O Colégio Tiradentes da Polícia Militar de Passos venceu pela 4ª vez o Festival de Vídeo Selton Mello, realizado anualmente pela FESP. “Fibonacci” recebeu o prêmio no valor de R$600,00 do júri técnico, na noite da última segunda-feira (25), quando aconteceu a Mostra Competitiva. O segundo lugar ficou com os alunos da Escola Estadual São José, pelo vídeo “O pendrive”, e a terceira colocação, além do prêmio especial de júri popular, foram para os estudantes da Escola Estadual Caetano Machado da Silveira, que produziram o curta “Identify Crisis”.

O vencedor foi uma aposta no gênero de suspense. Amanda Botelho, uma das integrantes da equipe produtora, explicou que a escolha foi inspirada em uma série de televisão que o grupo acompanha. “No começo a gente até pensou em outra história, mas a gente queria inovar, queria uma coisa diferente que não tinha acontecido em outros curtas ainda. Então a gente pensou em criar uma história baseada em um seriado que a gente conhece para causar o suspense do que aconteceria no final”, justificou. O colega Marco Aurélio Reis Nascimento comemorou dizendo que depois do esforço ter vencido foi a recompensa. “É gratificante porque nós batalhamos bastante, dedicamos bastante”, completa.

Um dos coordenadores do Festival, professor Paulo Henrique Baldan Vallim, defende que, nesta edição, as produções refletiram o cotidiano dos próprios estudantes envolvidos e reforça a oportunidade que projeto oferece para que estes jovens possam ter contato com a produção audiovisual. “Os vídeos expressam um pouco do sentimento dos alunos, da realidade dentro das escolas, a questão de ser aceito, de estar inserido dentro do ambiente escolar, a busca do jovem para se conhecer, de estar junto com o outro, a preocupação de ajudar. Eu acho que é válida a participação dos alunos dentro do projeto pela possibilidade de desenvolverem uma obra audiovisual independente deles irem ou não para a área da comunicação, do cinema. É uma oportunidade para quem gosta e está disposto a seguir esse caminho até como profissão. É uma sementinha, um início. O festival é uma forma de colocar esses jovens para pensar”, justifica.

O aprendizado e a chance de criação e produção artística é uma forma de aproximar os interesses dos alunos junto à proposta de ensino das escolas. É o que acredita o professor de língua portuguesa e inglesa da Escola Caetano Machado da Silveira. Para ele a própria escola está indo em direção aos alunos quando incentivam a participação deles em iniciativas como o Festival realizado pela FESP. “Estamos num ponto em que a arte dentro da escola está muito em voga. A temática de ensino pedagógico está trazendo música, teatro, cinema e isso é de extrema importância para que a escola seja uma presença contínua na vida do jovem. Nós como educadores temos que saber e avaliar a hora de encaminhá-los para a cultura, arte e contextualizar isso dentro do ensino”, declarou Luiz Carlos de Souza.

A mesma pontuação foi feita pelos alunos da Estadual São José. Um dos participantes, Deivid Aparecido Ferreira contou que apesar das dificuldades em relação à produção, atenção dada pelos organizadores do Festival foi determinante para que conseguissem concluir o vídeo. “Foi uma experiência muito boa, foi difícil, mas a gente aprendeu muito. Os coordenadores tiveram muita boa vontade para ensinarem a gente e foi maravilhoso! Valeu muito a pena”.

Em Abril deste ano, as oficinas - ministradas pelos professores responsáveis pela Mostra Competitiva - envolveram discussões sobre produção, direção de fotografia, roteiro, direção de áudio, direção geral, edição e finalização, dando início à 5ª edição do Festival Selton Mello de 2013. Segundo Diovany Rodrigues, também responsável pelo projeto, os alunos enviaram as ideias iniciais dos roteiros e durante as oficinas trabalharam para adaptar à realidade de produção de cada equipe. “Oferecemos todo o embasamento teórico para que eles pudessem produzir e tivemos também algumas aulas práticas. Foi possível ver alguns dos exemplos que passamos em aula. Não houve limitação criativa e o resultado foi muito bom”, ponderou o professor.

