Estudantes do curso de Ciências Contábeis da UEMG unidade Passos arrecadaram - no mês de abril - 2 toneladas de alimentos em ação solidária proposta pelos veteranos do curso. Todos os alunos se envolveram na causa e contaram com a colaboração da comunidade.

O coordenador do curso Juliano Beluomini explica que a ação foi um sucesso e teve como meta 1,5 tonelada, mas o empenho de todos superou a proposta inicial. 

O estudante Gleison Gonzaga – 7º período – ressaltou a importância da ação. “Muda essa visão sobre a chegada do calouro na instituição e chama a atenção para o dever social e contribui com a formação humana de cada estudante, pois a universidade deve formar além de profissionais, cidadãos,” afirma o aluno.

As entidades que receberam os alimentos foram o Hospital Otto Krakauer, Grupo de Apoio a Pacientes Oncológicos de Passos e Região (GAPOP-R), Creche Santo Agostinho e Capp (Centro de Aprendizagem Pró menor de Passos).



A UEMG Unidade de Passos recebeu na tarde de quinta feira (09/04) o reitor da UEMG Dijon Moraes, o Subsecretário de Ensino Superior da Secretaria de Ciência e Ensino Superior Márcio Rosa Portes, o pró-reitor de Planejamento, Gestão e Finanças da UEMG Adailton Pereira Vieira e o deputado estadual Cássio Soares para uma reunião com os responsáveis pelos estudos e trabalhos de implantação do curso de medicina na UEMG Unidade de Passos. 

O curso de medicina foi aprovado pelo Ministério da Educação para a FESP com nota 4 no ano de 2013. O reitor da UEMG Dijon Moraes ressaltou que o curso só não foi absorvido no processo de estadualização por questões legais. “Como estava prevista a estadualização, na época, não tínhamos amparo legal junto ao MEC para absorver o curso de medicina que já estava com todos os laboratórios montados. Hoje podemos. Gostei do que foi proposto aqui; uma manifestação conjunta da UEMG, Governo, Sectes e Seplag sinalizando ao MEC o nosso interesse desde já na implantação do curso”, afirmou o reitor.

O professor Fabio Kallas, presidente do Conselho Curador da FESP, que começou o projeto do curso ainda em 2010, destacou que esta visita marca uma nova etapa para o projeto do curso e que é decisiva para a conquista deste sonho. “Recebemos o professor Dijon e o Subsecretário Márcio Rosa com forças renovadas e vamos providenciar todo o necessário para que a UEMG possa decretar que o curso de medicina será implantado brevemente na unidade de Passos”, disse. 

A diretora acadêmica da UEMG unidade Passos, professora Tânia Delfraro, coordenadora do Projeto Político Pedagógico do curso de medicina destacou a melhoria da infraestrutura, dos laboratórios, do acervo bibliográfico e a experiência de ensino da unidade de Passos na área da saúde, com seis cursos, inclusive o curso de Enfermagem com 34 anos prestando ensino de qualidade. A área de saúde conta, ainda, com ambulatórios de referência no atendimento DST-AIDS, Hanseníase e gerenciamento de um PSF Escola. Destacou ainda a importância da parceria entre a Universidade e a Santa Casa de Passos,  empenhados e trabalhando juntos para implantação do curso e o grande número de doutores e mestres que compõe o corpo docente do curso de medicina.

Segundo o Subsecretario Márcio Portes já foi solicitada à UEMG uma nota técnica apontando a viabilidade da implantação do curso. Ele afirma que a Universidade se mostrou favorável à abertura do curso de medicina na UEMG de Passos. “É possível sim, a implantação do curso e é necessário tomarmos providencias técnicas que já estão sendo buscadas por todos os envolvidos. Vamos todos juntos trabalhar para que se concretize”, afirmou Márcio.

Acompanharam a visita e as reuniões de trabalho, o presidente do conselho curador da FESP Professor Fábio Kallas, a diretora acadêmica Tânia Delfraro, a vice-diretora Marisa Lemos, a Coordenadora da Pós-Graduação Maria Ambrosina Maia, o Coordenador Geral do Núcleo Acadêmico de Ciências Biomédicas e da Saúde José de Paula, a Coordenadora de Extensão Camila Belfort Piantino, o Coordenador Geral de Pós-Graduação e Extensão Eduardo Collares, o secretário executivo da FESP Dácio Lemos, o vice presidente do conselho curador professor Manoel Reginaldo Ferreira e o coordenador da comissão para implantação curso medicina da FESP Prof. Geraldo Brasileiro.

