A Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP, CPEX, selecionou alunos do ensino médio para participarem do Programa de Bolsa de Iniciação Científica Júnior, da Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG) e FESP, em parceria com o Colégio Tiradentes da Polícia Militar, que inscreveu 20 alunos para concorrer a 15 bolsas de Iniciação Científica. 

O objetivo do Programa é favorecer estudantes do ensino médio de escolas públicas federais, estaduais e municipais mediante processo de seleção no desenvolvimento da vocação científica, ampliando sua formação em ambientes de pesquisa. 

Durante a reunião da seleção dos alunos BIC JR, o Diretor do Núcleo Acadêmico de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da FESP, Eduardo Goulart Collares, apontou aos candidatos a maneira exata de desenvolver atividades e processos de um projeto de pesquisa científica. Enfatizou a grande oportunidade que esses jovens têm em interagir no ambiente universitário com estudantes da graduação e pós-graduação. Afirma também que a cada ano aumenta consideravelmente as pesquisas científicas dentro da FESP e este fator desperta um maior interesse dos alunos em desenvolverem a ciência em nossa região.

Marisa da Silva Lemos, Coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESP, afirma que a participação dos alunos do ensino médio nos projetos de pesquisa tem o objetivo de instigar o espírito científico destes alunos para que os mesmos possam sentir o despertar para vocação científica futura. O contato com o ambiente universitário e científico traz também oportunidades de crescimento profissional e pessoal para estes alunos. 

Os alunos selecionados serão direcionados aos professores mestres e doutores que submeteram seus projetos para o Edital FAPEMIG/FESP 2013. Durante o desenvolvimento do projeto de pesquisa o aluno irá acompanhar todas as atividades junto ao bolsista PIBIC / FESP / FAPEMIG e auxiliá-lo em todo o desenvolvimento.

 

Confira a lista dos alunos contemplados com a bolsa BIC Jr. FAPEMIG:

 

Alessandra Augusta de Oliveira

Amanda Botelho Cardoso

André de Oliveira Baquião Sant

Ariane Freire Alvarez

Danielle Alves dos Santos

Gabriel Lima Alves da Costa

Gabriela Oliveira Alves

Guilherme da Silva Teixeira

Jorge Henrique Faria Oliveira

Leonardo Viana de Souza

Marina Batista Pereira

Natália Gonçalves Oliveira

Pedro Henrique Chung

Thales Martins Lima

Vinícius Leopoldino Lara

FONTE: Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP - CPEX.



A Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP, CPEX, selecionou alunos do ensino médio para participarem do Programa de Bolsa de Iniciação Científica Júnior, da Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG) e FESP, em parceria com o Colégio Tiradentes da Polícia Militar, que inscreveu 20 alunos para concorrer a 15 bolsas de Iniciação Científica. 

O objetivo do Programa é favorecer estudantes do ensino médio de escolas públicas federais, estaduais e municipais mediante processo de seleção no desenvolvimento da vocação científica, ampliando sua formação em ambientes de pesquisa. 

Durante a reunião da seleção dos alunos BIC JR, o Diretor do Núcleo Acadêmico de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da FESP, Eduardo Goulart Collares, apontou aos candidatos a maneira exata de desenvolver atividades e processos de um projeto de pesquisa científica. Enfatizou a grande oportunidade que esses jovens têm em interagir no ambiente universitário com estudantes da graduação e pós-graduação. Afirma também que a cada ano aumenta consideravelmente as pesquisas científicas dentro da FESP e este fator desperta um maior interesse dos alunos em desenvolverem a ciência em nossa região.

Marisa da Silva Lemos, Coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESP, afirma que a participação dos alunos do ensino médio nos projetos de pesquisa tem o objetivo de instigar o espírito científico destes alunos para que os mesmos possam sentir o despertar para vocação científica futura. O contato com o ambiente universitário e científico traz também oportunidades de crescimento profissional e pessoal para estes alunos. 

Os alunos selecionados serão direcionados aos professores mestres e doutores que submeteram seus projetos para o Edital FAPEMIG/FESP 2013. Durante o desenvolvimento do projeto de pesquisa o aluno irá acompanhar todas as atividades junto ao bolsista PIBIC / FESP / FAPEMIG e auxiliá-lo em todo o desenvolvimento.