O também organizador do Festival, professor Diego Vasconcelos, fez a mesma avaliação dizendo que a Mostra é muito importante, contribuindo para a sensibilidade artística dos alunos participantes. “Tem grande abrangência e uma ótima repercussão. As expectativas para o próximo ano são sempre as melhores”, finalizou.

Confira abaixo os nomes dos integrantes das produções:

Colégio Tiradentes da Polícia Militar 

CURTA: Fibonacci 

ALUNOS: Amanda Botelho / Danielle Alves / Luiz Marques / Marco Reis / Stéfano Teixeira / Stéphanie Alves

E.E. São José 

CURTA: O pendrive 

ALUNOS: Cassia Lima / Daphine Aparecida / Deivid Ferreira / Driele Silva 

E.E. Caetano Machado 

CURTA: Identify Crisis 

ALUNOS: Rafaela Marinho / Igor Barbosa / Anelise Souza / Natália Reis / Gustavo Barbosa / Samara Ingryd

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG

Veja todas as fotos AQUI.



A FESP promove nesta segunda-feira (25) mais uma Mostra Competitiva do Festival de Vídeo Selton Mello FESP. A partir das 20h, o Auditório Professor Armando Righetto (Bloco 08 da Fundação) estará preparado para receber a torcida dos curtas que disputam o prêmio de R$600,00 nesta 5ª edição.

Patrono do Festival, o cineasta passense Selton Mello disse em depoimento na última visita a FESP que a Mostra é um meio de se incentivar e inserir a produção de audiovisual no ambiente escolar. “Essa parceria com a FESP não pode parar, isso é fundamental. Alguns vão despertar para a arte e outros, mesmo que decidam trabalhar em outras áreas, vão ter vivido esta experiência riquíssima do contato com a arte”, afirma Selton.

Os vídeos foram produzidos pelos alunos das escolas estaduais Caetano Machado, São José, e do Colégio Tiradentes da Polícia Militar de Passos. Segundo um dos responsáveis pelo Festival, professor Paulo Henrique Vallim, os curtas trataram de temas relacionados à convivência e aceitação dos jovens no meio escolar e na sociedade.

Após a apresentação, o júri técnico, composto por professores e alunos do curso de Comunicação Social (Jornalismo e Publicidade e Propaganda) da FESP, vai avaliar os vídeos pelos critérios: fotografia, roteiro, produção e áudio, deliberando os vencedores que receberão troféus em primeiro, segundo e terceiro lugar, além do prêmio especial decidido por voto popular apurado com a plateia presente na apresentação dos curtas. Todos os participantes receberão medalha e certificado.

As oficinas, que prepararam os alunos para o desenvolvimento dos curtas, aconteceram no primeiro semestre de 2013 e envolveram discussões sobre produção, direção de fotografia, roteiro, direção de áudio, direção geral, edição e finalização. As aulas foram ministradas pelos coordenadores do festival, professores Diego Vasconcelos, Diovany Rodrigues e Paulo Henrique Vallim. O processo de gravação e edição dos filmes foi de total responsabilidade dos estudantes.

A entrada no evento é gratuita.

Confira os participantes:

E.E. Caetano Machado 

CURTA: Identify Crisis 

ALUNOS: Rafaela Marinho / Igor Barbosa / Anelise Souza / Natália Reis / Gustavo Barbosa / Samara Ingryd

 

E.E. São José 

CURTA: O pendrive 

ALUNOS: Cassia Lima / Daphine Aparecida / Deivid Ferreira / Driele Silva 

 

Colégio Tiradentes da Polícia Militar 

CURTA: Fibonacci 

ALUNOS: Amanda Botelho / Danielle Alves / Luiz Marques / Marco Reis / Stéfano Teixeira / Stéphanie Alves

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



O curta-metragem “O Anel”, produzido pelos alunos da Escola Estadual São José para o Festival de Vídeo Selton Mello FESP, conquistou o 1º lugar na Mostra Nacional do IV Festival Internacional Estudantil de Cinema de Barra do Piraí, realizado entre os dias 7 e 13 de Abril.

