Foi realizada no período de 23 a 25 de novembro em vários blocos da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) a XIV Semana de Informática que contou com profissionais de renome da área, que apresentaram palestras, mini-cursos e oficinas para os inscritos.

Segundo o coordenador do curso de Sistemas de Informação Kléber Rezende “as semanas universitárias, como a Semana de Informática, representam oportunidades para os alunos e professores terem contatos com temas que, normalmente, não são tratados dentro da sala de aula e, comumente, apresentados por profissionais externos à faculdade que trazem para este público (alunos e professores) uma abordagem diferente”.

Entre os profissionais que arcaram presença estão Fábio Adriano Pereira graduado em Administração de Empresas e especialista em Psicologia organizacional pela Universidade de Franca/SP; Eduardo Soares dos Santos Soares e Daniel de Oliveira Teixeira pós-graduandos em Telecomunicações e Engenharia de TV Digital pela UniSal de Campinas/SP.

O objetivo da instituição de desenvolver tais eventos firma seu compromisso com a comunidade acadêmica de dispor do melhor conteúdo para seus alunos. “A participação e o grau de satisfação dos alunos foram extremamente altos”, celebrou Kleber Rezende.

Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Ronaldo proprietário do estabecimento campeão da edição 2011 do festival.

O estabelecimento Esquina do Petisco foi o campeão geral da edição 2011 na categoria Melhor Tira-gosto do Festival Sabor de Passos, promovido pela Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG). O resultado foi divulgado no domingo (4) na Praça da FESP em frente ao Bloco 1 (Prédio Principal) em uma festa animada que teve início às 16h30. Um telão colocado no local exibiu a final do Campeonato Brasileiro e durante o intervalo foram revelados os ganhadores do festival. Após o término do jogo, houve show dos Irmãos Gerônimo e Rádio Jovem Pan.

O evento tem o apoio do Jornal Folha da Manhã e este ano participaram 19 estabelecimentos comerciais. A competição chegou a ser prorrogada a pedido da população. Mais de 20 mil pessoas experimentaram os pratos e pelo menos 7 mil participaram da votação popular. A seleção também contou com uma comissão da FESP e um corpo de jurados que percorreram os bares sem serem identificados pelos clientes

Foram escolhidos: o melhor tira-gosto, melhor atendimento, prêmio especial do júri, melhor tira-gosto com produtos tradicionais mineiros, melhor banheiro, prato mais criativo, melhor atendente (garçom ou garçonete, exclusivo votação em Internet), melhor acessibilidade (exclusivo Faculdade de Engenharia). Confira abaixo a lista dos vencedores. A apuração foi feita pelo IPFESP, Instituto de Pesquisas de Opinião e Mercado da FESP/UEMG, sob o comando de Bianca Righetto.

Coordenado pela professora dos cursos de Comunicação (Jornalismo e Publicidade e Propaganda), Heliza Faria, o projeto teve a participação de docentes e estudantes da FESP com o objetivo geral de promover a cultura local, bem como movimentar a economia e o turismo. “O projeto cultural cumpriu seu papel de estímulo ao empreendedorismo e à criatividade com recorde de público, de votos e de porções vendidas. Além disso, o Sabor de Passos cumpre importante papel de divulgar a cidade e por consequência, o comércio local. Os competidores deram um show, com pratos bonitos, bem elaborados e saborosos”, disse Heliza lembrando que a diferença entre os primeiros colocados foi mínima e os votos foram recontados e checados várias vezes. “Para garantir a exatidão, o professor Gualberto Rabay do curso de Sistemas de Informação desenvolveu um sistema de totalização que foi perfeito. Os dados mostram que pequenos detalhes deram a vitória. Em todos os quesitos houve essa acirrada disputa”.

Esse ano a Praça da FESP foi escolhida para ser o local da tarde de premiação por se tratar de um lugar aberto, com acesso livre e que conta com excelente infraestrutura. Além disso, foi uma maneira informal de lançar a decoração de Natal da FESP. “A ideia é que esse tipo de evento seja sempre em locais abertos, para que o povo possa participar”, disse a coordenadora.

O presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas esteve presente no evento e lembrou da importância da participação dos estabelecimentos, independente da premiação e que o concurso se consolida a cada ano e ganha ainda mais credibilidade. “O mais importante do festival é participar e mostrar o potencial dos bares que temos na cidade e a qualidade dos serviços prestados. Estamos felizes, pois foram quase três meses de visitação e as pessoas ficaram satisfeitas com o trabalho dos concorrentes. A FESP parabeniza a todos e esperamos que o ano que vem todos os participantes dessa edição estejam conosco novamente”, disse Fabio.

