Banner do concurso

O projeto Sete Maravilhas de Passos, que está com a votação aberta desde o dia 25 de maio, tem movimentado reflexões sobre a cultura arquitetônica de Passos, despertando na população o interesse em prestigiar o patrimônio artístico e cultural do município. As votações acontecem na Internet pelo site da Fundação de Ensino Superior de Passos (www.fespmg.edu.br) e cada pessoa pode votar uma vez em sete opções.

O projeto é uma parceria entre a FESP e a Folha da Manhã e de acordo com um dos idealizadores e coordenador, o professor e fotógrafo Diego Vasconcelos, a aceitação é ampla. “Recebo muitos elogios sobre o projeto, pois toda a população de Passos vê uma grande importância nesse tipo de iniciativa cultural para a valorização do patrimônio histórico, artístico e cultural da cidade”, conta Diego.

O professor explica que a seleção dos bens que estão concorrendo foi feita por uma equipe qualificada com diversos arquitetos, artistas e historiadores da cidade.

A segunda fase do projeto terá início em julho com a continuação da votação pela internet e a votação física, em 10 urnas fixas espalhadas por pontos de grande circulação de pessoas na cidade. Serão pontos de votação os blocos da FESP, a ACIP (Associação Comercial e Industrial de Passos), Alvorada Pneus, Auto Passos, Lar São Vicente de Paula, CIC (Colégio Imaculada Conceição), Crediacip, Homeopassos, Sorveteria Maipú e Jornal Folha da Manhã.

“Estamos finalizando o material impresso, as urnas e o material de divulgação da segunda fase, para assim darmos chance para toda a população de Passos votar. Além das urnas fixas que ficarão nas lojas apoiadoras, teremos duas urnas que irão percorrer os prédios que estão em votação e alguns lugares de grande concentração de pessoas como a Casa da Cultura, Rodoviária, Fórum, Correios e na Câmara Municipal”, informa Diego.

As votações encerram-se no final do mês de julho e o resultado sai na segunda quinzena de agosto com o decreto na Câmara Municipal de Passos para institucionalização dos sete bens mais votados como as Sete Maravilhas de Passos.

Clique aqui para votar

Fonte: Agência Escola



Funcionários (as) participando do curso

Quarenta funcionários técnicos administrativos da Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP/UEMG) iniciaram no dia 7 de junho o curso à distância “Atendendo com Qualidade” no Centro Vocacional Tecnológico da FESP. O curso, que também é aberto ao público, é destinado a todos os profissionais que percebem o atendimento como principal diferencial de uma empresa e que têm interesse em desenvolver habilidades para atender cada vez melhor um cliente.

As primeiras turmas foram formadas por pessoal dos setores de Secretaria, Assuntos Acadêmicos, Telefonistas, Secretárias de direção e Biblioteca.

A expectativa segundo o coordenador do CVT, professor José de Paula Silva, é que as turmas concluam o primeiro curso nesta semana tendo a duração total de duas semanas e que cada funcionário possa fazer no mínimo três cursos dentre os oferecidos pela rede CVT. “A FESP é uma parceira importante da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SECTES) como gestora do CVT. Além da gestão do CVT, esse programa de capacitação dos funcionários demonstra a preocupação da FESP em aprimorar seu corpo técnico, promovendo os cursos de capacitação contínua”, disse o professor José de Paula.

As turmas funcionam às terças e quintas das 9 às 17 horas. Os funcionários que ainda não estão fazendo o curso poderão se matricular para as novas turmas a serem formadas.

O curso “Atendendo com Qualidade” é aberto à comunidade assim como os outros 48 cursos do CVT nas áreas de Agricultura e Pecuária; Primeiro Emprego; Informática; Cidadania; Empreendedorismo e Meio Ambiente. “O curso permitirá que os funcionários da FESP percebam o atendimento como principal diferencial desenvolvendo habilidades para atender cada vez melhor os nossos alunos e professores”, concluiu José de Paula

Fonte: Agência Escola



Fabio Kallas recebe o Consul da Australia - Mister Gregory Wallis

O presidente do Conselho Curador da FESP e subsecretario de Ensino Superior de Minas Gerais Fabio Pimenta Esper Kallas recebeu nesta terça-feira (21) o cônsul da Austrália Gregory Wallis e a gerente de Desenvolvimento de Negócios Ana Carolina Bonamin.

Durante o encontro, foram discutidos assuntos como a questão das águas, genética bovina e intercâmbios estudantis. “Minas Gerais e Austrália têm interesses mútuos em aumentar esta relação governamental”, explica o subsecretário Fabio Kallas que, na reunião, convidou o cônsul para participar do I Congresso Mineiro de Ensino Superior que acontecerá na primeira quinzena de outubro deste ano.