O professor Paulo Henrique Baldan Vallim, um dos coordenadores do festival passense, participou do evento e comentou que tanto os jurados, quanto os alunos elogiaram as produções do Festival Selton Mello. “Fiquei contente e acredito que esta conquista é resultado das oficinas que ministramos com os alunos em Passos. O audiovisual é uma ferramenta educacional importante se for bem empregada”, declarou Paulo Henrique.

Caetano Ingraci, diretor da Escola Estadual São José, comemorou a vitória: “É com imensa satisfação que recebemos esta notícia! Isso mostra que estamos percorrendo o caminho correto na educação de nossos alunos. A equipe da E. E. São José está em festa! Este prêmio nos comove e nos motiva a continuarmos acreditando que educação é o que forma a identidade o indivíduo”, disse. 

O professor responsável pela produção, Fabiano Amorim Costa, contou que o aprendizado da equipe de alunos foi grande e que recebeu “valiosos elogios” do ator e diretor Selton Mello.

De acordo com Fabiano, o tema foi uma escolha dos próprios alunos. “O estudante Jean Maia, diretor do curta vencedor, mostrou animações com lutas de espada tipo Star Wars que ele havia feito em seu celular e a partir daí, sugerimos que daria para fazer um vídeo bem diferente. A ideia do filme e do roteiro foi toda do Jean e do restante do grupo. A professora Adriana Beatriz Polez Rocha também ajudou bastante no desenvolvimento do vídeo”, comentou.

"O Anel" usa da comédia leve e da temática baseada na ficção científica para contar uma história dentro de outra história, no contexto de uma relação entre pai e filho. O roteiro prioriza a imaginação, a câmera, em ângulos ora inesperados, e os efeitos de imagem e som colaboram para a comicidade inteligente da produção.

O prêmio recebido em Barra do Piraí será entregue na E. E. São José em data ainda não determinada e, segundo o professor Paulo Henrique Baldan Vallim, o próprio curador do Festival de Barra do Piraí vai participar da entrega em Passos.

Quem quiser assistir ao curta “O Anel”, basta acessar o canal oficial do Festival de Vídeo Selton Mello FESP, no Youtube, clicando aqui.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Cinco curtas produzidos para o Festival Selton Mello de Vídeo da FESP ficaram entre os 10 finalistas da Mostra Competitiva Nacional, que integra o IV Festival Internacional Estudantil de Cinema de Barra do Piraí (RJ). Os professores Paulo Henrique Baldan Valim e Diovany Rezende Rodrigues, que coordenam o festival da FESP, vão participar do evento que acontece entre os dias 07 e 13.

O ator e diretor Selton Mello, que já coleciona os mais importantes prêmios do cinema nacional e internacional, comemorou as indicações do projeto do qual é padrinho. "Fiquei feliz de ver os filmes ganhando outros terrenos, é bom saber que os meninos estão fazendo coisas que estão indo pra outros lugares, fora de Passos", disse.

Para o professor Paulo Henrique Baldan Valim, que inscreveu os curtas, o objetivo da participação é expor o trabalho realizado pelos estudantes de Passos e abrir portas para a troca de experiências com os participantes de projetos semelhantes ao da Fesp.

Ele acredita que a temática dos filmes selecionados pode ser o grande diferencial na competição. “A relevância dos temas selecionados para a Mostra vem do toque irreverente, suave e sentimental, bem diferente da realidade reproduzida pelos estudantes cariocas, por isso tem grandes chances de um deles sair de lá com o prêmio oferecido”, aposta.

Os filmes passenses que concorrem ao prêmio de 2 mil reais são: “Uma Rosa Pra Você” e “Agalmata” do Colégio Tiradentes; “Inconsciente”, do Colégio Imaculada Conceição; “Ilusões de um sonho”, da Escola Estadual Profª Júlia Kubitschek e “O Anel”, da Escola Estadual São José.

Segundo a diretora do Colégio Tiradentes da Polícia Militar, Janaína Brasileiro, que tem dois finalistas concorrendo em Barra do Piraí, o Festival Selton Mello é um grande sucesso dentro da escola. “Os alunos esperam ansiosos pela data da inscrição. As ideias surgem em grupos de alunos através de fatos reais ou histórias ouvidas por eles. Todos se envolvem no processo de desenvolver o curta, aproveitam os conhecimentos adquiridos e também se divertem muito”, declara.

