Os cursos de Administração, Ciências Biológicas, Educação Física, Enfermagem, Nutrição, Pedagogia, Serviço Social e Direito da FESP ganharam o selo de qualificação do Guia do Estudante (GE), que integra a publicação “GE Profissões Vestibular 2014” - circulando nas bancas a partir do dia 11 de outubro. O resultado da avaliação foi enviado pelo diretor de publicação do GE, Fábio Volpe, e recebida pelo Presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas.

O curso de Direito recebeu maior destaque com o selo 4 estrelas.  Tomando como cenário as Faculdades privadas de Minas Gerais, somente outras 6 conseguiram a mesma classificação pelo curso, dentre elas a Pontifícia Universidade Católica (PUCMG) do Barreiro, em Belo Horizonte, e de Poços de Caldas.

De acordo com o presidente Fabio Kallas, receber os selos é mais uma alegria para a família FESP. “Mais uma vez estamos sendo reconhecidos pelo trabalho sério e comprometido que fazemos aqui. A cada dia provamos a qualidade do nosso ensino e continuamos para melhorar ainda mais, consolidando nossa excelência educacional. Esta notícia é para comemorar”, declarou com entusiasmo.

O Guia do Estudante é uma produção da Editora Abril, que indica os melhores cursos superiores do Brasil, considerando vários critérios de avaliação como: titulação do corpo docente, aspectos didático-pedagógicos, atuação dos professores na prática docente, em extensão e em pesquisa, entre outros parâmetros. O Guia atribui conceitos de zero a cinco estrelas e é uma publicação tradicional, considerada uma referência para os estudantes em relação à qualidade do ensino superior de instituições públicas e privadas de todo o Brasil. 

Os diretores dos Núcleos Acadêmicos de Educação, professor Anderson Jacob Rocha, de Ciências Biomédicas e da Saúde, professora Tânia Maria Delfraro Carmo, alegaram que a notícia foi recebida com honrar e veio para agraciar o grande emprenho de coordenadores dos cursos, professores e alunos. Vivaldo Silvério de Souza Filho parabenizou, especialmente, o conceito alcançado pelo curso de Direito. “As quatro estrelas no guia do estudante conquistado pelo Direito demonstra que estamos no caminho certo buscando ensino de qualidade. Parabéns à coordenadora Profa. Dra. Ana Paula, aos professores envolvidos com o curso e toda equipe FESP”, disse o diretor do Núcleo Acadêmico de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas.

A professora Ana Paula Coelho, que se despede da coordenação do Direito da FESP, conta que este conceito vem coroar um ciclo de muito trabalho maduro e esforço conjunto. Segundo ela, durante esses quase 20 anos de existência o curso tem evoluído notoriamente. “Passamos muito bem nas avaliações, temos o conceito A do Conselho Estadual, esperamos a visita do MEC e por isso estamos ansiosos porque temos muito a mostrar. Externamente o sucesso continua. Temos juízes, promotores, delegados, defensores que são egressos nossos, além daqueles que seguiram a área acadêmica e nos enchem de orgulho! Isso tudo é fruto de amadurecimento. Nós temos um corpo docente com grande parte de titulados, mestres, doutores e doutorandos. Não posso deixar também de pontuar nossa estrutura de estágio, que já foi destacada pelo próprio Conselho e pelo MEC nos colocando entre os melhores núcleos de prática jurídica do Estado. É um momento muito feliz pra gente! O Direito da FESP é um dos melhores cursos do país. Estamos em festa, mesmo sabendo que muito ainda precisa ser feito porque queremos as 5 estrelas, mas esta já é uma conquista muito importante”, finalizou.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


A Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, criada em 2006 e posteriormente ajustada por leis complementares, foi o tema da palestra realizada na noite da última quarta-feira (28).  Mais de 200 alunos compareceram ao evento voltado para  estudantes dos cursos de Administração de Empresas, Tecnologia em Gestão Comercial e Ciências Contábeis da FESP.