O subsecretário sugeriu que o consulado participe com uma palestra sobre o tema: Relações Internacionais entre Instituições de Ensino Superior - Intercâmbios entre alunos e professores e projetos de Pesquisa e Extensão. “Ele aceitou de pronto e vai enviar o nome do palestrante - que poderá ser até ele mesmo – para o Congresso”, afirma o presidente da FESP, Fábio Kallas.

O I Congresso Mineiro de Ensino Superior é uma ação da subsecretaria de Ensino Superior da SECTES que vai promover uma grande discussão sobre os rumos da Educação Superior em Minas Gerais. O subsecretário Fabio Kallas presenteou o Cônsul com a Revista e o Jornal Fesp em Ação, com notícias sobre os avanços dentro da instituição e também com o livro “Wagner de Castro - Ensaio para uma pintura Espírita”, cujo lançamento, em março deste ano, teve apoio da FESP.



Por meio do curso de Sistemas de Informação, a Fundação de Ensino Superior de Passos irá promover de 26 a 28 de outubro a TecnoFESP, uma feira de tecnologia e inovação com a presença de expositores da área de informática, segurança (residencial, empresarial e pública) e outros tipos de inovações tecnológicas. O evento será realizado no Ginásio Poliesportivo Elzo Calixto Mattar (Barrinha) e ficará aberto à visitação pública das 10h às 22h.

O público-alvo é composto por empresas de tecnologia, escolas e a comunidade em geral de Passos e região. “Todo cidadão é um potencial cliente para as empresas expositoras”, lembra o coordenador da TecnoFESP, o professor Alessandro de Castro Borges. Além dos produtos e serviços dos expositores que são as principais atrações do evento serão realizadas palestras sobre tecnologia.

O objetivo principal da feira é apresentar à população, bem como às empresas e órgãos públicos de Passos e região, as novidades tecnológicas atualmente disponíveis para uso doméstico, profissional ou de lazer, fornecendo desempenho avançado e promovendo maior segurança pública, predial e residencial. “A TecnoFESP irá contribuir para a informação sobre os avanços tecnológicos e permitir o acesso a esses recursos. O evento irá procurar dar projeção às empresas de Passos e região que participem do evento como expositores”, ressalta Alessandro.

O objetivo maior do evento, entretanto, é contribuir para o início dos trabalhos de implantação de um polo tecnológico em Passos. “A FESP é responsável por vários avanços tecnológicos conquistados em Passos e região. Utilizamos o potencial da fundação e a pedido do presidente do Conselho Curador criamos a feira”, conclui Alessandro.

Fonte: Agência Escola



Deputado Estadual Cássio Soares, Subsecretario de Ensino Superior de Minas Gerais - Fabio Pimenta Esper Kallas, Subsecretaria de Política Urbana, Renato Barbosa de Andrade

O presidente do Conselho Curador da FESP e subsecretário de Ensino Superior de Minas Gerais Fabio Kallas se reuniu nesta quarta-feira (15) com o subsecretário de Política Urbana, Renato Andrade e com o deputado estadual Cássio Soares para discutir o projeto para evitar enchentes em algumas regiões do município de Passos.

O encontro foi na Cidade Administrativa Tancredo de Almeida Neves, em Belo Horizonte, na sede da Sectes. O presidente da FESP Fábio Kallas apresentou o projeto de recuperação de uma barragem localizada na fazenda experimental da fundação. “A barragem está rompida há algum tempo e estamos buscando apoio para a recuperação. Nossa proposta é levantar o nível da barragem de modo que ela segure as enchentes na parte superior do município, evitando assim as enchentes na região do Polivalente”, explica o presidente do Conselho Curador.

Segundo ele, a barragem segura o volume de chuvas intensas e permite que a água do Córrego São Francisco possa escoar para o Ribeirão Bocaina sem grande acúmulo, evitando ultrapassar o canal de contenção. “Além disso, a recuperação vai permitir que vários projetos de piscicultura da escola de Agronomia na fazenda experimental da FESP possam ser implementados”, ressalta Fábio Kallas.

A solicitação foi entregue ao deputado Cássio Soares para que ele interceda junto aos órgãos do governo para captação de recursos e equipamentos para a obra.

“Estou à disposição da FESP para levar melhorias para a barragem que também evitará o recorrente problema de enchentes na região próxima ao Polivalente em Passos. Este pedido será encaminhado com especial pedido meu para que em breve possamos ter a barragem recuperada e cumprindo sua função de espaço para projetos da FESP", afirmou Cássio Soares.

"Também estou disponível para buscar junto ao governo aqueles que possam nos ajudar a recuperar a barragem da FESP. Somos três forças de Passos, unidos em busca de benefícios para Passos e região. Devemos estar sempre juntos para que necessidades como estas cheguem àqueles que precisam de nossa ajuda", ressaltou Renato Andrade.



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  dezembro 2020  >>
seteququsedo
30123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
45678910