28/08/2017

Texto: Alunos do 2º P. Jornalismo - Jaciara Vitória de Lima, Maria Alice Silva dos Santos e Luis Felipe Alves
Fotos: 2º P. de Comunicação Social – Habilitação em Publicidade e Propaganda - Rafael de Souza Ribeiro

 

Aconteceu ontem a última noite de apresentações da 5ª edição da Semana UEMG na Unidade Passos. As apresentações aconteceram na Praça Jangada, no bairro Novo Horizonte, das 19 às 22 horas. A cerimônia foi conduzida por Larissa Cavalcante e Paulo Henrique Mozer, contando com apresentações artísticas de alunos como a do violinista Samuel Ferreira, banda Plantare e o Grupo de dança Destiny.

Além de ter dado espaço para os estudantes mostrarem os seus talentos, a Semana UEMG também proporcionou uma integração entre a universidade e a comunidade, o que, segundo o professor Itamar Faria, é um meio de desempenhar o papel social que a instituição tem com a cidade.

Grande parte dos moradores do bairro estava presente, desde as crianças até os mais velhos, como Dona Valdelina dos Santos. “Eu acho que é importante para distrair as pessoas. Eu acho que vocês tinham que fazer isso sempre, pelo menos uma vez por mês, vocês estão de parabéns”, afirmou. 

A última apresentação foi a do grupo de dança Destiny, agitando o público com músicas atuais da cultura pop, e, em seguida, o palco foi aberto para que todos pudessem ocupar o espaço, o que encerrou a 5ª Semana UEMG com muita animação e gratidão da comunidade.

“Em 30 anos é a primeira vez que eu vejo um evento desses aqui. Muitos pensam que somos pobres e não temos valores, mas somos ricos em comunidade e nossos valores estão no coração e no nosso dia a dia”, comenta Edson Benedito Cassiano, 53 anos, membro da comunidade.


SEMANA UEMG



Assessoria de Comunicação Institucional UEMG Unidade Passos

A Rede UAITEC - Universidade Aberta e Integrada de Minas Gerais disponibiliza mais de 70 cursos presenciais e online em diversas áreas do conhecimento. As modalidades variam e vão de capacitação a profissionalizante. Todos os cursos são oferecidos de forma gratuita com certificado e estão abertos a toda comunidade.

Para se inscrever nos cursos, o aluno deverá se cadastrar no site da UAITEC (www.uaitec.mg.gov.br) informando o CPF e e-mail. O interessado receberá por e-mail um link, onde será direcionado a uma página para a finalização do cadastro.

A UAITEC é um programa do Governo do Estado de Minas Gerais, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SEDECTES), que visa oferecer qualificação profissional por meio da implantação de uma rede de polos de educação. O programa tem como objetivo ampliar, democratizar e interiorizar o acesso à conteúdos pedagógicos que sirvam para qualificação e requalificação da mão de obra e para formação profissional.

Os polos são implantados em diferentes municípios do Estado, e o Polo Passos está localizado no Bloco 2 da UEMG Unidade Passos, Rua Dr. Carvalho, nº 1147, com atendimento das 08:00h às 12:00h e das 14:00h às 22:00h, de segunda a sexta-feira.




Assessoria de Comunicação Institucional UEMG Unidade Passos

A UEMG Unidade Passos, junto à coordenadora do Curso de Design - Moda, Prof.ª Maria Isabel Sulino Carvalho Silveira, promoveu o projeto de revitalização do Bloco 6. Foi realizada a redistribuição das turmas do curso no segundo semestre letivo de 2017. O projeto foi possível depois da mudança dos cursos de Administração e Ciências Contábeis para o Bloco 11 - Cire.

O objetivo da redistribuição das turmas foi melhorar a infraestrutura para o funcionamento do curso, oferecendo mais espaços para os discentes executarem as atividades acadêmicas. Para a realização do projeto foram levados em consideração aspectos como conforto, espaço, fácil localização e acesso, além dos aspectos estéticos. Sendo assim, com essa mudança cada período do curso agora conta com sua própria sala, armários, além de espaço amplo para os laboratórios de modelagem, costura e também para armazenamento e utilização dos manequins e moulages.

O Bloco 6 agora possui uma sala de estudos, uma revistaria e uma sala de compartilhamento em que é possível estimular as competências criativas, compartilhar objetos e integrar os alunos dos cursos em funcionamento no Bloco, como Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Serviço Social e Design - Moda.

Segundo a coordenadora do curso de Design - Moda, Prof.ª Maria Isabel Sulino Carvalho Silveira, o projeto de revitalização vai contribuir com o desenvolvimento dos discentes em sala de aula. “Essa mudança buscou junto à coordenação geral da UEMG a melhoria das condições de estudo para os alunos da instituição, agregando desenvolvimento nos âmbitos sociais, ambientais e até econômicos para a instituição”.



Assessoria de Comunicação UEMG Unidade Passos

Estudantes do 2º período do Curso de Enfermagem da UEMG Unidade Passos realizaram no dia 17 de agosto de 2017 aula prática nas instalações da Usina Itaiquara, no município de Passos. A atividade ocorreu por meio da disciplina Saúde do Trabalhador e foi supervisionada pelos docentes Luiz Camilo Silveira Teodoro e Iácara Santos Barbosa Oliveira.

