre a FESP e o Thalles Roberto aqui em São João Batista do Glória. Acho que é disso que nossos jovens precisam: de uma mensagem de otimismo, esperança e fé. Nestes dias onde a família anda tão desvalorizada e esquecida eventos como este servem para reatar estes lanços e trazer mais harmonia e paz para a nossa cidade", relatou Nilvinha.

Após quase duas horas de boa música, os jurados premiaram a cantora Carolina Dantas, de Santos (SP), como a melhor intérprete e pela melhor canção, recebendo troféu Canta FESP Gospel Thalles Roberto e um cheque no valor de R$ 5 mil reais. O que ninguém esperava era o anúncio de outro prêmio extra para a grande vencedora. Ao elogiar a cantora pela conquista, Thalles anunciou que irá produzir o primeiro CD de Carolina Dantas. 

A sequência de surpresas começou cedo com um show de carisma e simpatia do cantor Thalles, que contou um pouco sobre as dificuldades que enfrentou no início da sua carreira, disputando festivais de música como este que leva seu nome. Empolgado com a vibração do público, Thalles não resistiu e com sua guitarra cantou por cerca de 30 minutos seus principais sucessos, acompanhado por um coro de crianças, jovens, adultos e idosos.

“Isso aqui é uma felicidade! Eu queria agradecer à FESP e à Prefeitura de São João Batista do Glória, realizadoras deste Festival, pela oportunidade. Ser reconhecido pelo seu povo não é fácil e ser querido na sua cidade, na sua região, é uma grande honra. Receber gente de fora também é um prazer. Superamos a expectativa de público e é muito bom ver esse povo aqui adorando a Deus, cantando para Deus, isso é lindo! Eu estou muito feliz”, comentou Thalles Roberto, que elogiou muito os participantes, reconhecendo o talento e valorizando os artistas.

Carolina Dantas agradeceu o cantor pelo prêmio surpresa, pelas considerações e pela oração que o cantor fez. Interpretando a música “Meu Socorro”, de Bruno Cardoso, a cantora conseguiu emocionar o público, os jurados e ainda arrancou lágrimas de Thalles Roberto que propôs a produção de seu CD. “Não tenho palavras pra explicar como é cantar uma música que vai direto ao coração de Deus. Quando eu canto e louvo eu agradeço a Deus pelas maravilhas que Ele tem feito na minha vida. Estou muito feliz! Nem tenho palavras para agradecer. Vim de tão longe, fiz uma rifa na Igreja para poder vir e não foi em vão. É uma bênção! O Festival é nota 10 e o Thalles é uma bênção! Ele realizou até o sonho do Nícolas, meu filho, que cantou no palco com ele”, contou a cantora emocionada.

“Tú és Santo” é o nome da canção composta e interpretada por Miqueias Medeiros, de São Sebastião (SP). Segundo ele, Deus falou em seu coração e logo a música fluiu. “Na hora que eu canto eu volto meu coração e meu pensamento para Deus. Procuro dar o meu melhor sempre porque o eu faço é para abençoar as pessoas e é pra honra e glória de Jesus. Eu sempre penso: eu vou te fazer sorrir, Deus”, falou emocionado o cantor que conquistou o segundo lugar, levando o prêmio de três mil reais.

O grupo Voz e Melodia de Passos (MG), com a música “Vou adorar”, Tiago Barros, de Vagem Bonita (MG), cantando “És meu tudo”, e Mizael Siqueira e banda, de Juiz de Fora (MG), com “Adoração”, ficaram em terceiro, quarto e quinto lugar, respectivamente. O prêmio de melhor torcida foi para o grupo da Aline Marques e Sandro Taborda, da Igreja Batista de São João Batista do Glória.

Sucesso

Sílvia Maria Oliveira Soares Maia e Leila Maria Suhadolnik de Andrade, organizadoras do Festival disseram que a noite foi de emoção e muita energia positiva. “Tivemos artistas da mais alta qualidade e valeu muito a pena investir neste estilo de música que traz uma mensagem muito boa para as pessoas”, defendeu Leila.

Um dos integrantes do corpo de jurados, Hesdras Alexandrino Rosa, que faz parte de um ministério de música em um grupo de oração da Renovação Carismática Católica, confirmou a qualidade técnica dos participantes e comentou sobre a iniciativa da realização do evento. “É muito importante para nós cristãos estarmos todos reunidos em nome de Jesus. A FESP está de parabéns! Eu me surpreendi com o talento apresentado. O Thalles é uma pessoa fantástica, a alegria dele contagia. “O evento foi excelente. É impressionante porque já é tarde, está chovendo, é segunda-feira e tem esse monte de famílias aqui”.

Uma dessas famílias é a do Ademir Raimundo da Silva, que esteve presente até o fim da noite com a esposa e filho. “É uma grande festa. Só de estar aqui e louvar a Deus é gratificante! Quero parabenizar os organizadores porque estou achando o máximo e espero que o Festival se repita. Valeu a pena!”

