Julia Moraes – Estagiária da Assessoria de Comunicação da UEMG Passos 

Na tarde de sexta-feira, 14/06, na Casa da Cultura de Passos, aconteceu o lançamento da coletânea de livros "Compilado de Artigos sobre pessoas que vivem com HIV". São três livros, abordando diversas temáticas sobre a convivência com o HIV: o primeiro, com o tema de "Assistência Integral à Saúde da criança, da mulher e do adolescente", o segundo aborda os temas "Relacionados ao conhecimento do HIV, à nutrição e à exposição ao material biológico" e o terceiro traz a temática "Relacionados à busca ativa aos faltosos, às populações-chave prioritárias, à prevalência e às atividades educativas". Estavam presentes alguns autores da coletânea, como a organizadora e autora Josely Pinto de Moura, o autor Geilton Xavier de Matos e as autoras Maria Olímpia Almada e Raquel Dully Andrade, além do Diretor Uemg Passos, também autor de um dos artigos publicados, Professor Itamar Teodoro de Faria.

O docente da Universidade do Estado de Minas Gerais e coordenador da farmácia do Ambulatório Escola, Geilton Xavier de Matos conta um pouco sobre sua colaboração para a construção da obra: “Eu fui responsável por auxiliar a Josely, juntamente com a Raquel e a Maria Olímpia a selecionar os artigos que fossem fazer parte desta coletânea, são tres obras que reúnem quase todos os artigos, projetos,  e TCCs dos últimos três anos no Ambes, todos eles relacionados ao local, com o intuito de divulgá-lo”.

Toda a coletânea reúne artigos de discentes da Uemg, responsáveis por realizar, com o auxílio dos professores, várias pesquisas relacionadas à pessoas que vivem com HIV.  Foi uma união entre docentes e discentes, uma conquista significativa para todos os envolvidos.

“A grande importância desta publicação é prepararmos os alunos para uma vida acadêmica e, mesmo para aqueles que não tiverem interesse de seguir uma carreira acadêmica, será um diferencial relevante no currículo dos discentes e uma formação em Ensino e Pesquisa, bem apurada. É um dia de muita emoção, de alegrias e realizações, porque é uma obra que foi feita em muitas mãos, com uma equipe multidisciplinar, além de contar com a importante participação da equipe do Ambes, onde foram realizadas todas estas pesquisas”, afirma a autora Josely Pinto de Moura.

A professora e autora Raquel Dully Andrade, comenta que esta “é uma conquista muito importante para a autoestima, para a motivação destes alunos, para que eles possam continaur buscando conhecimento, novos horizontes, estimulando o seu processo contínuo de aprendizagem ao longo da vida”.

As pesquisas que foram fruto deste trabalho são essenciais para as pessoas que vivem com HIV, e, segundo a docente da Universidade e uma das autoras, Maria Olímpia Ribeiro do Vale, os pacientes possuem várias considerações, tanto da doença, quanto para o tratamento. “Há várias contra indicações, problemas medicamentosos, do metabolismo, que vão interferir na qualidade de vida das pessoas. As pesquisas relacionadas a isso são importantes, para melhorar a qualidade de vida delas, para que possam viver melhor”.

 “Este é um resultado do trabalho de professores extensionistas e acadêmicos da área de Saúde, que vem se dedicando sobre assuntos pertinentes ao Ambulatório, um centro de referências para Infecções Sexualmente Transmissíveis. A obra lançada é uma das amostras de que nós efetivamente produzimos conhecimento e que ele interfere positivamente na sociedade”, afirma o Diretor Itamar Teodoro de Faria.



 

Julia Moraes – Estagiária da Assessoria de Comunicação UEMG Passos

No dia 13 de junho, o 3° Período de Nutrição da UEMG Passos participou de uma avaliação a partir da degustação de petiscos saudáveis desenvolvidos pelos estudantes, a atividade foi coordenada pela professora Jussara de Castro Almeida,

A atividade é um projeto de Ensino Interdisciplinar, envolvendo as disciplinas de Higiene e Legislação, Nutrição e Dietética I e Técnica Dietética. A professora ressalta que “o intuito é que os alunos utilizem a teoria de forma prática, construindo preparações do ponto de vista adequado, higiênico e sanitário, da técnica nutricional, envolvendo os nutrientes chaves. Como o tema escolhido foi petiscos saudáveis, percebemos no mercado uma deficiência relacionada a isso, então, muitas pessoas vão a bares e não há coisas saudáveis. Queremos criar algo saudável, saboroso e em um preço acessível”.