Para a diretora do Colégio Imaculada Conceição, Irmã Catarina Salviano, a produção do curta inovou o conceito de arte dos alunos, que tiveram palestras e oficinas com direcionamentos em relação à concepção e montagem. “Acreditamos que os alunos participantes aprenderam a importância do trabalho em equipe, somado ao aprendizado acadêmico de como explorar a arte através de documentários, por exemplo. Consideramos ainda que tudo isso tenha despertado para o compromisso e a responsabilidade de apresentar à sociedade um fato, uma visão de mundo que os jovens têm”, afirmou a diretora que destaca a participação no projeto como demonstração da disposição dos alunos em promover a cultura e a arte.

A diretora da Escola Estadual Profª Júlia Kubitschek, Sílvia Inez Silva, destacou a importância do Festival Selton Mello na descoberta de talentos, além de promover o interesse pela dramaturgia entre os estudantes. “A avaliação foi muito positiva, porque não só envolveu a equipe de produção como toda comunidade escolar. A nossa expectativa é a melhor possível. Quem sabe teremos surpresas agradabilíssimas?”

O IV Festival Internacional de Barra do Piraí recebeu inscrições de filmes de ficção em curta-metragem produzidos por estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, de escolas de todo o Brasil.

O evento aborda a produção audiovisual através de seminários, oficinas e duas mostras competitivas nas modalidades local e nacional, além da mostra internacional que não é competitiva. A expectativa de público é de pelo menos 3 mil pessoas por dia. Neste ano, o festival homenageia o ator Lázaro Ramos. 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



O professor dos cursos de Comunicação (Jornalismo e Publicidade e Propaganda) da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG), o fotógrafo profissional Diego Vasconcelos, conquistou dois prêmios na campanha #eufaçoaMostra da 15ª Mostra de Cinema de Tiradentes (MG). Diego foi contemplado em primeiro lugar na categoria Mostra em Movimento com o vídeo “Interferências urbanas – 12ª Mostra” e em terceiro lugar na categoria Mostra em Foco com a fotografia “Caminhos de Tiradentes – 11ª Mostra”.

A campanha foi realizada por meio das redes sociais na internet nos últimos meses. Foram postadas 85 fotos, três vídeos e 12 textos com temática voltada à comemoração dos 15 anos da Mostra de Cinema de Tiradentes, segundo informações da Assessoria de Imprensa do evento. Através do site da campanha, 1230 pessoas avaliaram os conteúdos com notas de 1 a 5. Os vencedores foram aqueles que receberam as melhores notas dos internautas. O professor Diego recebeu 167 pontos para o vídeo e 346 para a foto.

A 15ª Mostra de Cinema de Tiradentes acontece a partir desta sexta-feira (20) e vai até o dia 28. A cidade de Tiradentes com apenas 7 mil habitantes prepara em cada edição da mostra uma grande infra-estrutura para sediar a programação cultural que é abrangente e gratuita reunindo diversas manifestações da arte.

O 1º lugar de cada categoria da campanha ganhou duas diárias de hospedagem em Tiradentes, com direito a acompanhante, durante o evento além de um kit com bolsa, camiseta e catálogo e mais uma credencial de convidado da Mostra.

Os trabalhos do professor Diego, que possui ampla experiência na área de audiovisual e é o responsável pelas disciplinas de Fotografia dos cursos de Comunicação da FESP, foi produzido individualmente.  “As imagens foram produzidas durante as edições anteriores da mostra. O vídeo eu mesmo produzi, gravei e editei. Estou muito contente com a premiação”, disse Diego.

Para a FESP a conquista de Diego engrandece as atividades do corpo docente da instituição e coloca a escola em evidência no cenário nacional. Diego estará em Tiradentes nos próximos dias e destacou que as ideias para outras produções não param de surgir. As informações gerais sobre a 15ª Mostra de Cinema de Tiradentes podem ser conferidas no site www.mostratiradentes.com.br

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  janeiro 2021  >>
seteququsedo
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
1234567