José Alexandre, participante assíduo do Canta FESP-CPN estreou na categoria Gospel e comentou a emoção da experiência. “Já participei de outros Festivais da FESP, mas este é especial porque eu estou percebendo uma movimentação que eu nunca vi nos outros. É um público diferenciado e eu estou realmente impressionado! Saí de casa já na expectativa porque eu nunca tinha participado de um festival gospel e foi uma energia enorme! Ganha o músico e também ganha a platéia”, alegou.

Thalles Roberto fechou a noite com a promessa de retornar no ano que vem com a sua banda para um show completo e espera que a quantidade de público aumente a cada ano.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG
Confira todas as fotos AQUI.


A Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) divulgou na última semana o resultado do edital para participação de dois estudantes de graduação no Programa Ciência sem Fronteiras do governo federal. Os estudantes do curso de Engenharia Ambiental, Eridano Valim dos Santos Maia e Jéssica Karyane da Silva, ambos de 21 anos, irão cursar um período de estudos em uma universidade no exterior que deverá ser definida nos próximos meses.

O Ciência sem Fronteiras é um programa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e do Ministério da Educação que disponibiliza uma cota de bolsas “sandwich” na graduação que promove o intercâmbio do aluno com diversos países inseridos com universidades participantes. O objetivo é apoiar alunos formalmente matriculados em cursos de graduação no Brasil nas áreas prioritárias do programa. A FESP conquistou o ingresso no programa em 2011 por ser uma instituição de pesquisa credenciada junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

O processo seletivo interno da FESP contou com uma prova escrita de redação em português sobre o tema de interesse do aluno e uma prova de tradução para o inglês, realizada no dia 2 de dezembro. Foram levados em conta para a seleção, os seguintes critérios: o aluno ter cursado no mínimo 40% do curso, ou seja, estar pelo menos com o 4º período concluído; apresentar média global de notas de no mínimo 7 pontos, que é considerado um perfil de aluno de excelência e ter participado ou estar participando de projeto de pesquisa. “Somos uma instituição de pesquisa séria e que desenvolve pesquisas de qualidade, iremos dar o apoio para os estudantes selecionados que irão representar a FESP no exterior e trazer bons resultados para serem estudados e aplicados em Passos”, comemorou o presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fábio Pimenta Esper Kallas.

As universidades e os países de destino onde Eridano e Jéssica irão estudar serão conhecidos no primeiro semestre de 2012. De acordo com o diretor do Núcleo Acadêmico de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da FESP, professor Eduardo Goulart Collares, os contatos terão que ser realizados com as universidades que tenham convênio com o CNPq para que os alunos selecionados possam ter o termo de aceite da instituição estrangeira. Os estudantes farão ainda um teste de proficiência em língua inglesa no qual deverão ser aprovados e só assim estarão aptos para a viagem. Collares lembrou ainda que cada um dos estudantes poderá ir para uma universidade e país distintos já que a escolha depende da linha de pesquisa na qual o aluno tenha mais interesse dentro da Engenharia Ambiental. “A possibilidade de envio destes alunos para vivenciar esta experiência no exterior vai ser um marco em termos de crescimento acadêmico para nossa instituição. Eles terão não só crescimento profissional como pessoal. Ao retornarem para a FESP repassarão as suas experiências para os colegas e para os nossos pesquisadores. Por meio deste programa, a FESP estará conectada as melhores universidades do mundo”, frisou Collares.

A coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESP, Marisa da Silva Lemos, ressaltou que assim que os estudantes voltarem do país de destino a instituição irá promover um relato de experiências entre os colegas e os calouros que poderão se preparar caso queiram concorrer nas próximas edições do programa. “Além disso, cada um deles fará uma exposição sobre a experiência no FESP INOVA, maior evento científico e tecnológico da FESP”, lembrou Marisa.

Selecionados

Cursando o sétimo período de Engenharia Ambiental e estagiando na empresa Votorantim Cimentos S.A, unidade de Itaú de Minas, Eridano Valim dos Santos Maia, que é natural de Três Coraçoes (MG) vem se preparando para essa conquista há um bom tempo. Desde os primeiros períodos do curso o estudante desenvolve projetos de pesquisa e extensão. Há dois anos está estudando o idioma inglês e disse que nos próximos meses o estudo da língua será ainda mais intenso com a ajuda dos professores da FESP. Eridano tem um interesse maior em três áreas específicas sendo elas: gestão de resíduos sólidos, tecnologias no controle da poluição aérea e sistemas de gestão ambiental. Entre os trabalhos de maior destaque do aluno está a participação no Projeto Rondon, na Operação Zabelê, realizada em Itainópolis (PI), em janeiro de 2011.  Em 2010 foi bolsista de Iniciação Científica pelo Programa PIBIC-FAPEMIG com o trabalho “Determinação dos Módulos Estáticos de Deformação e Elasticidade de Concretos Produzidos com Rejeitos de Minerações do Sudoeste Mineiro” o qual foi apresentado no 12º Seminário de Iniciação Científica e Extensão da UEMG, realizado no Campus de Frutal, no início deste ano. O projeto faz parte de uma linha de pesquisa da FESP que estuda a viabilidade do uso de rejeitos de quartzito (pedra mineira) provenientes de minerações do sudoeste mineiro como agregado graúdo no concreto.  O trabalho foi selecionado pela FAPEMIG (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas) para representar a FESP no 3º Seminário Estadual de Iniciação Cientifica do órgão, realizado no mês de setembro em Belo Horizonte.