A degustação foi avaliada por seis jurados. Quatro nutricionistas, compondo o júri técnico e mais duas pessoas representantes do paladar popular. Estavam presentes na mesa os nutricionistas Enrico Mota Joele, Lyvia Mendes, Sabrina Silva e Vivian Freitas. O Diretor Acadêmico da Unidade Passos, Itamar Teodoro de Faria, e a funcionária Letícia Helena Freitas Santos forma os escolhidos para representar a opinião do público.

Um dos estudantes participantes da atividade, Éverton Augusto Marques, enfatiza a importância da realização deste tipo de evento: “É bem interessante essa interação do aluno com o professor e a matéria. Isso proporciona para nós, estudantes, a técnica real, a gente vivencia e tem todo um aparato sobre qualquer coisa que tivermos que produzir na disciplina, saímos de dentro da sala e realmente fazemos algo relevante e relacionado com o conteúdo passado durante a aula”, conclui.

 Enrico, Lyvia e Sabrina são egressos da UEMG Passos e também participaram desta atividade quando ainda eram estudantes de Nutrição. “Eu passei por esse processo e conhecemos de forma abrangente essa área, dentro da produção, até mesmo dentro do marketing, como divulgar o produto, e como incentivar a população a consumir alimentos cada vez mais saudáveis. Comecei a me recordar da minha época, a gente produzindo o alimento que criamos em casa, então, é sensacional voltar aqui”, comenta Lyvia, sobre a alegria de estar de volta à Uemg, para prestigiar os estudantes e contribuir com o aprendizado e formação deles.

“É uma atividade que o curso de Nutrição sempre faz para incentivar a criatividade dentro das normas da profissão, algo importantíssimo para a formação deles. A ideia é de que qualquer comida consegue ser feita com um tom mais saudável, mesmo que sejam petiscos de buteco. Qualquer comida pode ser gostosa, inclusive as saudáveis”, conclui o Diretor Itamar.

 



 

Fabiana Dias de Lima, Felipe Misuraca Meirelles e Tatiane Moreira Análio – Estudantes de Jornalismo

Os Centros Acadêmicos dos cursos de Ciências Biológicas Bacharelado e Ciências Biológicas Licenciatura promoveram na Praça do Rosário, em Passos, o evento “Biologia na Praça”. A atividade que aconteceu no dia 06 de junho, fez parte da Semana do Meio Ambiente e teve como objetivo levar à comunidade trabalhos realizados na Universidade e frisar a importância do meio ambiente para a sociedade. 

 “Este é um evento que contempla uma parte importante do trabalho da Universidade que é a Extensão. É o momento em que os alunos e professores interagem com a comunidade externa à Universidade e pode estender seus conhecimentos e ações a esse público que nem sempre se dá conta do que é feito na Academia. Portanto a comunidade se beneficia diretamente com este tipo de ação.” comenta o coordenador de Ciências Biológicas Licenciatura, Juliano Fiorelini.

A programação contou com entrega de mudas de árvores frutíferas e plantas de grande porte em parceria com o Policial Militar do Meio Ambiente. “A comunidade precisa conhecer melhor a importância sobre a preservação do meio ambiente, em nossa Universidade esta pauta é muito discutida e vários projetos acadêmicos buscam preservar a natureza, como também conscientizar as pessoas sobre o tema”, afirma o Diretor Itamar Faria. 

 



 

Texto: Julia Moraes – Estagiária Assessoria de Comunicação UEMG Passos

No dia 12 de junho, o Ambulatório Escola (AMBES), promoveu o evento Pit Stop do Amor em comemoração ao dia dos Namorados. A atividade foi realizada na Entrada B do Bloco 04, na Avenida da Moda. Quem passou pelo local teve a oportunidade de aferir a pressão arterial, realizar testes rápidos de Hepatite B, Hepatite C e Sífilis, além de receber gratuitamente preservativos masculinos.

Alguns estudantes do curso de Enfermagem e Biomedicina estavam presentes no local realizando a aferição, com a supervisão do Enfermeiro e Professor, Policardo Gonçalves da Silva, e da Docente dos cursos de Enfermagem e Ciências Biológicas Bacharelado, Josely Pinto de Moura.

"É importante divulgar a prevenção e orientar as pessoas para realizarem os testes rápidos, que são medidas preventivas. Aproveitamos o momento para distribuir os preservativos e incentivar o uso deles, principalmente nesta data do Dia dos Namorados", conta a professora Josely Pinto de Moura.

A Coordenadora do Ambulatório, Luana Matos Silva Araújo, fala sobre a realização deste tipo de ação, “o objetivo principal é ampliar as ações que já realizamos no AMBES, principalmente porque esta ação está acontecendo em períodos em que normalmente o Ambulatório está fechado, no horário do almoço".