Incentivo

Ronaldo Lemos Amparado, proprietário da Esquina do Petisco, estabelecimento que foi eleito com o Melhor Tira-gosto de 2011 com o prato Costela Melosa, participou ao todo em três edições do festival (somente em 2010 não se inscreveu para o concurso). O prato agradou o paladar do público e Ronaldo irá mantê-lo no cardápio. “É um reflexo de que nosso desempenho foi bom. Manterei o prato no cardápio e espero que as pessoas venham apreciá-lo e conhecer nosso estabelecimento. Espero que o festival cresça cada vez mais e que incentive os bares a melhorar ainda mais os petiscos servidos e também o atendimento”, falou.

Para Carlos Barbosa Apolinário e Joana Almeida de Deus, da Esfiharia e Petiscaria Puro Sabor que levou o prêmio de melhor atendimento e o prêmio de melhor banheiro o movimento durante os dias de festival aumentou muito e fomentou as vendas do estabelecimento. “O segredo de nossa vitória é o desejo de vencer em tudo na vida e quando se quer vencer temos que fazer o melhor. A gente trabalhou e trabalha dessa forma e vamos continuar seguindo esta linha”, disse Joana. “É um festival que atrai as pessoas, elas gostam muito. Como foi a primeira vez que participamos, tivemos um reconhecimento muito rápido e muito grande do público participante”, completa Carlos. A novidade desse ano, que foi o prêmio de Melhor Atendente, com votação exclusiva pela internet, ficou para José Herculano Terra, mais conhecido como Herculano Alterosa, que trabalha no estabelecimento Parmegiana e Cia. Herculano ficou emocionado com o prêmio, concretizando o objetivo da inclusão desta categoria que é incentivar e valorizar o atendente. “Fiquei muito satisfeito. Foi a primeira vez que participei de um concurso. Acredito que o mais importante para um bom atendimento é ter carisma e servir com responsabilidade”, contou.

Walter Israel Júnior que é proprietário do estabelecimento Mané Caiçoca, o qual venceu na categoria Prêmio do Júri destacou a importância do festival como mais uma opção de lazer em Passos e um atrativo para os bares. “É uma satisfação muito grande. É um evento de grande credibilidade no mercado. O movimento aumenta muito durante os dias de festival. As pessoas saem de casa pra conhecer o evento. Há pessoas que nem têm o hábito de frequentar os bares e saem somente para apreciar o festival e com isso conhecem os locais e passam a ser consumidores assíduos”, disse.

O prêmio de Melhor Acessibilidade foi conquistado pelo Avalanches. O proprietário Luiz Carlos da Costa demonstrou um exemplo de preocupação com o cliente e de estar atento com as questões de responsabilidade social. “Quando fiz o novo projeto da minha lanchonete a primeira coisa que eu pedi ao engenheiro é que facilitasse o acesso para que pudéssemos receber todo o tipo de cliente e para que ele pudesse ser acolhido. O festival conta com um público diferenciado e exigente que nos prestigia e nos faz melhorarmos a cada dia na qualidade”, comentou.

Depois do término do jogo do Campeonato Brasileiro o show com os Irmãos Jerônimo seguiu até por volta de 21h30. A cobertura fotográfica completa e a repercussão dos resultados você pode conferir nas redes sociais na internet, na Galeria de Imagens do site da FESP (www.fespmg.edu.br) e no blog do festival (sabordepassos.wordpress.com).

Vencedores Sabor de Passos 2011:

Melhor Tira Gosto de 2011 - Costela Melosa, da Esquina do Petisco
Prêmio do Júri - Mané que é bão?, do Mané Caiçoca
Melhor Tira Gosto com Ingredientes Regionais - Sôdade do Sertão, do Bule Verde
Prato mais Criativo - Costela Tropical, da Esquina do Espeto
Melhor Banheiro - Esfiharia e Petiscaria Puro Sabor
Melhor Acessibilidade - Avalanches
Melhor Atendimento - Esfiharia e Petiscaria Puro Sabor
Melhor Atendente - Votação Online - Herculano Alterosa, da Parmegiana & Cia

Confira as fotos do evento na Galeria de Imagens da FESP AQUI

 Fonte: Departamento de Comunicação e Marketing



Contagem regressiva para o resultado da “4ª Edição do Festival Sabor de Passos”. O evento de encerramento será neste domingo, a partir das 16h30, em frente ao prédio principal da FESP, com show dos Irmãos Gerônimo e Rádio Jovem Pan. O projeto gastronômico é uma realização da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) com apoio do Jornal Folha da Manhã. Dezenove estabelecimentos comerciais participaram da competição que chegou a ser prorrogada a pedido da população.