O objetivo da aula prática é relacionar o conhecimento teórico com as aulas práticas da disciplina, apresentando aos discentes as atividades desenvolvidas pelas empresas no campo da saúde do trabalhador. Além da visita ao SESMT - Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho, os alunos também visitaram a linha de produção da Usina.

A equipe da UEMG Unidade Passos foi recebida pelo Engenheiro de Segurança Guilherme, a enfermeira de segurança do trabalho Beatriz e pela técnica em segurança do trabalho Adriana, que também é aluna da Universidade UEMG.

O professor do Curso de Enfermagem, Luiz Camilo Silveira Teodoro, acredita que as atividades de visitas técnicas complementam o conhecimento teórico aplicado em sala. “Os discentes têm a possibilidade de visualizar e desenvolver atividades que auxiliarão na assimilação dos conteúdos apresentados em sala de aula”.



Assessoria de Comunicação UEMG Unidade Passos

Estudante da UEMG Unidade Passos, do 8º período do Curso de Pedagogia, Clélia Batista Silva, ao observar com olhar pedagógico o sistema prisional brasileiro, em especial na Associação de Proteção Assistência aos Condenados (APAC - Passos) notou a carência de inatividade física e intelectual dos recuperandos. A partir dessa observação inicial, como acadêmica concluinte do Curso de Pedagogia da UEMG Passos, elaborou um projeto de pesquisa (Trabalho de Conclusão de Curso) que alia a teoria acadêmica com as práticas de ensino, sendo este um projeto voltado para a alfabetização ou continuidade do aprendizado dos apenados da APAC-Passos.

Inicialmente, este projeto foi elaborado e supervisionado tecnicamente quanto a sua correção e aplicabilidade prática pelo professor orientador do Curso de Pedagogia da UEMG Unidade de Passos, Edgar Rodrigues de Oliveira, juntamente com a estudante. Depois submeteram o mesmo à direção da APAC para que recebessem autorização de colocar em prática no âmbito do presídio, inclusive utilizando as instalações onde os apenados têm suas relações de convívio social em grupo. Depois destas etapas, pensou-se na forma de colocar em prática o projeto, adaptando-o às instalações físicas do APAC e ao nível intelectual dos apenados que se dispuseram a esta prática.

Os contatos iniciais foram de conhecimento pessoal de cada um dos apenados do grupo. Posteriormente, levantou-se o nível médio de aprendizado e a parir daí, foi possível traçar estratégias para a aplicabilidade do que foi pensado de forma acadêmica e que se adaptasse ao grupo participante. Primeiro, trabalhou-se as dificuldades que cada um dos apenados tinham em relação à leitura onde foi observado a forma de ler e interpretar textos e a escrita, onde observou-se as questões de concordância verbal, pontuação e ortografia. A partir dessas primeiras observações, como forma de incrementar a participação do grupo e interagir mais ativamente com o projeto de ensino aprendizagem apresentado, surgiu a ideia de um Campeonato de Redação entre os apenados. Este Campeonato de Redação configurou-se como uma forma de incentivar a participação e, de quebra, incentivar a prática da leitura. A forma de apresentação dos trabalhos escritos pelos apenados foi à resenha.

Segundo a estudante Clélia Batista Silva, “esta ideia mostrou-se produtiva, uma vez que permitiu ao apenado externar suas idéias, seus desejos e o que ele pensa da sua situação atual, em uma reflexão que levou todos eles a pensarem sua condição de ser humano em uma situação especial de sua vida”.

Outra faceta que determinou o sucesso do projeto foi a possibilidade de redução de pena através de uma oportunidade de aprimoramento intelectual. O Campeonato de Redação permitiu a esta acadêmica a oportunidade de facilitar a socialização e a ressocialização do apenado, criando nele aspectos de socialização e de sociabilidades até então inexistentes no presídio e na vida pessoal de cada um, mesmo antes de se encontrar na situação de prisioneiro. “A expectativa, mediante o sucesso desse primeiro campeonato de redação, é que ele repita mensalmente e que atinja um número sempre crescente de apenados que realmente queiram voltar ao convívio social com pensamentos positivos e mais intelectualizados”, afirma a estudante.

Outra ideia que a aluna teve durante o desenvolvimento do Campeonato de Redação foi à proposta de produzir uma peça teatral para ressocialização dos apenados. Mediante a concordância geral, convidou o estudante do Curso de Pedagogia, que é diretor de teatro, Guilherme, para apoiar está iniciativa que transforma a realidade deste grupo social.

Como trabalho acadêmico, será desenvolvido um artigo para o Trabalho de Conclusão de Curso, com o título “Educação no sistema prisional: um estudo sobre a educação na APAC-Passos – MG”, sob a orientação do professor Mestre Edgar Rodrigues de Oliveira a ser defendido em banca avaliadora no final do ano letivo de 2017.




Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  novembro 2019  >>
seteququsedo
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829301
2345678