A apresentação foi solicitada ao escritório local do Sebrae-MG, habitual parceiro na realização de palestras e cursos para os estudantes da área de Administração da FESP. Rogério Trigueiro da Cunha, consultor técnico do Sebrae na macrorregião Sul de Minas, encontrou o auditório Prof. Armando Righetto lotado para apresentar o tema, que é relevante para os futuros administradores, gestores comerciais e contadores.

O palestrante apontou a importância da formalização dos negócios pertencentes a pequenos empreendedores e do compromisso dos municípios em implantar a Lei Geral, alavancando assim a geração de trabalho e renda e favorecendo todos os envolvidos. Instituído pela Lei Complementar n. 123, de 14 de dezembro de 2006, o novo Estatuto Nacional das Microempresas (ME) e das Empresas de Pequeno Porte (EPP) estabelece normais gerais relativas ao tratamento diferenciado e favorecido a ser dispensado às MEs e EPPs, no âmbito dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Esta lei sofreu importantes ajustes pelas Leis Complementares 127/2007, 128/ 2008, 133/2009 e pela LC 139/2011 e ficou conhecida como a “Lei Geral das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte” ou, mais sucintamente, “Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas”.

A Lei será o tema de atividade acadêmica para alunos de Administração e Tecnologia em Gestão Comercial neste semestre. Os professores César Aquino, Marise Bertolaccini e Vanessa Cassoli, durante as aulas denominadas Projeto Integrador, conduzirão os estudantes no aprofundamento de pesquisas sobre o assunto, aplicando-o à realidade local, com o propósito de gerar dados e recomendações que auxiliem o município na consolidação dos microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte.

Para o consultor do Sebrae-MG, entre os benefícios da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, merecem destaque a desburocratização na abertura da empresa, o regime tributário diferenciado e as condições especiais para o pequeno empreendedor na participação em licitações governamentais. Com uma empresa formal, o empreendedor tem, ainda, mais fácil acesso a tecnologias de produção e de gestão, fundamentais para a sobrevivência do seu negócio.

O consultor Cunha enfatizou a modalidade de Microempreendedor Individual (MEI), que possibilita que empreendedores cujos negócios faturem até R$ 60 mil por ano possam formalizar sua empresa para emitir notas fiscais e ter acesso a crédito, entre outros benefícios.

Lucilene de Moura, técnica do Sebrae em Passos, também falou aos estudantes e colocou o escritório da instituição à disposição para esclarecer dúvidas e atender aos empreendedores interessados em formalizar seu negócio. 

Outro desdobramento da palestra foi proposto pelo professor Adm. Olney Bruno da Silveira Júnior, da FESP, para o próximo dia 9 de setembro. Nesta data, em que se comemora oficialmente o Dia do Administrador, a Câmara Municipal realizará homenagem aos profissionais da área pelo seu dia, oportunidade para que os estudantes e demais interessados, além de prestigiar a data, reivindiquem ao Legislativo o apoio para que o município implante as leis para a efetivação da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Mais um Festival de Interpretação de Poesia, realizado pela FESP por meio das coordenadoras da UNABEM, acontece nesta sexta-feira a partir das 19h, no Bloco 08 da Fundação, localizado na Rua dos Funcionários, 388. Serão 18 representantes do Ensino Fundamental e Médio de escolas da cidade interpretando poesias de diversos autores brasileiros e portugueses.

De acordo com uma das organizadoras do evento, Sílvia Maria Oliveira Soares Maia, a iniciativa vem para despertar nos alunos o interesse pela poesia bem como incentivar o desenvolvimento da leitura oral, com foco na interpretação de texto. “Além disso, divulgamos a obra de grandes autores da nossa língua, valorizando a nossa cultura. É lindo ver as poesias sendo interpretadas pelos jovens alunos”, justificou a professora.

A professora também conta que a participação da escola junto ao seu representante traz uma emoção a mais para o concurso, que é competitivo, aumentando a expectativa em relação ao resultado final. “A torcida dos colégios que é um show particular que deixa a competição sadia. A cada ano as expectativas são maiores porque sentimos o crescimento dos alunos e o entusiasmo dos professores que os ensaiam. Temos sempre uma surpresa agradável”, disse Sílvia.