Segundo Eridano, a vontade e o objetivo certo em participar do projeto foi tão grande que desde quando o programa foi lançado há alguns meses já pesquisava e se inteirava sobre o assunto. “No momento em que a FESP abriu o edital percebi que o que eu tanto desejava estava se tornando uma possibilidade. As causas que me fizeram candidatar são várias como, por exemplo, a sinergia de conhecimentos e tecnologias com países de primeiro mundo, aprimoramento do inglês e principalmente a oportunidade de trazer para o Brasil soluções científicas e tecnológicas que possam fazer com que nos tornemos uma potência”, disse.

No reconhecimento aos trabalhos e a consolidação da bagagem adquirida em sua trajetória, Eridano faz questão de destacar a contribuição da FESP, por meio do corpo docente, principalmente do professor Collares que vem acompanhando o trabalho do aluno desde o início de sua graduação, o apoio da empresa na qual estagia, a Votorantim Cimentos S.A., que deu muito incentivo e tem acreditado no potencial do aluno e, sobretudo, a força e o estímulo da família. “Estão todos extremamente felizes e orgulhosos pela conquista, em especial meu pai que desde sempre me colocou o estudo como única alternativa para se tornar um cidadão capaz de fazer a diferença”, conta Eridano.

A estudante Jéssica Karyane da Silva que também foi aprovada no edital de seleção terminou este ano o 6º período de Engenharia Ambiental. Residente na cidade de Delfinópolis, Jéssica concorda com Eridano ao citar o apoio da FESP e da família.

Também participou do Projeto Rondon 2011, na Operação Seridó, de janeiro a fevereiro de 2011 no Rio Grande do Norte. É integrante da equipe que realiza o Zoneamento Ambiental das Sub-bacias Hidrográficas dos Afluentes Mineiros do Médio Rio Grande, no projeto "Grande Minas - União pelas Águas”, uma parceria da FESP, ADEBRAS e Comitê de Bacias Hidrográficas do Médio Rio Grande. Em seu currículo ela acumula ainda a participação como integrante do Grupo Gestor de Coleta Seletiva no município de Delfinópolis (MG). A decisão em participar da seleção foi reforçada pelo desejo da busca pelo novo. “Compartilhar experiências e aprender a cada dia mais foi o que me impulsionou. Fazer parte dos cidadãos que podem ajudar o Brasil, hoje país emergente, a se tornar um país de primeiro mundo foi um dos fatores que pesaram na hora da candidatura. Conciliar o desenvolvimento econômico, social e ambiental é uma tarefa a ser cumprida”, ressaltou.

Os dois estudantes são exemplos do investimento realizado pela FESP por meio de diversos órgãos na pesquisa e extensão que são de grande importância para o desenvolvimento da vida acadêmica de uma instituição de ensino superior e que tem resultados expressos na vida tanto profissional quanto pessoal do estudante. “Quando você trabalha com pesquisa e extensão, consegue aprender o que não aprende nas salas de aula. É um complemento essencial para uma boa formação. Colocar a mão na massa traz um conhecimento incalculável que dificilmente se obtém somente com a teoria da graduação, além é claro de abrir várias portas para o mercado de trabalho”, concluiu Jéssica.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



O atleta João Ferreira de Lima, o “João da Bota”, da equipe do Cruzeiro, foi o campeão da categoria Geral Masculino 10km, com o tempo de 28 minutos e 29 segundos.

O evento é promovido pelo curso de Educação Física da FESP (Fundação de Ensino Superior de Passos) e coordenado pelo professor Hélvio Maia, com a participação dos estudantes universitários em todas as etapas de organização do evento.

A minimaratona FESP já virou tradição no sul do estado e reúne atletas de várias regiões do país. “A cada ano há um aumento no número de participantes”, afirma o coordenador. Foram premiados os três primeiros colocados nas categorias Geral Masculino e Feminino (1º Lugar – R$ 1.200,00; 2º Lugar – R$ 800,00 e 3º Lugar – R$500,00) e Local Masculino e Feminino (1º Lugar – R$ 500,00; 2º Lugar – R$ 300,00 e 3º Lugar – R$200,00) nas demais categorias foram distribuídos troféus para os três primeiros colocados e medalha de participação para todos os competidores.

O troféu especial para a maior equipe foi para a Prefeitura Municipal de Passos, com 240 inscritos. “O envolvimento da comunidade está cada vez maior, com várias instituições, grupos e empresas enviando seus funcionários para participar das competições, isto é muito gratificante para a FESP”, afirma o presidente do Conselho Curador, professor Fábio Pimenta Esper Kallas.

Confira a classificação

 



Confira as fotos do evento AQUI

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  março 2020  >>
seteququsedo
2425262728291
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
303112345