Mais de 20 mil pessoas experimentaram os pratos e pelo menos 7mil participaram da votação popular. A seleção também contou com uma comissão da FESP e um corpo de jurados selecionados que percorreram os bares sem serem identificados pelos clientes. 

Serão escolhidos: o melhor tira-gosto, melhor atendimento, prêmio especial do júri, melhor tira-gosto com produtos tradicionais mineiros, melhor banheiro, prato mais criativo, melhor atendente (garçom ou garçonete, exclusivo votação em Internet), melhor acessibilidade (exclusivo Faculdade de Engenharia).

A apuração foi feita pelo IPFESP, Instituto de Pesquisas de Opinião e Mercado da FESP/UEMG, sob o comando de Bianca Righetto. Foram avaliados o sabor, apresentação, criatividade, higiene e organização do estabelecimento, banheiro e atendimento. Além disso, estudantes de engenharia visitaram os estabelecimentos para verificar infraestrutura e a acessibilidade dos locais.

O Projeto teve a participação de docentes e estudantes da FESP e tem como objetivo promover a cultura local, bem como movimentar a economia e o turismo. De acordo com a coordenadora do projeto, professora Heliza Faria, neste ano o item “criatividade” e a criação obrigatória de molho para cada prato ajudou a incrementar as receitas. “O molho deu um up no projeto, sem dúvida, porque os estabelecimentos utilizaram ingredientes mais criativos que fizeram a diferença”, afirma.

Segundo ela, nesta edição foi possível observar a influência do projeto nos estabelecimentos que fizeram modificações em estrutura e atendimento para melhorar a qualidade dos produtos e serviços. “Do ano passado para cá muitos fizeram mudanças físicas, estéticas, melhora no atendimento, investimento em fachada, identidade visual, reformas em banheiro, preocupação com acessibilidade e até mudança no cardápio, este é o sentido do Sabor de Passos”, explica a professora.

O evento deste domingo começa as 16h30, é aberta ao público e terá a participação da Rádio Jovem Pan, Irmãos Jerônimo e dos estudantes de Publicidade, Jornalismo e Direito, formandos de 2012, que montarão uma barraca para bebidas e petiscos.

Lista de concorrentes:

Globo Choperia
Esfiharia e Petiscaria Puro Sabor
Esquina do Espeto
Bule Verde
Avalanches
Parmegiana e Cia
Cia da Esfiha
À Moda Antiga
D’Luigi
Primu’s
Bar e Restaurante do Vanderli
Santo Sabor
Restaurante do Horto
Passa Tempo Happy Hour
Casa de Caldos Bem Feitinho
Esquina do Petisco
Mané Caiçoca
Spaghetti Grill
Restaurante Pilão

O Festival Sabor de Passos 2011 teve o apoio cultural das empresas: Ponto 10 Outdoor, SignMaker Comunicação Visual, Rádio Jovem Pan, Revista Foco Magazine, Purali.com, Portal Passos News, Sênior Uniformes, Guia Paparazzo e da Polícia Militar. 



Pelo segundo ano consecutivo, a Fundação de Ensino Superior de Passos, em parceria com a Folha da Manha e ACIP, promove o Premio Sucesso Empresarial. Na noite desta quinta-feira, no Espaço Absoluto, 59 categorias de empresas e estabelecimentos comerciais receberam o Selo Sucesso Empresarial 2011.

O objetivo do projeto é reconhecer e certificar as empresas pela qualidade de produtos e serviços oferecidos e pelas práticas em relação às ações sociais, econômicas e ambientais, servindo como exemplo para todos os estabelecimentos de Passos. “Eu tenho dito que o Sucesso Empresarial é um dos projetos mais importantes que nós temos porque converge três instituições extraordinárias: o nosso maior jornal que representa toda a região que é a Folha da Manhã, A ACIP com todo o peso dela que representa todo o empresariado e a universidade. E todo esse potencial de gerar idéias, inovação, discussões também culminou no 1º Fórum de Desenvolvimento de Passos, na semana passada, para discussão de uma grande preocupação que nós temos de unir forças também ao governo, onde temos eu, o Cássio Soares, nosso Deputado Estadual, e o Renato Andrade, representando todos os passenses junto ao Governo do Estado para conversar com o empresariado, com a universidade para discutir os rumos que podemos dar para a cidade de Passos e para nossa região. Hoje precisamos ser cada vez mais competitivos, criativos para que o potencial do povo de Passos possa ser aplicado em tecnologia, inovação e empregos melhores para que esta cidade possa ser referencia em bem viver e isso só vai acontecer quando tivermos excelentes empresas, indústrias que gerem empregos de qualidade” , afirmou o presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fábio Pimenta Esper Kallas.