Dentre os autores estão Vinícius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Machado de Assis, Cecília Meireles, Cora Coralina e tantos outros. Os 9 jurados - professores, estudantes, formadores de opinião e profissionais envolvidos com arte e cultura na cidade – darão suas notas para as interpretações e os três primeiros colocados, tanto do Ensino Fundamental quanto do Médio, serão premiados em dinheiro. A entrada é gratuita e toda comunidade está convidada a assistir.

Confira abaixo a lista dos participantes:

Ensino Fundamental

1. E.E. Jair Santos - Castro Alves (As três irmãs do poeta) - Ana Carolina de Oliveira Melo

2. Colégio Objetivo - Elias José (O jogo da fantasia) - Lucas José de Souza Lopes

3. E.E. Polivalente - Patativa do Assaré (Eu quero) - Felipe da Silva Gonçalves

4. Colégio Del Rey - João Cabral de Melo Neto (Os três mal-amados) Luana Maria Amaral Cherain

5. E. E. N. S. da Penha - Cecília Meireles (Canção) - Isabella Cristina G. de Souza

6. Colégio Tiradentes - Mário Quintana (Se eu fosse um padre) - Jean Bruno Carvalho

7. E. M. Amélia Jabace - José Paulo Paes (Gato da China) - Gabriel da Silva Vilela.

8. E.E. Caetano Machado - Angélica Freitas (Família vende tudo) - Thais Marques Astolpho

9. Colégio Imaculada Conceição - Cora Coralina (Humildade) - Luma Pimenta Soares Maia

10. E.E. São José - Manoel de Barros (Árvore) - Tais Andrade Garcia

Ensino Médio

1. Colégio Imaculada Conceição - Arnaldo Jabor (Eu te amo não diz tudo) - Maria Paula Brasileiro Piassi 

2. E.E. Polivalente - Vinicius de Moraes (Pátria Minha) - Renata Cristiane Santos

3. Colégio Del Rey - Manoel Bandeira (Poética) - Lucas Ribeiro Fernandes

4. E. E. N. S. da Penha - Carlos Drummond de Andrade (E agora, José?) - Vinícius Ferreira Paterno

5. Colégio Tiradentes - Machado de Assis (Os dois horizontes, dois horizontes fecham a vida) - Gabriela Maria Torres Zambuzi

6. E.E. Caetano Machado - Gonçalves Dias (Seus olhos) - Cintia Maria Santos 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



O Primavera Esporte Clube recebeu novos uniformes doados pela FESP, patrocinadora do tradicional time de futebol da cidade de  Passos, e teve sucesso na última vitória conta o clube de São João Batista do Glória. O Primavera disputa a classificação por pontos corridos no Campeonato Regional, promovido pela Liga Passense de Desportos – filiada à Federação Mineira de Futebol, no próximo domingo a partir das 15h30, no Estádio Starling Soares.

“A FESP patrocina o nosso time já tem muito tempo e sempre nos dá apoio. Estreamos o uniforme novo e foi lindo. Todo mundo adorou, principalmente a cor verde”, contou um dos responsáveis pelo clube, Manuel da Silva.

A dedicação é grande para vencer sempre dentro de campo, a torcida é ávida e presente em todos os jogos, mas para além das competições Manuel frisou que tão válido quanto os pontos conquistados na tabela é o trabalho social com os jovens em situação de risco. “A gente se preocupa em manter o time não só por nós, pela satisfação que é jogar futebol, mas principalmente porque o esporte é uma maneira de resgatar os nossos jovens que estão se perdendo no mau caminho. Com o time a gente tenta colocá-los e mantê-los saudáveis, seguindo uma carreira de atleta. Já mandamos meninos para o grupo de base de times com o Cruzeiro e isso é uma grande felicidade. Sem o apoio da FESP nós não conseguiríamos manter nosso time e nosso trabalho. Agradeço muito pelos uniformes e por tudo que a FESP tem feito por nós”, declarou.