No dia 12 o Ambulatório Escola realizou na Campanha Pit Stop do Amor, 39 testes rápidos, cerca de 100 aferições de pressão arterial e a distribuição de aproximadamente 1.800 preservativos.

"Estar em contato com a população é muito valioso para nós alunos, porque ficamos muito tempo na teoria e quando estamos aqui, ficamos na prática. Temos a oportunidade de ver vários casos, de reforçar a técnica, que também temos na faculdade, mas é muito diferente fazer lá, treinar nos colegas ou em bonecos, e fazer aqui, porque toda pessoa é diferente e a experiência com cada um também é, logo, é muito valioso para os discentes participantes", explica a discente do 5º período do curso de Enfermagem da UEMG Passos e estagiária voluntária do AMBES, Glaucia Ferreira.

 



 

Julia Moraes – Estagiária da Assessoria de Comunicação UEMG Passos

Durante os dias 04, 05 e 06 de junho, o Centro Acadêmico de Direito XIII de Fevereiro e o Centro Acadêmico de Serviço Social Márcio Nalini promoveram o XV Fórum Jurídico Social. O evento também foi promovido com o objetivo de comemorar os 25 anos do curso de Direito da UEMG, Unidade Passos.

 “O que sempre proporcionamos aos alunos é a oportunidade de submissão de artigos, além de eventos diversos que caminhem de mãos dadas com os cursos de Direito e Serviço Social. O critério era que fossem temas relevantes a ambos os cursos, atuais e que se encaixassem em Sociedade, Políticas Públicas e Direitos”, conta o presidente do C.A de Direito XIII de Fevereiro e aluno do 3º período, Guilherme Henrique Dias Martins.

A presidente do C.A de Serviço Social Márcio Nalini e estudante do 5º período, Amabile Maria de Moura Passos, afirma que “o Fórum foi importante para marcar um espaço de diálogo que devemos fortalecer, porém, dentro disso, temos muito a caminhar no sentido de afinar os temas, posicionar os cursos frente às demandas e necessidades da comunidade, estabelecer linhas de pesquisa específicas para trabalharmos entre os cursos e fazer com que sejam efetivas na Universidade. Temos muito em comum, precisamos nos organizar”.

 “Os alunos participaram em grande escala das palestras temáticas, da abertura artística e o que muito nos alegrou, foi ver que os alunos tiveram grande interesse na submissão dos artigos, muitos deles submeteram e apresentaram seus artigos aprovados. O Fórum se apresenta como um precioso momento universitário para acadêmicos e docentes, que trocam experiências, estreitam relacionamentos e através dos fóruns, debates e comunicações interagem e conhecem um pouco mais das características e peculiaridades de cada profissão - jurídica e social”, pontua o presidente do C.A de Direito.

O discente do 9º período do curso de Direito, Guilherme de Almeida, foi um participante assíduo na programação do Fórum, comparecendo na abertura, apresentação cultural, palestras e apresentação de artigos.

“Foi uma excelente programação, com atividades importantes para a formação jurídica e social dos estudantes, foram temas atuais e muito relevantes no cenário nacional”, conta o estudante.

A coordenadora do curso de Serviço Social, Claudia Fernandes Silva Souza, relata a tradição presente no Fórum Jurídico Social: “Acontece na Universidade desde 2002, com o objetivo de fomentar a iniciação científica, estudos, discussões e debates acerca das questões jurídico sociais. Os cursos de Serviço Social e Direito se uniram através do Fórum e desde então realizam anualmente este espaço de discussão. Eles atuam na busca de efetivação de direitos junto à sociedade. Um complementa o outro. As ferramentas jurídicas e sociais se entrelaçam na mediação e resolução de conflitos existentes na sociedade”.

Uma das docentes da Universidade do Estado de Minas Gerais, Renata Farche Alves, participou da Mesa Redonda sobre guarda compartilhada e alienação parental, além de orientar artigos sobre bullying e aspectos psicossociais, sistema carcerário, feminismo, entre outros.

            “A iniciativa dos Centros Acadêmicos foi muito consciente do seu papel, uma vez que os alunos necessitam vivenciar oportunidade de crítica e reflexão, para além da sala de aula, buscando referências de teorias e profissionais também de outras áreas para problematizar os contextos de atuação do mercado de trabalho”, afirma a docente.



Notícias por ANO e MÊS

Calendário de Noticias e Eventos

<<  junho 2019  >>
seteququsedo
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
1234567