O deputado estadual Cássio Soares participou da entrega dos prêmios e ressaltou a importância do evento para o desenvolvimento regional. “Eu sou entusiasta do Sucesso Empresarial, faço questão de prestigiar o evento e, agora, como representante atuando nesse campo político legislativo da Assembléia Legislativa, eu tenho uma missão muito importante e de grande responsabilidade que é a de resgatar a importância de Passos no nosso mercado, no nosso comércio, na nossa economia, no cenário estadual. Para isso já estivemos com a secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado, Dorotéia Vernek, e pedimos a ela um olhar carinhoso com as indústrias passensses, com a instalação de novas empresas passensses, grandes, médias, pequenas, incentivos às que já existe, para que a gente possa ter um desenvolvimento muito maior, com geração de emprego e com uma maior qualidade de vida para nossa gente”, disse.

Apuração

A avaliação foi feita através do Instituto de Pesquisa da FESP (IPFESP) e da Faculdade de Administração de Passos (FAP) através de amostragem e votação popular nos bairros de Passos, para a escolha dos cinco melhores empreendimentos em 59 categorias empresariais, e na elaboração, em uma segunda etapa, do diagnóstico das empresas selecionadas. Nesta segunda fase, os estudantes da FAP, orientados por seus professores, verificaram dados como a preservação ambiental, banco de dados de clientes, treinamento de profissionais, associação á ACIP, empreendedorismo e outros das empresas escolhidas pela população e após uma criteriosa análise dos dados recolhidos foram identificadas as 59 melhores empresas de Passos. Segundo as coordenadoras do projeto professoras Leila Maria Suhadoinik Oliveira de Andrade e Silvia Maria Oliveira Soares Maia, algumas empresas não quiseram receber os estudantes e desistiram de participar da competição. Neste ano, além do selo Sucesso Empresarial, foram contemplados com o “Selo Ouro” as seguintes categorias especiais: “Melhor Empresa de Passos”, segundo votação popular, que ficou para a Usina Itaiquara; o “Melhor Atendimento”, que ficou para o Supermercados São Jerônimo e o premio de “Empresário do ano”, que foi para Raul dos Reis Silveira, da Talento Moda Minas.

O colunista Mark Antonio Ferreira Piassi foi eleito o “Padrinho do ano”, pelo incentivo ao projeto. “O padrinho do ano é uma personalidade de nossa cidade que incentiva o bom atendimento em Passos e por meio de seus eventos de melhor atendente do ano, Mark sempre auxiliou no desenvolvimento do bom atendimento do nosso comercio”, explica Silvia Maia. O diretor da Folha da Manhã, Carlos Antonio Alonso Parreira, falou sobre a importância social da competição. “Várias empresas que no ano passado foram citadas como Sucesso Empresarial na atual já foram substituídas por esforço, acomodação ou por mudança da classificação. Isto é importante para as atividades porque o objetivo foi oferecer à sociedade uma ferramenta de avaliação transparente que levasse em conta não só a popularidade das marcas, mas principalmente a responsabilidade que cada uma delas desempenha na sociedade”, afirma.

O evento reuniu todo o empresariado de Passos. “É uma honra estar à frente da Acip, onde trabalhamos para o fomento das empresas de nossa Passos, parabenizo os empreendedores premiados pela competência e determinação na difícil tarefa do progresso de nossa sociedade”, afirmou o presidente da ACIP, Carlos Renato Lima Reis.

Confira a lista de empresas que receberam prêmios “Sucesso “Empresarial” nas 59 categorias:

1. Academia: CQV - Centro de Qualidade de Vida

2. Agência de Turismo: CVC

3. Auto Escola: Metrópole

4. Bar, choperia (ou similar especializado em servir bebidas): Bárbaro

5. Cabeleireiro: Antonieta

6. Carnes / Açougue: Passos Carnes

7. Casa de Frios: Center Frios

8. Concessionária de automóveis: Auto Passos Chevrolet

9. Concessionária de motos: Honda

10. Curso de línguas: Passos Curso de Inglês - Professor Van Dijk

11. Construtora: CMP

12. Disk Cerveja: Jarrão

13. Escola de Ensino Fund. e Médio da Rede Particular: Colégio Status

14. Escritório de Contabilidade: São Matheus

15. Estacionamento - venda de carros usados: Eldorado

16. Fábrica de laticínios: Lara

17. Farmácia de manipulação: Homeopassos

18. Farmácia ou Drogaria (sem manipulação): Drogaria São Geraldo

19. Floricultura: São Luiz

20. Hotel: Vila Rica

21. Gráficas e Editoras: São Paulo

22. Imobiliária (interm. compra, venda e aluguel de imóveis): Telinveste

23. Indústria de móveis (categorias 23 e 24): Melinho

24. Indústria e loja de confecções: Talento

 25. Indústria e loja de roupa íntima: Azarrara

26. Lanchonete (casa de sanduíche): Avalanches

27. Lavanderia: Washtec

28. Loja de acessórios e bijuterias: Pink Biju

29. Loja de água mineral: SOS Água

30. Loja de artigos de cama, mesa e banho: Pernambucanas

31. Loja de artigos esportivos: Casa Capitólio

32- Loja de artigos para presentes / brinquedos: Brinquelar

33. Loja de calçados: Via dos Pés

34. Loja computadores, periféricos e suprimentos de informática: Técnus Informática  

35. Loja de decoração: Requinte Decorações

36. Loja de gás: Ultra Gás – Roda gás

37. Loja de material elétrico: Comate

38. Loja de material hidráulico: Casa do Encanador

39. Loja de materiais de construção em geral: Depósito Vieira

40. Loja de móveis: Magazine Luiza

41. Loja de peças e acessórios para motos: Motokão

42. Loja de peças e acessórios para veículos autom. (carros): Peixinho Auto Peças e Escapamentos

43. Loja de produtos agropecuários e veterinários: Casa do Fazendeiro

44. Loja de roupa infantil: Impressinho

45. Loja de roupas multimarcas (boutique): São  Francisco

46. Loja de tintas e materiais para pintura: Só Tintas

47. Ótica: Passos

48. Padaria: Exposição

49. Papelaria: Papelândia Maxx

50. Perfumaria: O Boticário

51. Petshop: Clinica Veterinária São Francisco de Assis

 52. Pizzaria e/ou disk pizzas: Barolo

53. Posto de combustível: Roda Branca

54. Rádio / Comunicação: Transmérica

55. Relojoaria: Joaquim Ourives

56. Restaurante ou Churrascaria: Gaúcha

57. Serralheria: Queiroz

58. Sorveteria: Maipú

59. Supermercado: Tonin

 

Confira as fotos do evento na nossa galeria de imagens AQUI.

Fonte:Departamento de Comunicação e Marketing



Um dos temas de destaque do I Congresso Mineiro de Ensino Superior foi a pesquisa no Brasil. O presidente da Fapemig, Mario Neto Borges, falou sobre dois projetos de Lei que tramitam simultaneamente na Câmara dos Deputados e no Senado e que prevêem uma mudança positiva para a viabilização da pesquisa cientifica no país. “É uma novidade na medida em que se reúne numa única lei com 85 artigos toda a normatização relativa à aplicação do desenvolvimento e das interações de ciência, tecnologia e inovação. Resolve problemas que hoje são empecilhos como a questão de importações, de licitação, como a própria lei de inovação, dedicação exclusiva, a biodiversidade”, explica.

Segundo ele, a legislação atual atrasa o desenvolvimento científico pela morosidade e complexidade com que os projetos são submetidos para aprovação. “A burocracia é uma barreira e quando não um obstáculo intransponível ela atrasa e dificulta os processos científico-tecnológicos e principalmente a inovação, porque esta exige a interação entre o setor público e privado que isso não estando normalizado você tem dificuldades de fazer os contratos, fazer as parcerias e celebrar os instrumentos necessários para isso. O código vem exatamente atacando essa posição de uma forma objetiva e simples”, afirma.

A discussão contou com a participação do ex-reitor da Unimontes professor Paulo César Gonçalves que ressaltou a importância da pesquisa para o desenvolvimento econômico e social. “Nós na universidade procurarmos compreender os anseios, as angústias, as demandas da sociedade para que tudo isso se transforme em conhecimento e, enfim, em desenvolvimento”, disse.

O coordenador do Centro de Pesquisa e Extensão da FESP, professor Eduardo Goulart Collares, elogiou a condução do debate. “Para trabalhar a inovação dentro de uma universidade precisamos primeiro criar um banco de problemas e uma vitrine de inovações e com isso ter uma carteira de projetos”, afirma.

Fotos do evento AQUI na Galeria de Imagens da FESP

Fonte: Departamento de Comunicação Marketing



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  setembro 2020  >>
seteququsedo
31123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829301234
567891011