Após a reunião, o subsecretário Marcio visitou as instalações da unidade de Passos, como vem fazendo nas outras unidades, em companhia do reitor, do pró-reitor de planejamento da UEMG e coordenadores e conheceu todos os laboratórios e investimentos para o curso de medicina.



Os estudantes do 1º período do curso de Administração da UEMG Unidade Passos entregaram, na última sexta-feira (10 de abril), 1017,5 kg de alimentos a entidades filantrópicas do município. A turma dos 37 calouros atingiu o maior volume de doação no Trote Solidário do curso de Administração. 

A largada para a arrecadação de alimentos no curso de Administração foi dada no mês de março, com iniciativa da turma do 3º período, que em 2014 arrecadou mais de 700 kg de alimentos. Neste ano, a meta estipulada para os calouros foi de 800 kg.

A professora Vanessa Braz Cassoli, responsável pela disciplina de Projeto Integrador, foi quem monitorou os alunos na Ação Solidária. Segundo ela os alunos do 1º período de Administração planejaram a forma de arrecadação e, além de superar a meta, cumpriram o prazo estabelecido. "Esta ação é muito importante para a integração dos alunos e também os leva a determinar objetivos e as maneiras de atingi-los, ou seja, é um exercício de planejamento. Além, claro, de oportunizar aos estudantes a experiência gratificante de ajudar as entidades filantrópicas. Parabéns ao 1º período pelo feito, e ao 3º período pelo compromisso de dar sequência à proposta solidária", comentou a professora.

A aluna Laís Vilela Starling representante do 3º período parabenizou os calouros pelo sucesso da ação. “Ainda que a meta tenha sido superada, na próxima turma de calouros é importante quantificar uma meta realista, para que esta ação Solidária não pare”, sugeriu. 

Os alimentos foram divididos e doados três instituições: Hospital Otto Krakauer, a Cantina Dona Bernadete e o Grupo de Apoio a Pacientes Oncológicos de Passos e Região (GAPOP-R). 



Estudantes do curso de Direito da UEMG - Unidade Passos - fizeram nesta semana, a entrega para instituições beneficentes dos alimentos adquiridos durante ação solidária de volta às aulas. Foram arrecadados mais de 3 toneladas de alimentos superando em 3 vezes o resultado do ano passado. Os alimentos serão doados a instituições da cidade. 

A atividade batizada de “Calourada Solidária - Trote Legal é o Solidário 2015” teve participação de todos os alunos matriculados no curso, cerca de 400 estudantes que contribuíram com a arrecadação de alimentos.

A coordenadora do curso Professora Maria Lucia Andrade Abreu disse que a mobilização entre os alunos busca trazer consciência social e a importância da solidariedade. “É uma oportunidade para que eles integrem e exerçam a cidadania, a ética e conheçam o trabalho voluntário. É também, um passo importante para conscientização da valorização das ações coletivas. Ressaltamos que essas ações estão incluídas dentre as atividades pedagógicas, denominadas de Atividades Complementares de Curso – ACG, regulamentadas nas diretrizes Curriculares do MEC”, explicou. 

A “Calourada Solidária” do curso de Direito já se tornou uma tradição na escola. De acordo com a coordenadora das atividades complementares Professora Dra Ana Paula de Fátima Coelho essa iniciativa ocorre há seis anos. “É tradicional entre nossa comunidade acadêmica. Essa atividade abre os eventos do Curso de Direito e acontece durante todo o mês de março. Sempre procuramos superar a meta alcançada no ano anterior, essa é a proposta. Desta vez triplicamos o último resultado arrecadando 3.400 kg”, relata orgulhosa a professora.

A estudante Fernanda Mumic cursando o 1º período participou da atividade e ressaltou a importância de tanta gente reunida em prol do mesmo objetivo que é a solidariedade. “Para mim a integração de todos os alunos foi excelente, atingimos o nosso objetivo e nossa meta de ajudar várias pessoas com a grande quantidade que arrecadamos” disse a estudante. 

As instituições que receberam os alimentos foram escolhidas pelo Centro Acadêmico da UEMG Passos e pelos alunos de Direito. São elas: Cantina Dona Bernadete, Carmelo São José, GAPOP-R, Cantina Padre Leo, Creche Monsenhor João Pedro, AVA (Associação de Assistência Social Vida e Arte), Associação Espírita Santo Agostinho, Educandário, CAAP, e o Hospital Otto Krakauer.



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  junho 2019  >>
seteququsedo
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
1234567