A 8ª edição do Festival de Poesia da FESP foi marcada pela participação da plateia, que lotou o Auditório Professor Armando Righetto – Bloco 08 da FESP – no último dia 22 de agosto, para prestigiar representantes das escolas das redes municipal, particular e estadual de ensino.

Assim como nas edições anteriores, um poeta da literatura brasileira foi homenageado. Nesta edição, os poemas foram recitados em homenagem ao centenário de nascimento de Augusto dos Anjos.

“As professoras Leila e Silvia têm um papel fundamental na FESP na criação e desenvolvimento destes projetos culturais que envolvem a comunidade. Mais uma vez elas estão de parabéns pela organização do Festival que foi um sucesso!”, destacou o presidente da FESP professor Fabio Pimenta Esper Kallas.

“Foi um festival de verdade! A cada ano cresce a estrutura, o número de escolas participantes e da qualidade das apresentações”, destacou uma das organizadoras do festival, professora Leila Maria Suhadolnik Andrade. Opinião compartilhada também por outra organizadora do evento, a professora Silvia Maria Oliveira Soares Maia. “Através do festival, o professor descobre naquele aluno a vontade que ele tem de recitar e conhecer poesias. E através deste festival, o professor encontra o estímulo necessário para trabalhar com a poesia com os alunos ampliando a bagagem literária de cada um deles”, observou.

Na categoria ensino fundamental, o grande vencedor do concurso foi o aluno Pedro Henrique da Silva Lopes, da Escola Municipal Amélia Jabace, que arrancou aplausos do público presente por sua desenvoltura e dinamismo na apresentação da poesia. Os nomes dados: Terra Descoberta, do poeta Cassiano Ricardo.

Na categoria ensino médio, o estudante Duarte Antonio Comotti Carvalho, da Escola Estadual Dulce Ferreira de Souza (Polivalente) silenciou a plateia com uma voz grave acima do normal para um adolescente e uma interpretação perfeita da poesia Felicidade Realista, de Mário Quintana.

“Estou admirada com as apresentações que tivemos. Pra mim foi um prazer compor o corpo de jurados deste festival. É uma coisa que aquece o coração da gente. Ver a possibilidade de crianças e adolescentes demonstrarem seus sentimentos, não em algo decorado, mas que sai da alma e acompanhar isso acontecendo numa cidade tão carente de opções culturais como Passos me encheu de alegria e prazer”, disse a professora Marisa da Silva Lemos, Coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESP.

Formado em teatro e circo, Rogério Paniágua, que adotou a cidade de Passos para morar nos últimos anos por conta de dois projetos culturais que teve aprovado para executar no município - um financiado pelo FEC – Fundo Estadual de Cultura e outro por Furnas Centrais Elétricas - as ações culturais desenvolvidas pela FESP não podem parar e devem ser ampliadas cada vez mais. “Em primeiro lugar temos que parabenizar a FESP porque num país onde a cultura é deixada em segundo plano, a FESP dá exemplo trabalhando com a autoestima de centenas de crianças e adolescentes em diversas atividades culturais abrindo caminho para o nosso trabalho. Percebemos que as pessoas que passaram por este palco tem um grande talento e as escolas precisam investir mais nos técnicos da área para encontrar estas joias e lapidá-las. Acho inclusive que antes do Festival, a FESP deveria fazer um trabalho de capacitação com os professores para que eles trabalhem com seus alunos não só pelo lado pedagógico como também lúdico, o que certamente auxiliará no aprendizado destes estudantes”.

Confira abaixo a relação dos ganhadores do VIII Festival de Poesia da FESP

Ensino Fundamental

1º Lugar R$ 300,00

Escola Municipal Amélia Jabace

Aluno: Pedro Henique da Silva Lopes

Poesia: Os nomes dados à terra descoberta

Poeta: Cassiano Ricardo

 

2º Lugar R$ 150,00

E.E. Dulce Ferreira de Souza

Aluno: Felipe da Silva Gonçalves

Poesia: Boiada

Poeta: João Guimarães Rosa

 

3º Lugar R$100,00

E.E. Tancredo de Almeida Neves

Aluno: Lucas Henrique Faria dos Santos

Poesia: Desporto e pedagogia

Poeta: Antonio Fernandes Aleixo

 

Ensino Médio

1º Lugar R$300,00

E. E. Dulce Ferreira de Souza (Polivalente)

Aluno: Duarte Antonio Comotti Carvalho

Poesia: Felicidade Realista

Poeta: Mário Quintana

 

2º Lugar R$ 150,00

E.E. Tancredo de Almeida Neves

Aluno: Luiz Fernando Gonzaga Oliveira

Poesia: A canção do africano

Poeta: Castro Alves

 

3º Lugar R$100,00

Colégio Del Rey

Aluno: Lucas Catanha Costa e Silva

Poesia: Ode ao burguês

Poeta: Mário Andrade

 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



O Auditório Professor Armando Righetto, Bloco 08 da FESP será, mais uma vez, o palco da noite de recital do Festival de Interpretação de Poesia. O evento, promovido pela FESP com a intenção de valorizar o estilo literário, vai acontecer nesta sexta-feira (22), a partir das 19 horas. 

Entre representantes de escolas públicas e particulares de Passos, estudantes irão recitar poemas em homenagem a Augusto dos Anjos, autor que comemora 100 anos de nascimento em 2014.

“O Festival de Poesia é um importante veículo impulsionado pela FESP para que a poesia brasileira e portuguesa seja destacada e valorizada. Em um mundo onde não temos muito tempo para ouvir e sentir, a união entre a fala e expressões, que combinadas soam com sonoridade, é uma excelente oportunidade de constatar que a nossa poesia vive nas escolas”, defende uma das coordenadoras do projeto, professora Leila Maria Suhadolnik Andrade.

Ainda segundo a organizadora do evento, o anexo 08 da FESP sempre fica lotado de estudantes, professores e familiares para assistir ao recital e torcer pelos participantes. “Todo o processo de preparação até chegar ao momento da apresentação é recheado de aprendizado e dedicação, por isso vemos tamanho sucesso deste Festival. Há um empenho maior em preparar os alunos para se apresentarem bem e valorizar os talentos natos que cada escola possui. Nem sempre é fácil fazer isto no cotidiano atribulado de aulas diárias. É preciso sensibilidade para buscar alunos que sentem necessidade de se expressar através da arte e destacá-los. As escolas que participam sabem fazer isto e o resultado surpreende!”, reforça.

De acordo com o regulamento oficial do Festival, o júri será composto por conhecedores de literatura, poesia e teatro, membros escolhidos pela comissão organizadora do evento. Serão concedidas medalhas e prêmio em dinheiro para os três primeiros colocados do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. 

A entrada é gratuita. O Auditório Professor Armando Righetto fica na Rua dos Funcionários, número 388.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  outubro 2020  >>
seteququsedo
2829301234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930311
2345678