Ainda segundo Manuel, existem jogadores que estão atuando desde a fundação do Clube e que fazem história no time. “O Fabinho e o Betão estão conosco desde 1993, eles nunca deixam o futebol! Agora estamos tentando trazer de volta o nosso grande goleiro, o Ademar Cardoso, nosso melhor jogador que precisou se afastar. Estamos negociando para que ele venha nos ajudar a conquistar este campeonato”, disse.

O Primavera existe desde 1993 e, dirigido por Odurval Lopes, já conquistou vários títulos Regionais e Municipais, inclusive a Recopa de 1999, conquistada com muito esforço, como lembrou Odurval. “Sempre participamos e o título de 99 foi um dos mais importantes. Este ano estamos na luta para ver se conseguimos mais uma taça”, declarou confiante.

Além do Campeonato Regional, o Primavera também disputa a Copa Passos no final do ano. O time agradece à FESP e aos parceiros da Rádio Passos pelo apoio que viabiliza os seus trabalhos.

Abaixo a lista dos títulos mais importantes e recentes do Primavera:

Campeão da Copa Passos de 2002

Vice-campeão da Copa Passos de 2009

Campeão do Regional de 2010

Campeão da Copa Passos de 2010

Campeão do Municipal de 2010

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



O presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas, recebeu o Deputado Federal Odair Cunha (PT/MG), na noite da última quinta-feira. A visita foi motivada pelo interesse do deputado em acompanhar de perto os preparativos para a abertura do curso de medicina na FESP, projeto desenvolvido em parceria com a Santa Casa de Misericórdia de Passos, que ele vem defendendo prontamente.

Para Fabio Kallas é da maior importância o apoio que Odair Cunha tem manifestado em favor deste projeto das duas maiores instituições de Passos, FESP e Santa Casa. “Para nós é extremamente importante este apoio pessoal que o deputado tem mostrando para agilizar os tramites do projeto em Brasília para recebermos in loco a comitiva de avaliadores do MEC e liberar nosso tão sonhado curso de medicina. Ele acompanha de perto nosso esforço diário, contribuindo para o alcance deste objetivo que é dele também. Esta visita só demonstra que nós estamos trabalhando na medida e no caminho certo e estamos cada vez mais perto de alcançar a nossa meta”, destacou Fábio Kallas.

Odair Cunha declarou que defende todas as iniciativas que fomentam a produção de conhecimento e por isso valoriza seu trabalho no que se trata da FESP. “Nós sabemos que a FESP colabora na construção do saber de inúmeras pessoas e isso merece nosso apoio, nosso incentivo e este é o sentido da minha visita aqui hoje. Queremos que a cidade cresça e se desenvolva, que FESP e a Santa Casa tenham a oportunidade de darem o melhor de si. Queremos um ambiente onde as pessoas trabalhem juntas pela nossa querida Passos. Nossa função é de reforçar o trabalho da FESP, da Santa Casa, das instituições, e de homens e mulheres de bem que acreditam em Passos, no seu potencial e sabem que a cidade pode ser mais e melhor”, declarou.

Sobre o seu empenho quanto à abertura do curso de medicina na FESP, Odair Cunha comentou que é um grande passo em direção a uma melhora na qualidade da saúde da população. “O grande desafio hoje é ampliar, de maneira significativa, a quantidade de médicos formados no Brasil. Nós estamos fazendo um grande esforço no país inteiro para garantir qualidade e um número maior de médicos e a FESP vem ao encontro deste objetivo estratégico para Passos e para o Brasil todo”, disse o deputado acrescentando que acredita na aprovação do curso ainda este ano.

Desde 2011 a Fundação está trabalhando no intuito de atender às exigências do MEC que é esperado para fazer visita in loco em Setembro. Dentre os preparativos finais para receber os avaliadores está a conclusão da reforma e ampliação do Prédio Principal da FESP, obra de 1.300 m², com investimento de mais de 1 milhão e meio de reais. 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG


Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  agosto 2019  >>
seteququsedo
2930311234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930311
2345678