 

Confira a lista dos alunos contemplados com a bolsa BIC Jr. FAPEMIG:

 

Alessandra Augusta de Oliveira

Amanda Botelho Cardoso

André de Oliveira Baquião Sant

Ariane Freire Alvarez

Danielle Alves dos Santos

Gabriel Lima Alves da Costa

Gabriela Oliveira Alves

Guilherme da Silva Teixeira

Jorge Henrique Faria Oliveira

Leonardo Viana de Souza

Marina Batista Pereira

Natália Gonçalves Oliveira

Pedro Henrique Chung

Thales Martins Lima

Vinícius Leopoldino Lara

 

FONTE: Coordenação de Pesquisa e Extensão da FESP - CPEX.



A Fundação de Ensino Superior de Passos promoveu na semana passada, vários eventos em comemoração ao Dia da Mobilização Internacional de Atividade Física, através do Programa Minas Olímpica Geração Esporte, que faz parte do Projeto Estruturador da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude – SEEJ, para promover o esporte em Minas Gerais.

O dia mundial da atividade física é celebrado no dia 06 de Abril e, neste ano, trouxe o tema “Atividade Física sem Barreiras” com o objetivo de levar as pessoas a refletirem sobre o seu ambiente externo e como ele interfere na prática da atividade física e na adoção de um estilo de vida mais ativo e saudável. 

“São de eventos de incentivo à prática esportiva com foco no desenvolvimento das habilidades motoras, promovendo o esporte nas suas diferentes dimensões. A meta é a conscientização sobre os benefícios de praticar pelo menos 30 minutos de atividade física diariamente, com intensidade moderada, de forma contigua ou acumulada, visando atingir um aumento da qualidade de vida”, afirma a coordenadora do curso de Educação Física da FESP, Cláudia Arouca Queiroz.

Segundo ela, além de empreender conhecimentos técnicos e científicos, os participantes do evento também se preocuparam com o poder de inclusão social do esporte como agente potencial para a formação de cidadãos. Através das várias modalidades disponíveis é possível oferecer aos jovens a oportunidade para que eles desenvolvam uma trajetória incorporada em sua formação com valores do esporte, favorecendo que se tornem jovens protagonistas nas suas comunidades. “É importante educar pelo esporte, promovendo a cultura esportiva da atividade física e do lazer para alcançar o desenvolvimento integral do indivíduo”, reforçou a coordenadora.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Cinco curtas produzidos para o Festival Selton Mello de Vídeo da FESP ficaram entre os 10 finalistas da Mostra Competitiva Nacional, que integra o IV Festival Internacional Estudantil de Cinema de Barra do Piraí (RJ). Os professores Paulo Henrique Baldan Valim e Diovany Rezende Rodrigues, que coordenam o festival da FESP, vão participar do evento que acontece entre os dias 07 e 13.

O ator e diretor Selton Mello, que já coleciona os mais importantes prêmios do cinema nacional e internacional, comemorou as indicações do projeto do qual é padrinho. "Fiquei feliz de ver os filmes ganhando outros terrenos, é bom saber que os meninos estão fazendo coisas que estão indo pra outros lugares, fora de Passos", disse.

Para o professor Paulo Henrique Baldan Valim, que inscreveu os curtas, o objetivo da participação é expor o trabalho realizado pelos estudantes de Passos e abrir portas para a troca de experiências com os participantes de projetos semelhantes ao da Fesp.

Ele acredita que a temática dos filmes selecionados pode ser o grande diferencial na competição. “A relevância dos temas selecionados para a Mostra vem do toque irreverente, suave e sentimental, bem diferente da realidade reproduzida pelos estudantes cariocas, por isso tem grandes chances de um deles sair de lá com o prêmio oferecido”, aposta.

Os filmes passenses que concorrem ao prêmio de 2 mil reais são: “Uma Rosa Pra Você” e “Agalmata” do Colégio Tiradentes; “Inconsciente”, do Colégio Imaculada Conceição; “Ilusões de um sonho”, da Escola Estadual Profª Júlia Kubitschek e “O Anel”, da Escola Estadual São José.

Segundo a diretora do Colégio Tiradentes da Polícia Militar, Janaína Brasileiro, que tem dois finalistas concorrendo em Barra do Piraí, o Festival Selton Mello é um grande sucesso dentro da escola. “Os alunos esperam ansiosos pela data da inscrição. As ideias surgem em grupos de alunos através de fatos reais ou histórias ouvidas por eles. Todos se envolvem no processo de desenvolver o curta, aproveitam os conhecimentos adquiridos e também se divertem muito”, declara.

Para a diretora do Colégio Imaculada Conceição, Irmã Catarina Salviano, a produção do curta inovou o conceito de arte dos alunos, que tiveram palestras e oficinas com direcionamentos em relação à concepção e montagem. “Acreditamos que os alunos participantes aprenderam a importância do trabalho em equipe, somado ao aprendizado acadêmico de como explorar a arte através de documentários, por exemplo. Consideramos ainda que tudo isso tenha despertado para o compromisso e a responsabilidade de apresentar à sociedade um fato, uma visão de mundo que os jovens têm”, afirmou a diretora que destaca a participação no projeto como demonstração da disposição dos alunos em promover a cultura e a arte.

A diretora da Escola Estadual Profª Júlia Kubitschek, Sílvia Inez Silva, destacou a importância do Festival Selton Mello na descoberta de talentos, além de promover o interesse pela dramaturgia entre os estudantes. “A avaliação foi muito positiva, porque não só envolveu a equipe de produção como toda comunidade escolar. A nossa expectativa é a melhor possível. Quem sabe teremos surpresas agradabilíssimas?”

O IV Festival Internacional de Barra do Piraí recebeu inscrições de filmes de ficção em curta-metragem produzidos por estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, de escolas de todo o Brasil.

O evento aborda a produção audiovisual através de seminários, oficinas e duas mostras competitivas nas modalidades local e nacional, além da mostra internacional que não é competitiva. A expectativa de público é de pelo menos 3 mil pessoas por dia. Neste ano, o festival homenageia o ator Lázaro Ramos. 

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Cerca de 50 estudantes de engenharia Civil da FESP participaram da Feira Internacional da Construção Civil (FEICON), realizada no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. De acordo com a organização do evento, a feira recebeu pelo menos 130 mil visitantes que puderam conferir as mais de mil marcas nacionais e estrangeiras que apresentaram as novidades do setor. Os estudantes foram acompanhados pelo professor orientador Gilberto Pimenta de Andrade.

A FEICON é o maior salão da construção da América Latina, com 21 anos de tradição em apresentar os principais lançamentos e tendências para todo o setor da construção civil. O evento, de foco comercial, reuniu grandes líderes do segmento em uma exposição de produtos e serviços diversos do ramo, além de ter sediado conferências, palestras e debates de renomados profissionais nacionais e internacionais.

De acordo com o professor Gilberto Pimenta de Andrade um dos destaques deste ano foi o avanço tecnológico no uso de novos materiais e soluções para construção. “Um bom exemplo é a proposta de estações de tratamento de esgoto que utiliza um sistema modular e compacto permitindo o tratamento de efluentes sanitários e o reúso da água em atividades que não demandam água potável”, avalia. 

O professor também destacou o grande número de empreendedores chineses expondo seus produtos, como uma oportunidade para os alunos de interagir com empresários e outros profissionais da área da Engenharia. “Este contato é importante, pois, serão eles (os alunos) os projetistas que recomendarão os produtos e serviços, muitas vezes inovadores, que geralmente são apresentados nesses eventos”, ressalta Gilberto.

Para o coordenador do curso de Engenharia Civil da FESP, professor Ivan Francklin Junior, a participação de estudantes e docentes em eventos com novidades do setor é fundamental para mantê-los atualizados. “Nossos alunos têm a possibilidade de conhecer e vislumbrar o que há de mais moderno relacionado a produtos e processos praticados no mercado da Construção Civil”, afirma.

FONTE: Departamento de Comunicação e Marketing FESP/UEMG



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  setembro 2020  >>
seteququsedo
31123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829301234
567891011